SUGADORES DE ENERGIA


Parece mentira, mas há pessoas que parecem "sugar" energia da gente! O Ph.D. em Administração de Empresa Luiz Almeida Marins Filho, relatou em um dos seus livros, que certa vez estava muito
bem, alegre e satisfeito. E encontrou-se num shoping com um amigo e em meia hora de conversa, o amigo deixou-o um verdadeiro "trapo", deprimido, triste.
Depois ficou pensando no que aconteceu e logo percebeu que aquela conversa horrível do “amigo”, falando só de doenças, roubos, estupros, filhos de amigos que haviam caído no vício, desemprego, falta de dinheiro, etc. acabou roubando-lhe a sua energia positiva! Quando acabou a conversa (onde só o amigo falou) ele parecia estar melhor do que nunca e, diz o Dr. Luiz, eu... em profunda depressão.

Cuidado com esses “sugadores de energia positiva”. Eles estão em todo o lugar:
no trabalho, na família, na roda de amigos. Eles só sabem falar de desgraças.
Só lêem obituário dos jornais e a seção de crimes horrendos, Gravam em vídeo o noticiário policial. Fazem estatísticas e sabem de cor quantos sequestros ainda não foram desvendados, quantas crianças continuam desaparecidas, quantos sem-teto, semterra, sem-emprego, sem-tudo existem no mundo!

Essas são aquelas pessoas que quando você propõe um piquenique elas logo dizem:
"- Vai chover!". São pessoas que azedam baldes de sal-de-fruta.
Eles são sempre "do contra". Avisam que "não vai dar certo"
e torcem para que nada aconteça. Depois dizem: "- Eu sabia que não ia dar certo...".

Esses "sugadores de energia" vivem da energia alheia e é muito difícil conviver com alguém "puxando você prá baixo" o tempo todo.
Não seja você também um "sugador de energia"

Que felicidade que seria a nossa, se aprendêssemos a expulsar da nossa memória as coisas desagradáveis, idéias tristes e deprimentes. Com certeza, nossa força iria multiplicar se pudéssemos conservar só os pensamentos que elevam e animam.

Há pessoas que não podem se lembrar das coisas agradáveis. Quando nos encontram, tem sempre algo de triste a contar. Com qualquer mal que sofreram, se angustiam muito. Como se não bastasse, se preocupam até com que vão sofrer... Sabem lembrar-se só de fatos discordantes.
Dão a idéia de um armazém de quinquilharias, objetos inúteis e deteriorados.
Retém tudo mentalmente, com medo de precisarem uma vez ou outra, disto ou daquilo, de maneira que o seu armazém mental está entulhado de detritos...
Bastaria que estas pessoas fizessem uma limpeza regular, que as livrassem dos montões inúteis e depois, organizassem o que sobrou, para terem êxitos. No entanto, não são incomuns, pessoas que se "enterraram" na infelicidade e na desarmonia.

Outras, fazem exatamente o contrário. Falam sempre de coisas agradáveis e interessantes experiências que têm feito.
São indivíduos que passaram até perdas, aflições, mas falam delas tão poucas vezes, que parece nunca terem tido na vida, senão boa sorte e amigos. Estas pessoas fazem-se amar.
O hábito de mostrar aos outros o nosso aspecto positivo, é o resultado do nosso equilíbrio interior.
Quando estamos tristes por algum sofrimento, devemos procurar a sua causa para eliminá-lo.
Geralmente, porém, quando sofremos, buscamos a causa fora de nós.

Vemos pessoas se queixando que tem má sorte, suspeitando que seu vizinho é a causa, porque não se dá com ele, ao passo que ele é bem favorecido com a sorte nos negócios, na vida familiar, sendo estimado inclusive, pelos conhecidos.
Se examinarmos as circunstâncias da vida destas pessoas, verificaremos que a queixosa é negligente, gastadora, intolerante nas opiniões e indisciplinada, ao passo que a outra pessoa é cumpridora dos seus deveres, econômica, modesta, não calunia, nem adula.
Emprega bem o seu tempo disponível lendo bons livros, fazendo cursos, esportes, ajudando seu próximo, sendo útil. Por isso, é estimada. Ao passo que a queixosa, está sempre perdendo (tempo, trabalho, fregueses, dinheiro, a família e os amigos), e sempre não tem tempo.

Vamos eliminar dos nossos corações, a desconfiança, o ódio, a inveja e a descrença e vamos cultivar a alegria, a fé e a crença no amor e na Justiça Divina, e será certo que venceremos na luta que a vida nos destina.


(Jornal da Mocidade – Ago/97 e Revista Espírita Allan Kardec – Mar/98)

Exibições: 4119

Responder esta

Respostas a este tópico

Os seres sencientes, aqueles que têm sensações e têm consciência de q as têm; os seres vivos.  

Exato. E cada um a seu modo segundo a sua própria lei.

Sinto dizer q o amigo se engana, pois não é isso q a doutrina ensina; a codificação ensina que todos somos criados absolutamente iguais; logo, o modo de todos e a lei de todos tb teriam de ser perfeitamente iguais.  

Sim, fomos criados absolutamente iguais em essência, mas não em identidade. Portanto, o modo de cada um é próprio do ser individual.

Novamente o amigo se engana pois porq sofrerão os homens se erram conforme o modo de cada um e, como vc diz, o modo de cada um é próprio dele, isto é, foi Deus que lhe deu o modo pelo qual age?

Não. Deus nos deu a lei. A decisão de segui-la é de cada um. Aquele que não aderiu a Lei tenta criar a sua própria lei à seu modo.

Se Deus nos deu a lei, e a decisão, a escolha de segui-la, é de cada um de nós, porq uns a seguem e outros não, se somos, segundo a codificação, criados perfeitamente iguais?

Criados perfeitamente iguais em essência e não em identidade.

A doutrina ensina que, devido a ser Deus justo, somos todos, absolutamente todos, criados perfeitamente iguais qto a todos os requisitos necessários à evolução; logo, se nos tornamos desiguais devido à identidades diferentes Deus não é justo, pois é exatamente ele que nos cria, segundo vc, com identidades desiguais.

Certo, e assim tem que ser para que cada qual seja responsável pelas consequências das suas escolhas. Isso é justiça, pois Deus é justo e bom. Do contrário seríamos autômatos e não poderíamos dizer "eu sou".

Mas, se Deus é justo e bom, porq é q absolutamente todas as suas criaturas sofrem?

Errado. Não é "absolutamente todas as criaturas sofrem", mas sim, relativamente as criaturas sofrem.

Responder à discussão

RSS

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

ASSOCIE-SE E COLABORE

Artigos Espíritas

Ridículo silêncio

                                                             RIDÍCULO SILÊNCIO

Há muitas espécies de provação para a dignidade pessoal e numerosos gêneros de defesa.
Há feridas que atingem a honorabilidade de família, golpes que vibram sobre a realização individual, calúnias que envolvem o nome, acusações gratuitas, comentários desairosos à…

É sempre tempo de receber visitas (por Jane Maiolo)

É sempre tempo de receber visitas

Por Jane Maiolo

Pois, se nem ainda podeis as coisas mínimas, por que estais ansiosos pelas outras?” (1) Lucas 12:26

 …

Em geral o Espiritismo não trabalha com datas predefinidas para acontecimentos.

Em geral o Espiritismo não trabalha com datas predefinidas para acontecimentos.

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Desde que o mundo é mundo o homem busca, por meio das previsões, antecipar-se…

Reflexões sobre ações e críticas

            Você já se perguntou o que é a verdade? Jesus ao ser indagado por P Pilatos, na descrição do Evangelho segundo João, capítulo XVIII, respondeu com o maior silêncio que a humanidade já ouviu. Tenho me perguntado por que Ele adotou tal postura?   

            Neste…

Espiritualidade em comportamento de crise (por Jane Maiolo)

Espiritualidade em comportamento de crise

Por Jane Maiolo

 

Então disseram os fariseus entre si: vede que nada é proveitoso! Eis…

Últimas atividades

Dora Agapito curtiu o vídeo de ANA MARIA TEODORO MASSUCI
12 horas atrás
Dora Agapito curtiu o vídeo de Amigo Espírita
13 horas atrás
Dora Agapito entrou no grupo de Amigo Espírita
Miniatura

Tirando Dúvidas

Espaço reservado à perguntas doutrinárias, tirando as dúvidas dos membros quanto a Doutrina Espírita. Não serão respondidas perguntas particulares,  As respostas serão postadas neste mesmo grupo e serão respondidas pela Equipe da Rede Amigo EspíritaVer mais...
13 horas atrás
Dora Agapito curtiram o evento Tirando Dúvidas de Amigo Espírita
13 horas atrás
Conceição Valadares curtiram o evento “Eu encontrando Eu mesmo”, com Dr. Virgilio Knupp de Carlos Pretti - SCEE
13 horas atrás
Posts no blog por ANA MARIA TEODORO MASSUCI
15 horas atrás
Ícone do perfilSandra Regina Ribeiro da Silva, Kátia, Édila Marinho e mais 3 pessoas entraram em RAE
15 horas atrás
JORGE RAMOS respondeu à discussão O que aconteceu com a diversidade das mediunidades nas reuniões mediúnicas espíritas? de Amigo Espírita no grupo Artigos Espíritas
"  Reflitamos essas colocações acerca da pouca atenção que as Casas Espíritas dispensam à diversidade das expressões da mediunidade na perspectiva dos médiuns novatos; o quão lhes…"
16 horas atrás
JORGE RAMOS entrou no grupo de Amigo Espírita
Miniatura

Artigos Espíritas

Grupo destinado a divulgação de ARTIGOS da DOUTRINA ESPÍRITA através dos nossos articulistas. Não são aceitas postagens de trechos de livros e outros textos.."Material postado nessa pagina tem autorização de seus autores para publicação na REDE AMIGO ESPÍRITA, a reprodução total ou parcial dos dados aqui publicados em outros veículos de mídia podem ser interpretados como violação de direitos autorais, e seus autores agirem conforme informa a lei"Ver mais...
16 horas atrás
Joao Iudes Nodari curtiram a discussão Inteligência & moralidade de Feeak Minas
21 horas atrás
Joao Iudes Nodari curtiram a discussão Inteligência & moralidade de Feeak Minas
21 horas atrás
Joao Iudes Nodari curtiram a discussão Em geral o Espiritismo não trabalha com datas predefinidas para acontecimentos. de Wellington Balbo
22 horas atrás
Ori Pombal Franco curtiram o evento “Eu encontrando Eu mesmo”, com Dr. Virgilio Knupp de Carlos Pretti - SCEE
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o evento “Eu encontrando Eu mesmo”, com Dr. Virgilio Knupp de Carlos Pretti - SCEE
ontem
Carlos Pretti - SCEE postou um evento
Miniatura

“Eu encontrando Eu mesmo”, com Dr. Virgilio Knupp em Sociedade Colatinense de Estudos Espíritas

21 julho 2019 de 9 a 10:15
“Eu encontrando Eu mesmo”, este será o tema da palestra do odontólogo e orador Dr. Virgilio Knupp de Colatina-ES, será no próximo domingo 21 de julho de 2019, de 09 às 10h da manhã, na Sociedade Colatinense de Estudos Espíritas. Dr. Virgilio é um dos fundadores e está como presidente da SCEE. Ele faz abordagens didáticas baseadas em estudos de O Livro dos Espíritos e O…Ver mais...
ontem
luis conforti junior respondeu à discussão "QUANDO NÃO APRENDE ATRAVÉS DO AMOR, APRENDE-SE ATRAVÉS DA DOR" de rosyres mendes
"Já encontrei e acabo de publicar um tópico relativo ao q estamos falando, isto é, q Jesus e Paulo disseram q não existe livre-arbítrio, q não são as obras q nos salvam e q e os pensamentos não…"
ontem
GIVANICE MACHADO curtiu a postagem no blog SUA FÉ SUPORTA AS TEMPESTADES DA VIDA ? de ANA MARIA TEODORO MASSUCI
sábado
Rogério Barbosa agora é amigo de Mallu Consas e Decio Ney Rocha Naves
sexta-feira
Feeak Minas adicionou uma discussão ao grupo Artigos Espíritas
Miniatura

Ridículo silêncio

                                                             RIDÍCULO SILÊNCIO Há muitas espécies de provação para a dignidade pessoal e numerosos gêneros de defesa. Há feridas que atingem a honorabilidade de família, golpes que vibram sobre a realização individual, calúnias que envolvem o nome, acusações gratuitas, comentários desairosos à reputação, análises mentirosas de situações respeitáveis e escândalos do ridículo.…Ver mais...
sexta-feira
Ícone do perfilANGELAMARIA DE LOURDES FREIRE, Mauro Agenor Dal Belo, Darney Gonçalves Teixeira e mais 8 pessoas entraram em RAE
sexta-feira

Regras de uso e de publicação

 

 

Badge

Carregando...

© 2019   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço