A queda maior é saber e não fazer - Reflexões sobre a consciência espírita

CONSCIÊNCIA ESPÍRITA

Diz você que não compreende o motivo de tanta autocensura nas comunicações dos espíritas desencarnados. 

Fulano, que deixou a melhor ficha de serviço, volta a escrever, declarando que não agiu entre os homens como deveria; sicrano, conhecido por elevado padrão de virtudes, regressa, por vários médiuns, a lastimar o tempo perdido...

E você acentua, depois de interessantes apontamentos:

- Tem-se a impressão de que os nossos confrades tornam, do Além, atormentados por terríveis complexos de culpa.

Como explicar o fenômeno?

Creia, meu caro, que nutro pessoalmente pelos espíritas a mais enternecida admiração. Infatigáveis construtores do progresso, obreiros do Cristianismo Redivivo.

Tanta liberdade, porém, receberam para a interpretação dos ensinamentos de Jesus que, sinceramente, não conheço neste mundo pessoas de fé mais favorecidas de raciocínio, ante os problemas da vida e do Universo. Carregando largos cabedais de conhecimento, é justo guardem eles a preocupação de realizar muito e sempre mais, a favor de tantos irmãos da Terra, detidos por ilusões e inibições no capítulo da crença.

Conta-se que Allan Kardec, quando reunia os textos de que nasceria O Livro dos Espíritos, recolheu-se ao leito, certa noite, impressionado com um sonho de Lutero, de que tomara notícias.  O grande reformador, em seu tempo, acalentava a convicção de haver estado no paraíso, colhendo informes em torno da felicidade celestial.

Comovido, o codificador da Doutrina Espírita, durante o repouso, viu-se também fora do corpo, em singular desdobramento...

Junto dele, identificou um enviado de Planos Sublimes que o transportou, de chofre, a nevoenta região, onde gemiam milhares de entidades em sofrimento estarrecedor. Soluços de aflição casavam-se a gritos de cólera, blasfêmias seguiam-se a gargalhadas de loucura.

Atônito, Kardec lembrou os tiranos da História e inquiriu, espantado:

- Jazem aqui os crucificadores de Jesus?

- Nenhum deles - informou o guia solícito. - Conquanto responsáveis, desconheciam, na essência, o mal que praticavam. O próprio Mestre auxiliou-os a se desembaraçarem do remorso, conseguindo-lhes abençoadas reencarnações, em que se resgataram perante a Lei.

- E os imperadores romanos? Decerto, padecerão nestes sítios aqueles mesmos suplícios que impuseram à Humanidade... - Nada disso. Homens da categoria de Tibério ou Calígula não possuíam a mínima noção de espiritualidade. Alguns deles, depois de estágios regenerativos na Terra, já se elevaram a esferas superiores, enquanto que outros se demoram, até hoje, internados no campo físico, à beira da remissão.

- Acaso, andarão presos nestes vales sombrios - tornou o visitante - os algozes dos cristãos, nos séculos primitivos do Evangelho? - De nenhum modo - replicou o lúcido acompanhante -, os carrascos dos seguidores de Jesus, nos dias apostólicos, eram homens e mulheres quase selvagens, apesar das tintas de civilização que ostentavam... Todos foram encaminhados à reencarnação, para adquirirem instrução e entendimento.

O codificador do espiritismo pensou nos conquistadores da Antiguidade, Átila, Anibal, Alarico I, Gengis Khan...

Antes, todavia, que enunciasse nova pergunta, o mensageiro acrescentou, respondendo-lhe à consulta mental: - Não vagueiam, por aqui, os guerreiros que recordas... Eles nada sabiam das realidades do espírito e, por isso, recolheram piedoso amparo, dirigidos para o renascimento carnal, entrando em lides expiatórias, conforme os débitos contraídos...

Então, dize-me - rogou Kardec, emocionado -, que sofredores são estes, cujos gemidos e imprecações me cortam a alma?

E o orientador esclareceu, imperturbável:

- Temos junto de nós os que estavam no mundo plenamente educados quanto aos imperativos do Bem e da Verdade, e que fugiram deliberadamente da Verdade e do Bem, especialmente os Cristãos Infiéis de todas as épocas, perfeitos conhecedores da lição e do exemplo do Cristo e que se entregaram ao mal, por livre vontade... Para eles, um novo berço na Terra é sempre mais difícil...

Chocado com a inesperada observação, Kardec regressou ao corpo e, de imediato, levantou-se e escreveu a pergunta que apresentaria, na noite próxima, ao exame dos mentores da obra em andamento e que figura como sendo a Questão número 642, de O Livro dos Espíritos:

- Para agradar a Deus e assegurar a sua posição futura, bastará que o homem não pratique o mal? , indagação esta a que os instrutores retorquiram:

- Não; cumpre-lhe fazer o bem, no limite de suas forças, porquanto responderá por todo o mal que haja resultado de não haver praticado o bem.

Segundo é fácil de perceber, meu amigo, com princípios tão claros e tão lógicos, é natural que a consciência espírita, situada em confronto com as idéias dominantes nas religiões da maioria, seja muito diferente.

Pelo Espírito Irmão X (Humberto de Campos). Psicografia de Francisco Cândido Xavier.

Livro: Cartas e Crônicas. Lição nº 07. Página 34.

 

Exibições: 181

Respostas a este tópico

Somos cada vez mais responsáveis à medida que mais temos conhecimento. 

RSS

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

ASSOCIE-SE E COLABORE

Últimas atividades

Denílson Alves curtiram a página Canal 1 de Amigo Espírita
1 hora atrás
Denílson Alves curtiu a postagem no blog Natureza e Beleza pelo olhar de Léon Denis de Amigo Espírita
2 horas atrás
Denílson Alves curtiram a discussão FUNÇÃO DO DOUTRINADOR de Amigo Espírita
2 horas atrás
Casa de Jaco - Lar do idoso curtiu a postagem no blog Despotismos, Chico Xavier, forças armadas e Deus acima de todos (Jorge Hessen) de os pae
10 horas atrás
Casa de Jaco - Lar do idoso curtiu a postagem no blog Despotismos, Chico Xavier, forças armadas e Deus acima de todos (Jorge Hessen) de os pae
10 horas atrás
edina aparecida da silva curtiram o evento “O Amor que Transforma”, com Rogério Alencar ao vivo na RAETV de Carlos Pretti - SCEE
17 horas atrás
Amanda e Carlos Pretti - SCEE agora são amigos
17 horas atrás
Posts no blog por Nilton Cardoso Moreira
21 horas atrás
Posts no blog por ANA MARIA TEODORO MASSUCI
21 horas atrás
os pae curtiu a postagem no blog Despotismos, Chico Xavier, forças armadas e Deus acima de todos (Jorge Hessen) de os pae
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Karen Cristina Simões Camargo
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Karin
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Paulo Araujo
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Márcio Oliveira
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de alvinbolo
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de MARIA CLAUDIA PENCHIARI
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Marlowa Barcellos Ribeiro
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de sergio aparecido narcizo
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Amanda Moreira
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Mariana Veríssimo de Souza
ontem

Regras de uso e de publicação

 

 

Badge

Carregando...

© 2018   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço