Combatida por engano

Orson Peter Carrara (Matão/SP)

 

                Há um mecanismo sábio que explica as gritantes diferenças do comportamento humano e seus tão variados estágios de entendimento ou vivência moral e intelectual, em raciocínio que também se aplica aos condicionamentos psicológicos e emocionais. Afinal não somos iguais, por força das experiências, gostos, tendências e bagagens.

                O mais interessante é que o mesmo mecanismo traz embutido um alto sentido de justiça perante as conquistas, carências e diferenças individuais.  Aliás, é seu principal critério, porque, essencialmente, é a única explicação racional para os extremos humanos.

                Por outro lado, além do já citado critério, referido mecanismo ainda propicia a grande vantagem de oferecer a oportunidade de realizar depois o que não se consegue agora, além de nunca privilegiar esse ou aquele ou mesmo castigar ou premiar. Não! Em absoluto. E isto é  realmente uma característica marcante: não há privilégios, não há castigos, não há prêmios, mas simplesmente consequências lógicas, decorrentes de posturas, opções e decisões.

                O mais incrível, porém, é que são oportunidades incessantes que se renovam, não destroem laços de afeto, não prejudicam conquistas morais e intelectuais, e ainda traz a quebra de rotina, tirando-nos o foco das ideias fixas e abrindo perspectivas imensas de novas conquistas.

                Paradoxalmente, porém, ainda é desconhecida e combatida, até por preconceito e falta mesmo de aprofundar em sua essência e conhecê-la em profundidade.

                Estamos falando da pluralidade das existências, ou reencarnação, que, embora não inventada nem exclusividade ou privilégio do Espiritismo, é lei da vida. A Doutrina Espírita a tem em seus fundamentos, estuda-a continuamente e explica seus mecanismos com uma lógica impressionante.

                Observe-se, com pesquisa, na história humana, e se verá que a ideia reencarnacionista já existe desde as civilizações antigas. Jesus falou nela claramente e atualmente as pesquisas científicas a indicam com clareza.

                Vemos, pois, que ela é combatida por engano. Falta aprofundar as questões antes de emitir juízos ou julgamentos.

                Convido, pois, o leitor, a aprofundar seus estudos, pesquisar mais. Não para se tornar espírita, mas verificar a lógica e coerência, justiça e grandeza da reencarnação, única teoria capaz de explicar as diferenças, a menos que aceitemos um Deus parcial que dê preferência para uns em detrimento de outros...  

 

 


Orson Peter Carrara
 (Matão/SP)

Escritor e orador espírita. Constultor Editorial residente em Matão/SP

e-mail: orsonpeter@yahoo.com.br

Blog: http://orsonpetercarrara.blogspot.com/


 

 

 

 



Exibições: 629

Respostas a este tópico

Brilhante como sempre, abraços fraternos ao amigo de todos nós Orson Carrara!
É mais fácil combater o que não se conhece ou o que prejudica. Qdo o homem irá aprender???
Obrigado Amigo Orson, pelo Texto que nos reforça o nosso sentimento cada vez mais de estarmos no caminho correto de nossos ideais, JESUS.
Ótimo topico, faz com que possamos refletir e mais ter vontade de se aprofundar mais nesse assunto. um grande abraço

RSS

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

COLABORE COM A RAE

PRÓXIMOS EVENTOS AO VIVO

Artigos Espíritas

A convivência familiar na pandemia.

A convivência familiar na pandemia.

 

A impermanência das situações existenciais necessita estar em  nossas reflexões .

Por quê?

Simples, porque as mudanças são uma realidade tão palpável quanto a morte.

De um momento para o outro, por exemplo, podemos ter as nossas rotinas capturadas pelos mais variados motivos.

E o ano de 2020 escancarou…

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ? - Nelson Xavier

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ?

“Quanto mais eu escrevo, mais as palavras aparecem. Quanto mais eu vivo, mais a vida me esquece.

Quanto mais eu choro, mais as lágrimas descem. Quanto mais eu amo,…

Reflexões sobre as Leis Naturais.

Reflexões sobre as Leis Naturais.

 

Quando se inicia o estudo da Lei Divina ou Natural, que consta em O Livro dos Espíritos, percebe-se que Kardec, na elaboração das perguntas aos Espíritos, objetiva eliminar as contradições…

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro... (Artigo de Jane Maiolo)

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro...

 por Jane Maiolo

Por que estamos nós…

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Você já esteve em ambientes em que se sentiu mal, constrangido, pouco à…

Últimas atividades

LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Os “bons” são tímidos (LE q. 932) até na Universidade de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"Quando o bom não é tímido pode ser reprovado, mas constrói o passado para ser lembrado com profundo respeito. Parabéns Brasílio Marcondes Machado. A tese de Machado foi apresentada no dia 29 de agosto de…"
9 horas atrás
Luciano Franco Ramos entrou no grupo de Amigo Espírita
Miniatura

Joanna de Ângelis e Divaldo Franco

Grandes Ensinamentos que iluminam e esclarecem.Grupo destinado aos ensinamentos do médium Divaldo Franco e da Benfeitora Joanna de Angelis. Ver mais...
10 horas atrás
MARIO FONTES respondeu à discussão FACULDADE DE FILOSOFIA ESPÍRITA de MARIO FONTES
"Excelente descrição João Nodari"
ontem
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Médiuns. 171. de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"“Sandálias Douradas”.  Credibilidade é fundamental. Alguns médiuns ganham credibilidade, mas são infectados pelo orgulho e/ou vaidade. Fator complicador - obsessão. A entidade passa a exercer…"
ontem
Antonio Carlos G. Sarmento e Edileuza R. Rodrigues agora são amigos
ontem
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Os “bons” são tímidos (LE q. 932) até na Universidade de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
" Sincera solidariedade agrega, solidariedade forçada segrega. O humanista de boutique precisa do preconceito. É o oxigênio vital dele, diz jornalista em Hipocrisia in…"
sexta-feira
augusta curtiu a postagem no blog Amor antigo - Alma afim. de Nilton Cardoso
3 Ago
augusta curtiram o perfil de Nadia Rosangela
3 Ago
ANDREA REGINA DE SA curtiram a discussão FACULDADE DE FILOSOFIA ESPÍRITA de MARIO FONTES
3 Ago
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Os “bons” são tímidos (LE q. 932) até na Universidade de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"Ao tentar processar o Porta dos Fundos, por retratar Jesus como um gay, igreja teve um prejuízo de R$ 82…"
1 Ago
Madelon Fonseca curtiram a discussão Reflexões sobre as Leis Naturais. de Wellington Balbo
31 Jul
Joao Iudes Nodari respondeu à discussão FACULDADE DE FILOSOFIA ESPÍRITA de MARIO FONTES
"A Marlene apresentou uma realidade constatada diariamente no processo de palestras ministradas nos centros e unidades espíritas. Está-se chegando numa fase onde a ênfase oratória pergaminha atitudes emocionais e…"
31 Jul

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2020   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço