REDE AMIGO ESPÍRITA

Divulgando, Instruindo e Unificando!!!

Culpa e Responsabilidade

Alírio de Cerqueira Filho

     A culpa que sentimos é resultado de séculos de condicionamento dentro do pensamento judaico-cristão, aliás uma distorção do pensamento cristão, que intrinsecamente, não estabelecia a culpa e a punição como posteriormente acabou acontecendo. Por esse pensamento tudo o que fazemos e que não está dentro dos padrões rígidos dessa pseudomoral instituída é um pecado e deve ser punido violentamente. Durante séculos esse pensamento oriundo do judaísmo; do olho por olho, dente por dente, manipulado e distorcido pelas doutrinas "cristãs" por interesse próprio vem imperando dentro da cultura ocidental. Eu digo distorcido, pois se observarmos os Evangelhos, o Cristo jamais se referiu ao erro dessa forma como as várias religiões cristãs durante séculos pregaram, a do pecado e da punição por ele. Basta analisar as passagens na qual ele se refere a mulher adúltera, quando ele disse que atirasse a primeira pedra aquele que não tinha pecados, o momento de encontro com a mulher hemorroísa, a sua postura com Maria de Magdala e perceberemos que ele via o erro de uma maneira natural, fazendo parte das experiências de evolução do ser humano..

     Mas infelizmente as suas palavras foram distorcidas e durante séculos este pensamento deturpado tem imperado, como ainda hoje, na cultura ocidental a ponto do mesmo ainda estar imerso no inconsciente coletivo da nossa cultura. Isso faz com que a culpa esteja impregnada em nós mesmos.

     Analisemos as razões para isso, à luz da psicologia transpessoal. Esta ciência tem estudado inúmeras questões que tem atormentado o ser humano durante séculos as quais não se encontram explicações dentro da ciência materialista/reducionista. A explicação mais plausível para a culpa que muitas pessoas trazem e que são inexplicáveis no momento atual, pois estas não fizeram nada que justifique ou explique estas culpas é que elas cometeram estas ações pelas quais sentem culpa em seu passado espiritual. Pelos estudos que tem sido feito pelos pesquisadores no mundo inteiro a reencarnação é um fato. Isso explicaria estas culpas imensas que muitas vezes as pessoas sentem, sem razão aparente. Isso acontece devido a séculos passando por experiências, nas quais vivenciamos muito intensamente, este paradigma judáico-cristão distorcido. Por isso a culpa ainda persegue muita gente, mesmo quando temos tudo, teoricamente, para nos libertar dela.

     O que fazer para se libertar da culpa? Só existe um caminho para libertar a nossa consciência; assumindo a responsabilidade pela nossa vida. É necessário refletir que o erro faz parte da evolução natural de todas as pessoas. Quando cometemos um erro, analisando-se aqui o erro, como sendo algo que contraria a lei de amor, isto é, uma atitude de desamor ou pseudo-amor, por nós mesmos ou a outras pessoas, a natureza, o cosmos. Muitas vezes dentro do paradigma judáico-cristão distorcido, muitas coisas que são tidas como erros ou pecados, não o são, dentro da lei de amor. Então quando cometemos um erro, estamos assumindo uma postura egóica. Esta atitude errada pode acontecer por ignorância ou por desprezo ao que é correto, que está dentro dos princípios da lei de amor. Toda atitude equivocada tem a sua conseqüência.

     Torna-se fundamental para a libertação da culpa, que é uma atitude inconseqüente, pois não corrigimos com ela o erro cometido, assumir a responsabilidade pelo erro e buscar reparar as suas conseqüências. Com isso estaremos aprendendo com o erro e isso faz com que evoluamos, diferentemente da culpa e da punição que lhe é conseqüente, na qual a pessoa simplesmente se pune pelo erro e se acha uma vítima por tê-lo cometido, sem assumir o aprendizado dele decorrente.

     Resumindo, todas as vezes que sentirmos culpa por algo que tenhamos feito ou que simplesmente nos achemos culpados mesmo que não haja uma razão aparente, é necessário refletir fazendo a nós mesmos estas perguntas: o que posso tirar de aprendizado desta experiência? como posso agir para reparar as conseqüências dos meus atos? Com isso estaremos assumindo a responsabilidade pela nossa vida e conquistando a nossa felicidade.

     Outro efeito importante da meditação é a paz interior, um refúgio onde você pode escapar da turbulência do seu dia-a-dia. O hábito de meditar diariamente vai lhe ajudar a desligar-se do estresse e trará calma e energia para você enfrentar melhor os desafios que têm em sua vida.

 

 

Alírio de Cerqueira Filho (Cuiabá-MT)

acerqueira@plenitude.com.br

É médico, biólogo com ênfase em ecologia, pós-graduado em psiquiatria, psicologia e psicoterapia transpessoal e medicina homeopática.
Com formação em Terapia Regressiva a Vivências Passadas, bem como Master practitioner na Arte de Programação Neurolingüística. Como expositor espírita, realiza palestras e seminários por todo o Brasil e o Exterior.
Possui larga experiência no trabalho com o psiquismo humano, tanto como psicoterapeuta quanto como educador transpessoal. 
Experiência adquirida em 16 anos de prática clínica e nos inúmeros cursos, workshops e palestras que tem realizado ao longo de sua carreira. Participa do movimento espírita há 26 anos, tendo já exercido vários cargos na diretoria executiva da FEEMT – Federação Espírita Estado do Mato Grosso. Atualmente é coordenador de assuntos da família da FEEMT.

Obras do autor publicadas pela Ebm Editora

Suicídio: Falsa Solução!, A Obsessão e o Movimento EspíritaEnergia Mental e AutocuraModelos de Liderança, Trabalho e AutotransformaçãoMedite e Viva Melhor Vl. 2Fora da Caridade Não Há SalvaçãoSaúde da Relação Pais e FilhosParábolas TerapêuticasMedite e Viva Melhor Vl. 1Saúde ExistencialPsicoterapia a Luz do Evangelho de JesusJesus e KardecSaúde EspíritualCura Espíritual da DepressãoSaúde das Relações Familiares

Tags: Alírio, Cerqueira, Culpa, Filho, Responsabilidade

Exibições: 1944

Respostas a este tópico

Gostei muito do texto. Explicativo e auxílio para a libertação das culpas. Grata Dr Alírio.Deus o  abençoe.

Achei de grande valia as dicas para não se sentir tão culpado(a).

Acredito que para ter uma consciência livre de culpa é preciso alto conhecimento para poder realizar o movimento fraterno em busca do equilíbrio. Resgatar, Reparar e Perdoar. Só assim quebraremos o círculo vicioso instalado em nós através do condicionamento dentro do pensamento judaico-cristão, aí teremos a oportunidade de vivenciar a Lei de Amor ( vivenciar a oportunidade ), que Jesus possa iluminar nossos pensamentos e que Deus nos abençoe porque viver a lei de amor ainda não é para esse orbe.

TEXTO MUITO ELUCIDATIVO  NAMASTÊ

Texto muito bom. Gostaria de ler mais sobre a culpa. Estou lendo livro seu maravilhoso
Chamado. Psicoterapia do evangelho será meu livro deste final de Semana.
Ato a culpa o senhor fala em assumir as nossas responsabilidade.qual dos seus
Livros que o senhor fala de perdão, deve ser muito bom.
Vou procurar ver seus livros no Centro que freqüento me indicaram como muito bom.
Realmente, maravilhoso.
Caso nao consiga poderia indicar onde comprar no rio de janeiro.
Abraços fraternos,
Angela Carneuiro da Cunha

RSS

ASSOCIE-SE E COLABORE

Últimas atividades

Fernando Gomes de Souza curtiu a postagem no blog Onde está Deus??? de Rita de Cassia Almeida
15 minutos atrás
Gislene Divina Rabelo Rosa curtiu o vídeo de Alan Page
1 hora atrás
Gislene Divina Rabelo Rosa curtiu o vídeo de Amigo Espírita
1 hora atrás
Gislene Divina Rabelo Rosa curtiu o vídeo de Amigo Espírita
1 hora atrás
Gislene Divina Rabelo Rosa curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
1 hora atrás
Gislene Divina Rabelo Rosa curtiu o vídeo de Fernando Ben
1 hora atrás
Gislene Divina Rabelo Rosa curtiu o vídeo de Amigo Espírita
1 hora atrás
Gislene Divina Rabelo Rosa curtiu o vídeo de Amigo Espírita
1 hora atrás
Gislene Divina Rabelo Rosa curtiu o vídeo de Feeak Minas
1 hora atrás
Ícone do perfilRede Amigo Espírita via Facebook
Miniatura

Neste domingo as 17h no horário de Brasilia acompanhe e participe com perguntas através do Chat da Rede Amigo Espírita no Programa Ponto a Ponto Tema "É necessário nascer de Novo" com…

Ver mais...
Facebook3 horas atrás · Responder
luis conforti junior comentou o vídeo de Amigo Espírita
4 horas atrás
luis conforti junior comentou o vídeo de Amigo Espírita
5 horas atrás
luis conforti junior respondeu à discussão ESE Cap. 17 – SEDE PERFEITOS – Os superiores e os inferiores de Maurício de Araújo Zomignani no grupo Espiritismo e Evangelho
5 horas atrás
Ícone do perfilLaércio Carlos F. Gomes Junior, Djalma Freitas Conceicao, Juliane I, Rodrigues e mais 11 pessoas entraram em REDE AMIGO ESPÍRITA
5 horas atrás
Rosana Garcia Saltys comentou o vídeo de Amigo Espírita
6 horas atrás
Leila Castro curtiu a postagem no blog Sobre a importância do passe de Francisco Muniz
6 horas atrás
Rosana Garcia Saltys curtiu o vídeo de Amigo Espírita
6 horas atrás
Lenimar Coutinho da Silva comentou o vídeo de Amigo Espírita
6 horas atrás
Maria da Glória Ferreira Ragazzi curtiram a discussão Caldo, Cautela e Bom Senso de Amigo Espírita
6 horas atrás
Marlene do Rocio Furlan compartilhou o post do blog de Patrizia Gardona em Facebook
6 horas atrás

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2014   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço