Será que nós, espíritas, entendemos Kardec?

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

 

Kardec, em artigo postado na Revista Espírita de junho do ano de 1858 e que recebeu o título de “Os banquetes magnéticos”, relata a comemoração de dois grupos de magnetizadores que ocorre em Paris em virtude da data de aniversário de Mesmer, pai desta Ciência.

A data é 23 de maio e a comemoração dos grupos ocorre no mesmo horário. Convidado para as duas “festas”, haja vista que na época Kardec estudava o magnetismo há 35 anos, ele compareceu a uma dessas reuniões, mas não sem antes, de forma bem humorada, brincar ao afirmar que ainda não tinha a ubiquidade e, por isso poderia atender apenas a um convite.

Brincadeiras à parte, aborda Kardec sobre a importância da união. Ora, se os dois grupos festejam o mesmo tema por qual razão não confraternizam juntos?  Não ganharia - indaga ele - o magnetismo se todos estivessem unidos, haja vista que celebram os mesmos ideais e têm, ambos os grupos, o mesmo mestre?

Lançada em 1858 a crítica de Kardec é ainda bem atual. Poucos são os homens que deixam de lado o espírito de competição para, de fato, confraternizarem, compartilharem e reunirem-se portando-se como autênticos irmãos em Cristo.

Recordo-me de determinada instituição religiosa, encravada em pequena cidade do interior brasileiro, que fazia questão de realizar eventos na mesma data que as outras instituições de sua cidade.

Aquilo dividia o público.

Todos perdiam.

Eu ficava a pensar:

Já que se trata de pequena cidade, por qual razão não realizam os eventos em parceria? Ou, então, ao menos que façam em datas diferentes dando opções para a população da cidade?

Pessoas generosas e de bom coração ainda tropeçam em algumas suscetibilidades. A Terra é morada de espíritos imperfeitos, mas já está no momento de quebrarmos este paradigma e avançarmos.

Disse o Cristo que seus discípulos serão conhecidos por muito se amarem. Kardec neste ponto foi de uma objetividade até assustadora. Ora, se todos têm o mesmo mestre por qual razão confraternizam separados?

Dias atrás um amigo, o José, recebeu ligação de um dirigente de centro espírita. Necessitava o coordenador das atividades espíritas de alguém para palestrar.  José pediu que ele sugerisse o tema, o coordenador cravou, de primeira:

 - Os malefícios da fofoca!

Depois dessa, cabe-nos apenas refletir:

Será que nós, espíritas, entendemos Kardec?

 

Autor:

 

Wellington Balbo (Salvador – SP) é membro da Rede Amigo Espírita

Wellington Balbo é professor universitário, escritor e palestrante espírita, Bacharel em Administração de Empresas e licenciado em Matemática. É autor do livro "Lições da História Humana", síntese biográfica de vultos da História, à luz do pensamento espírita.  

wellington_balbo@hotmail.com

Blog: http://wellingtonbalbo.blogspot.com/

 

Exibições: 368

Respostas a este tópico

Infelizmente há essa concorrencia inclusive sobre frequentar outros centros. Já vi dirigentes torcendo o nariz para quem frequenta outros centros.

Boa noite ,

Creio que temos que conhecer mais o objetivo da Doutrina para que situações assim não aconteçam.

Infelizmente temos muito ainda a aprender ...

infelizmente Thiago esta certo, costumo fazer visitas a outros centros, pois tenho amigos em vários. já ouvi , o que você foi fazer la  aquele centro não presta você não aprende nada la.kkkkk e assim vai.abç


 
THIAGO DE SOUZA SILVA disse:

Infelizmente há essa concorrencia inclusive sobre frequentar outros centros. Já vi dirigentes torcendo o nariz para quem frequenta outros centros.

RSS

ASSOCIE-SE E COLABORE

Últimas atividades

Aline Esnarriaga e Carlos Pretti - SCEE agora são amigos
15 minutos atrás
ARI DE SOUSA LIMA curtiu a postagem no blog O CÂNCER - BREVES REFLEXÕES SOBRE O IMPACTO DO PENSAMENTO NO PROCESSO TERAPÊUTICO (Jorge Hessen) de os pae
58 minutos atrás
Camila Nogueira da Silva e Fábio Lavor Bezerra agora são amigos
1 hora atrás
Miguel Damato Neto agora é amigo de susan e Marluce Souza
3 horas atrás
Carlos Pretti - SCEE postou um vídeo

“A Terapia do Perdão”, com Alexandre Moraes “Kaiê”

Palestra no domingo 20 de maio de 2018, de 09h às 10h da manhã na Sociedade Colatinense de Estudos Espíritas, com o tema "A Terapia do Perdão", ministrada pelo pesquisador e orador Alexandre Moraes “Kaiê” de Cachoeiro de Itapemirim-ES. Alexandre é…
4 horas atrás
Feeak Minas postou um vídeo

Sangue dos Mártires - (107) Apocalipse - Carlos Alberto Braga e Júlio Moreira

Sangue dos Mártires - (107) Apocalipse - 6:9 Carlos Alberto Braga e Júlio Moreira Obs: Proibida a cópia deste vídeo ou de nosso acervo para outros canais do Yout...
4 horas atrás
Ícone do perfilLindacir Martins, Lurdes Remondes, Lilian Santos Muniz e mais 10 pessoas entraram em REDE AMIGO ESPÍRITA
5 horas atrás
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Julio Cesar Pereira Reis
6 horas atrás
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Camila Nogueira da Silva
6 horas atrás
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Aline Esnarriaga
6 horas atrás
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Alexandre de Oliveira Moraes
6 horas atrás
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Marcos Antonio Corrêa
6 horas atrás
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de eduardo de jesus
6 horas atrás
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Ana Lúcia
6 horas atrás
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Vanessa de Menezes Pereira
6 horas atrás
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de ACACIO AMORELLI MARTINS
6 horas atrás
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Marcos J Oliveira
6 horas atrás
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Marcia Silva Moreira
6 horas atrás
Aline Esnarriaga comentou a página Rádio Amigo Espírita 1 - Música Instrumental e Estudos ao vivo de Amigo Espírita
12 horas atrás
os pae comentou a postagem no blog O CÂNCER - BREVES REFLEXÕES SOBRE O IMPACTO DO PENSAMENTO NO PROCESSO TERAPÊUTICO (Jorge Hessen) de os pae
12 horas atrás

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2018   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço