Será que nós, espíritas, entendemos Kardec?

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

 

Kardec, em artigo postado na Revista Espírita de junho do ano de 1858 e que recebeu o título de “Os banquetes magnéticos”, relata a comemoração de dois grupos de magnetizadores que ocorre em Paris em virtude da data de aniversário de Mesmer, pai desta Ciência.

A data é 23 de maio e a comemoração dos grupos ocorre no mesmo horário. Convidado para as duas “festas”, haja vista que na época Kardec estudava o magnetismo há 35 anos, ele compareceu a uma dessas reuniões, mas não sem antes, de forma bem humorada, brincar ao afirmar que ainda não tinha a ubiquidade e, por isso poderia atender apenas a um convite.

Brincadeiras à parte, aborda Kardec sobre a importância da união. Ora, se os dois grupos festejam o mesmo tema por qual razão não confraternizam juntos?  Não ganharia - indaga ele - o magnetismo se todos estivessem unidos, haja vista que celebram os mesmos ideais e têm, ambos os grupos, o mesmo mestre?

Lançada em 1858 a crítica de Kardec é ainda bem atual. Poucos são os homens que deixam de lado o espírito de competição para, de fato, confraternizarem, compartilharem e reunirem-se portando-se como autênticos irmãos em Cristo.

Recordo-me de determinada instituição religiosa, encravada em pequena cidade do interior brasileiro, que fazia questão de realizar eventos na mesma data que as outras instituições de sua cidade.

Aquilo dividia o público.

Todos perdiam.

Eu ficava a pensar:

Já que se trata de pequena cidade, por qual razão não realizam os eventos em parceria? Ou, então, ao menos que façam em datas diferentes dando opções para a população da cidade?

Pessoas generosas e de bom coração ainda tropeçam em algumas suscetibilidades. A Terra é morada de espíritos imperfeitos, mas já está no momento de quebrarmos este paradigma e avançarmos.

Disse o Cristo que seus discípulos serão conhecidos por muito se amarem. Kardec neste ponto foi de uma objetividade até assustadora. Ora, se todos têm o mesmo mestre por qual razão confraternizam separados?

Dias atrás um amigo, o José, recebeu ligação de um dirigente de centro espírita. Necessitava o coordenador das atividades espíritas de alguém para palestrar.  José pediu que ele sugerisse o tema, o coordenador cravou, de primeira:

 - Os malefícios da fofoca!

Depois dessa, cabe-nos apenas refletir:

Será que nós, espíritas, entendemos Kardec?

 

Autor:

 

Wellington Balbo (Salvador – SP) é membro da Rede Amigo Espírita

Wellington Balbo é professor universitário, escritor e palestrante espírita, Bacharel em Administração de Empresas e licenciado em Matemática. É autor do livro "Lições da História Humana", síntese biográfica de vultos da História, à luz do pensamento espírita.  

wellington_balbo@hotmail.com

Blog: http://wellingtonbalbo.blogspot.com/

 

Exibições: 353

Respostas a este tópico

Infelizmente há essa concorrencia inclusive sobre frequentar outros centros. Já vi dirigentes torcendo o nariz para quem frequenta outros centros.

Boa noite ,

Creio que temos que conhecer mais o objetivo da Doutrina para que situações assim não aconteçam.

Infelizmente temos muito ainda a aprender ...

infelizmente Thiago esta certo, costumo fazer visitas a outros centros, pois tenho amigos em vários. já ouvi , o que você foi fazer la  aquele centro não presta você não aprende nada la.kkkkk e assim vai.abç


 
THIAGO DE SOUZA SILVA disse:

Infelizmente há essa concorrencia inclusive sobre frequentar outros centros. Já vi dirigentes torcendo o nariz para quem frequenta outros centros.

RSS

ASSOCIE-SE E COLABORE

Últimas atividades

Ícone do perfil via Twitter
Assista https://t.co/1R447odvrW onde @AneteGuimaraes pede inscrever-se no canal da Rede Amigo Espírita… https://t.co/0nmkwJ4FMF
Twitter4 horas atrás · Responder · Retweet
ANTONIO LUIZ VIANNA DOS SANTOS compartilhou o vídeo de Carlos Pretti - SCEE em Facebook
4 horas atrás
Sheila Maria Rangel Marques comentou o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
5 horas atrás
Sheila Maria Rangel Marques curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
5 horas atrás
Euclides respondeu à discussão FACULDADE DE FILOSOFIA ESPÍRITA de MARIO FONTES
6 horas atrás
Euclides curtiram o evento “Meu Grande Amor”, com Dr. Luiz Humberto Dutra ao vivo pela RAE de Carlos Pretti - SCEE
6 horas atrás
Mozart Nunes Pereira Sobrinho curtiu o vídeo de Mozart Nunes Pereira Sobrinho
6 horas atrás
Mozart Nunes Pereira Sobrinho curtiu o vídeo de Mozart Nunes Pereira Sobrinho
6 horas atrás
Sheila Maria Rangel Marques comentou o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
6 horas atrás
Sheila Maria Rangel Marques curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
6 horas atrás
Ícone do perfil via Twitter
"O Bem Sofrer e o Mal Sofrer" - Jussemar Roce Rios - Programa Momento Espírita: https://t.co/2WU59eGKr7 via @YouTube
Twitter7 horas atrás · Responder · Retweet
Sheila Maria Rangel Marques curtiu o vídeo de Amigo Espírita
7 horas atrás
Sheila Maria Rangel Marques comentou o vídeo de Amigo Espírita
7 horas atrás
aurelio de oliveira freitas comentou a página Canal 7 de Amigo Espírita
8 horas atrás
Ícone do perfil via Twitter
Comecei uma transmissão ao vivo em @YouTube: https://t.co/jbnZVoh512
Twitter8 horas atrás · Responder · Retweet
Ícone do perfilEvany Coelho Dutra, Vitória Regina Vieira, marcelhehe bisqui e mais 2 pessoas entraram em REDE AMIGO ESPÍRITA
8 horas atrás
Diogo Correia Gonzaga deu um presente para Mari
8 horas atrás
Diogo Correia Gonzaga e Mari agora são amigos
8 horas atrás
NILO DAMASCENO REZENDE curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
9 horas atrás
Auera do Rosario Neves curtiram o evento “Meu Grande Amor”, com Dr. Luiz Humberto Dutra ao vivo pela RAE de Carlos Pretti - SCEE
9 horas atrás

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2018   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço