Um fofoqueiro no centro... 

Wellington Balbo  – Bauru SP

 

Realizava palestra em determinada cidade do interior de um estado brasileiro qualquer, quando após a apresentação um senhor me procura e narra sua experiência.

“Moço, corria o ano de 1977 e eu labutava num centro espírita aqui da cidade. Nesta casa tínhamos um companheiro complicado, sujeito do vinagre, azedo, sua boca era um veneno só. Falava mal de todos, disseminava a fofoca, enfim, homem terrível de conviver. Mas eis que a vida não manda avisar quando a senhora da foice virá buscar e num certo dia recebemos a notícia do desencarne daquele indivíduo. Ataque cardíaco, fulminante! Enfim, estávamos livres dele!

Bom... o tempo passou e eu me esqueci completamente daquela pessoa desagradável, até que no ano de 1997, numa reunião mediúnica, eu tenho vidência e vi um homem sorridente vindo em minha direção. Ele estava bem, como se fosse uma entidade bem resolvida com seus traumas. Por Deus! Identifiquei a presença daquele fofoqueiro. Era ele. Mas como? Como alguém tão malvado poderia apresentar-se bem no mundo dos Espíritos? Até que o mentor da reunião disse-me: Amigo, admira-se de nosso irmão? Pois bem, e eu me admiro de você... Não percebeu que já se passaram 20 anos? Pelo visto, ele caminhou e você ficou estagnado, a julgar os outros, esquecendo-se de que com o tempo, seja aqui ou no além todos crescemos!”

 

Jesus! Como ficamos presos ao que passou. Não sem motivo Deus estabeleceu como condição reencarnatória o esquecimento temporário. Claro, é preciso desvencilhar-se do passado e de todos os passados, tanto o nosso quanto o dos outros.

Passado apenas para agregar experiência, jamais servir como elemento de condenação. Cada um de nós arca com as conseqüências de seus atos passados que repercutem, não raro, de forma dolorosa no presente. Portanto, o que não precisamos é de julgamentos, sentenças, vibrações contrárias, haja vista que responderemos pelos nossos atos.

Todavia, o mais interessante é nossa visão limitada, de rótulos, que estigmatiza este ou aquele pelos seus equívocos do passado.

Sem perceber, sem refletir, condenamos o outro às trevas quando fechamos o caminho para a luz.

Explico-me: O sujeito errou demais e tenta recomeçar, vai na igreja, no centro ou sei lá, e vamos nós: “Você viu o fulano? Fez um monte de besteira na vida e hoje vai ao centro”. Isso é cruel de nossa parte. As pessoas têm o direito de recomeçar suas vidas, de levantar a poeira e dar a volta por cima.

O que devemos fazer? Simples, orar por elas, orar para que prossigam firmes em seus propósitos. Não podemos ser nós os fiscais da vida alheia, aqueles que tentam impedir o outro de recomeçar. Que bom, que bom poder reconhecer os erros e  procurar uma religião, enfim, mudar de vida.

Deus possibilita-nos todas as chances do mundo. Ninguém está deserdado ao erro, ao equívoco, ao vício.

Irmã Rosália, em O Evangelho segundo o Espiritismo deixa a mensagem de que não incomodar com as faltas alheias é caridade moral.

É bem por ai. Caridade moral. Com a mesma ênfase que atendemos o pobre, o necessitado do pão material precisamos atender aquele que necessita do pão do espírito, ou seja, da compreensão, do carinho, da porta aberta para recolocar as coisas no lugar e seguir adiante. Nada de colocar o outro num balaio, estigmatizar. Quem nesta vida não erra?

Se ainda não conseguimos esquecer nossos erros desta existência, que ao menos não lembremos os dos outros para que eles possam recomeçar; recomeçar a busca pela felicidade... afinal, todos temos o direito de prosseguir, e se não queremos nós prosseguir, que ao menos não impeçamos os outros de “ajeitar” novos caminhos rumo ao progresso.

Pensemos nisto!

 

 

 

Wellington Balbo (Bauru – SP) é membro da Rede Amigo Espírita

Wellington Balbo é professor universitário, escritor e palestrante espírita, Bacharel em Administração de Empresas e licenciado em Matemática. É autor do livro "Lições da História Humana", síntese biográfica de vultos da História, à luz do pensamento espírita, e dirigente espírita no Centro Espírita Joana D´Arc, em Bauru.

wellington_balbo@hotmail.com

Blog: http://wellingtonbalbo.blogspot.com/

 

Exibições: 5439

Respostas a este tópico

  boa  tarde  belo  o  que  escreveu  todos  temos o  direito  de  seguir   em  paz  fazermos  nossa  reforma  intima  sem  que  venhas  dizer  se  vamos  bem  ou  mal  claro  que  tento seguir         nao  faças  aos  outros  o  que  nao  queres  para ti   paz  de  jesus  em  seu  caminho

Estimado companheiro de jornada e ideal espírita, muito bom, este texto deve servir para inúmeros companheiros, visitantes, assistidos, e sobretudo assistentes que vejo pelas casas do Brasil onde passo, e onde fiz palestra, algumas pessoas se esquecem de cuidar de si mesmo, e não apontar para vida dos companheiros que falharam como todos, e estão recomeçando em um tempo moderno, de redes sociais, mais uma vez você foi feliz no exemplo dado, e como abordou, que muitos espíritas parem de apontar o dedo, porque na terra dos encarnados terão 3, e milhares no plano, se ajudarmos, e cada qual cuidar da sua jornada, teremos, ja feito muito.



David Chinaglia disse:

Estimado companheiro de jornada e ideal espírita, muito bom, este texto deve servir para inúmeros companheiros, visitantes, assistidos, e sobretudo assistentes que vejo pelas casas do Brasil onde passo, e onde fiz palestra, algumas pessoas se esquecem de cuidar de si mesmo, e não apontar para vida dos companheiros que falharam como todos, e estão recomeçando em um tempo moderno, de redes sociais, mais uma vez você foi feliz no exemplo dado, e como abordou, que muitos espíritas parem de apontar o dedo, porque na terra dos encarnados terão 3, e milhares no plano, se ajudarmos, e cada qual cuidar da sua jornada, teremos, ja feito muito.

Companheira lhe enviei como resposta este texto publicado hoje no Espiritismo Piracicaba, luz e paz...

"É muito fácil falar aos que nos interpelam, de maneira a satisfazê-los, e não é difícil replicar-lhes como convém aos nossos interesses e conveniências particulares; todavia, dirigirmo-nos aos outros, com a prudência amorosa e com a tolerância educativa, como convém à sã doutrina do Mestre, é tarefa complexa e enobrecedora, que requisita a ciência do bem no coração e o entendimento
evangélico nos raciocínios." 
Emmanuel



Maria Fidalgo disse:

  boa  tarde  belo  o  que  escreveu  todos  temos o  direito  de  seguir   em  paz  fazermos  nossa  reforma  intima  sem  que  venhas  dizer  se  vamos  bem  ou  mal  claro  que  tento seguir         nao  faças  aos  outros  o  que  nao  queres  para ti   paz  de  jesus  em  seu  caminho

Excelente, atual e oportuna reflexão a todos nós independente de nossos credos religiosos... Mas atentemo-nos como Espíritas/Cristãos que buscamos ser, não olvidemos a sábia frase: À quem mais é dado conhecer as verdades evangélicas, este será proporcionalmente cobrado por suas atitudes contrárias ao próprio conhecimento. Abraços fraternos ao caro Wellington e aos amigos/irmãos de Rede Amigo Espírita!

Que belo exemplo para a nossa reflexão, caro Wellington, está nos ensinamentos "Não Julgar, para não serdes Julgados.
abs, amigo, muita LUZ!

É tão difícil conhecer-se e se aprimorar na própria evolução. Como ter preocupação com o que faz ou deixa de fazer o próximo com sua vida?!?

Muito interessante o texto sobre as deficiências do outro e o devido respeito.Nao devemos nos antecipar fazendo julgamentos,nao temos esse direito!Jesus nos diz nos seus ensinamentos que nao devemos julgar,para nao sermos julgados.Como o próprio texto nos diz devemos orar por estes irmãos ainda necessitados e busquemos trilhar um caminho reto.
Muita paz!

realmente ,precisamos olhar o nosso comportamento e deixar o outro seguir o caminho dele ,cada um cuida da sua evoluçao ,paz e luz 

Linda mensagem irmão! As vezes julgamos sem nos dar conta ....bela reflexão.

Amigo Wellington,

Muito bom texto,esclarecedor. Quem não erra?

Importante ficar atentos nesta encarnação, para podermos melhorar sempre

Que a Espiritualidade Superior lhe ajude na sua caminhada.
Concordo plenamente com voce Wellington.todo aquele que erra é lhe dado o direito de se redimir,de buscar acertar.O melhor antídoto é a prece.
Que a paz do Mestre Jesus te abençoe e ilumine sempre.

RSS

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

ASSOCIE-SE E COLABORE

Artigos Espíritas

Ridículo silêncio

                                                             RIDÍCULO SILÊNCIO

Há muitas espécies de provação para a dignidade pessoal e numerosos gêneros de defesa.
Há feridas que atingem a honorabilidade de família, golpes que vibram sobre a realização individual, calúnias que envolvem o nome, acusações gratuitas, comentários desairosos à…

É sempre tempo de receber visitas (por Jane Maiolo)

É sempre tempo de receber visitas

Por Jane Maiolo

Pois, se nem ainda podeis as coisas mínimas, por que estais ansiosos pelas outras?” (1) Lucas 12:26

 …

Em geral o Espiritismo não trabalha com datas predefinidas para acontecimentos.

Em geral o Espiritismo não trabalha com datas predefinidas para acontecimentos.

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Desde que o mundo é mundo o homem busca, por meio das previsões, antecipar-se…

Reflexões sobre ações e críticas

            Você já se perguntou o que é a verdade? Jesus ao ser indagado por P Pilatos, na descrição do Evangelho segundo João, capítulo XVIII, respondeu com o maior silêncio que a humanidade já ouviu. Tenho me perguntado por que Ele adotou tal postura?   

            Neste…

Espiritualidade em comportamento de crise (por Jane Maiolo)

Espiritualidade em comportamento de crise

Por Jane Maiolo

 

Então disseram os fariseus entre si: vede que nada é proveitoso! Eis…

Últimas atividades

Elias Vieira Araujo curtiram o perfil de Elias Vieira Araujo
4 horas atrás
Ícone do perfil via Twitter
"Diante da Morte": https://t.co/N8tqg0pRqi
Twitter8 horas atrás · Responder · Retweet
Posts no blog por ANA MARIA TEODORO MASSUCI
8 horas atrás
Ícone do perfil via Twitter
Consequências da energia mental tóxica na saúde física e emocional - Alírio de Cerqueira Filho assista pelo youtub… https://t.co/QyHG6OrhGt
Twitter9 horas atrás · Responder · Retweet
edina aparecida da silva curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
10 horas atrás
edina aparecida da silva curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
10 horas atrás
edina aparecida da silva curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
10 horas atrás
ARI DE SOUSA LIMA curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
10 horas atrás
Ícone do perfil via Twitter
A Nova Era nos Corações - Palestra de José Antonio da Cruz assista pelo youtube https://t.co/JGxOvdAQoO https://t.co/ODe8okebm5
Twitter10 horas atrás · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
Parábola do Semeador - Andrélia Batista assista pelo youtube https://t.co/rS8fkctZH4 https://t.co/2zBujwmUFt
Twitter10 horas atrás · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
Onde está a felicidade? - Palestra de Matheus Allan Toschi assista pelo youtube https://t.co/M5ftB00pkY https://t.co/dMEvnQqeOr
Twitter10 horas atrás · Responder · Retweet
ARI DE SOUSA LIMA curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
11 horas atrás
ARI DE SOUSA LIMA curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
11 horas atrás
Ícone do perfil via Twitter
Sensações dos espíritos - Eduardo Mendes Assista pelo youtube https://t.co/uFOgHnCUXU https://t.co/W8RWyw8nF6
Twitter11 horas atrás · Responder · Retweet
Ori Pombal Franco curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
11 horas atrás
Ori Pombal Franco curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
11 horas atrás
Ori Pombal Franco curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
11 horas atrás
Ori Pombal Franco curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
11 horas atrás
Ori Pombal Franco curtiram o evento “Mediunidade e Obsessão”, com Eliomar Borgo Cypriano de Carlos Pretti - SCEE
11 horas atrás
Carlos Pretti - SCEE curtiram o evento “Mediunidade e Obsessão”, com Eliomar Borgo Cypriano de Carlos Pretti - SCEE
11 horas atrás

Regras de uso e de publicação

 

 

Badge

Carregando...

© 2019   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço