REDE AMIGO ESPÍRITA

Divulgando, Instruindo e Unificando!!!

Informação

Mensagens de Reflexão

Mensagens, frases e pensamentos para reflexão iluminando nossas vidas.

Membros: 443
Última atividade: segunda-feira

Fórum de discussão

CORAÇÃO DE MÃE

Iniciado por Amigo Espírita. Última resposta de Maria Fidalgo 17 Set. 1 Resposta

Imperfeitos, Mas Úteis

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner 18 Nov, 2013. 0 Respostas

Vantagens Ocultas

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner 8 Nov, 2013. 0 Respostas

Reencarnação Retificadora

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner 6 Nov, 2013. 0 Respostas

ANTE OS QUE PARTIRAM - Emmanuel

Iniciado por Amigo Espírita 2 Nov, 2013. 0 Respostas

Dinamismo de Jesus

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner. Última resposta de welse gonçalves sant anna 22 Nov, 2013. 1 Resposta

Amor ao Próximo

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner 27 Out, 2013. 0 Respostas

Tolerância

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner 25 Out, 2013. 0 Respostas

A Busca da Perfeição

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner 18 Out, 2013. 0 Respostas

Perdoai Para Que Deus Voz Perdoe

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner 14 Out, 2013. 0 Respostas

Natureza do Perispírito

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner 5 Set, 2013. 0 Respostas

Advertências Profundas aos Médiuns

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner. Última resposta de sebastiao moreira de carvalho 8 Set, 2013. 5 Respostas

Ele Atenderá

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner 21 Ago, 2013. 0 Respostas

Vício Após a Morte

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner. Última resposta de sebastiao moreira de carvalho 22 Set, 2013. 1 Resposta

Predisposições Mórbidas

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner 17 Ago, 2013. 0 Respostas

O Verbo

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner 15 Ago, 2013. 0 Respostas

Indagações da Vida

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner. Última resposta de welse gonçalves sant anna 29 Ago, 2013. 1 Resposta

O FILHO DO ORGULHO

Iniciado por Amigo Espírita 24 Jul, 2013. 0 Respostas

Aja Com Bondade, Mas Não Espere a Gratidão

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner 24 Jul, 2013. 0 Respostas

Anjos Caídos

Iniciado por Romeu Leonilo Wagner. Última resposta de angela carneiro da cunha 16 Jul, 2013. 1 Resposta

Recordando Chico Xavier

Carregando... Carregando feed

Caixa de Recados

Comentar

Você precisa ser um membro de Mensagens de Reflexão para adicionar comentários!

Comentário de Marta Nesse em 18 novembro 2014 às 9:54
Muito lindo!
Comentário de marcia helena diniz em 24 maio 2013 às 20:03

Trabalho Voluntário

Trabalho voluntário é a hora da vitória do Amor.

Seque suas lágrimas, ponha suas mágoas no fundo do mar, aceite o momento de sua vida e vá em busca de um trabalho voluntário.

Trabalho voluntário se faz por amor e não é uma relação comercial aonde se troca algo que não há fundamento, como exigir de um doente que faça atividades de uma pessoa sadia, ou exigir de alguém decaído que abra sua janela para o sol, no entanto quem procura um trabalho voluntário e realiza com gosto e participa de sua alegria ou amor pelos outros recebe a benção da vida.

Seque suas lágrimas e levante sua cabeça, não se esconda embaixo da cama, ou nos cantos de seu quarto, siga em frente, cuide de sua saúde mas não permita que o egoismo e o orgulho tomem conta de sua alma, seja firme abra sua janela e chame o sol, abra sua porta e chame a proteção Divina, que alcança conforme o seu merecimento.

Faça da sua hora um aproveitamento universal procure um trabalho voluntário aonde muitos receberão a sua luz, a sua bondade, a sua beleza interior.
Quem compartilha com o mundo uma benesse receberá o seu bônus conforme o trabalho oferecido, mas lembre-se sua vida faz parte da união com o universo, tudo se transforma quando você acorda e faz alguém feliz e leva um abraço, um ânimo, não tem preço, é como a saúde, um valor inestimável, assim é o melhor da vida, assim é o melhor do tempo.

Comentário de Joniceia Paranhos do Amaral em 3 fevereiro 2013 às 16:41

Compreensão e Luz de Jesus!!! p/ todos, amados!

Joniceia e familia.

Comentário de regina alves batista em 3 fevereiro 2013 às 12:09

BOM DIA A TODOS OS IRMÃOS .... SOU NOVA AQUI NO SITE QUE DEUS ABENCÕE A TODOS BEIJOS

Comentário de Maria Fidalgo em 31 janeiro 2013 às 7:23

  bom  dia   lindo   sim   penso   que  hoije   temos  os  filhos   que  enquanto  pequenos  ensinamos  dentro  da   educaçao  que  lhes  demos   muita  luz  em  seu  caminho   paz

Comentário de Ubirajara de Araujo Curcino em 30 janeiro 2013 às 19:29

A Honra Também se Ensina

É comum, em nossos dias, ouvirmos reclamações por parte de pessoas que se sentiram desrespeitadas em seus direitos.
É o médico que marca uma hora com o paciente e o deixa esperando por longo tempo, sem dar satisfação.
É o advogado que assume uma causa e depois não lhe dá o encaminhamento necessário, deixando o cliente em situação difícil.
É o contador que se compromete perante a empresa a providenciar todos os documentos exigidos por lei e, passados alguns meses, a empresa é autuada por irregularidades que esse diz desconhecer.
É o engenheiro que toma a responsabilidade de uma obra, que mais tarde começa a ruir, sem que ele assuma a parte que lhe diz respeito.
É o político que faz muitas promessas e, depois de eleito, ignora a palavra empenhada junto aos seus eleitores.
Esses e outros tantos casos acontecem com frequência nos dias atuais.
É natural que as pessoas envolvidas em tais situações, exponham a sua indignação junto à sociedade, e reclamem os seus direitos perante a justiça.
Todavia, vale a pena refletir um pouco sobre a origem dessa falta de honradez por parte de alguns cidadãos.
Temos de convir que todos eles passaram pela infância e, em tese, podemos dizer que não receberam as primeiras lições de honra como deveriam.
Quando os filhos são pequenos não damos a devida importância às suas más inclinações ou, o que é pior, as incentivamos com o próprio exemplo.
Se nosso filho desrespeita os horários estabelecidos, não costumamos cobrar dele a devida atenção.
Se prometem alguma coisa e não cumprem, não lhes falamos sobre o valor de uma palavra empenhada.
Ademais, há pais que são os próprios exemplos de desonra. Prometem e não cumprem. Dizem que vão fazer e não fazem. Falam, mas a sua palavra não vale nada.
É importante que pensemos a respeito das causas, antes de reclamar dos efeitos.
É imprescindível que passemos aos filhos lições de honradez.
Ensinar aos meninos que as filhas dos outros devem ser respeitadas tanto quanto suas próprias irmãs.
Ensinar que a palavra sempre deve ser honrada por aquele que a empenha.
Ensinar o respeito aos semelhantes, não os fazendo esperar horas e horas para, só depois, atender, como se estivéssemos fazendo um grande favor.
Enfim, ensinar-lhes a fazer aos outros o que gostariam que os outros lhes fizessem, conforme orientou Jesus.
* * *
Não há efeito sem causa. Todo efeito negativo, tem uma causa igualmente negativa.
Por essa razão, antes de reclamar dos efeitos, devemos pensar se não estamos contribuindo com as causas, direta ou indiretamente.
Pensemos nisso!

Redação do Momento Espírita

Paz e Luz!
Bira

Comentário de Ubirajara de Araujo Curcino em 8 janeiro 2013 às 18:23

Pegue um sorriso e doe-o a quem jamais o teve.
Pegue um raio de sol e faça-o voar lá onde reina a noite.
Descubra uma fonte e faça banhar-se quem vive no lodo.
Pegue uma lágrima e ponha-a no rosto de quem jamais chorou.
Pegue a coragem e ponha-a no ânimo de quem não sabe lutar.
Descubra a vida e narre-a a quem não sabe entendê-la.
Pegue a esperança e viva na sua luz.
Pegue a bondade e doe-a a quem não sabe doar.
Descubra o amor e faça-o conhecer ao mundo"
Mahatma Gandhi

Comentário de Ubirajara de Araujo Curcino em 8 janeiro 2013 às 0:17

Uma Reflexão No Limiar do Terceiro Milênio

Gilberto da Costa Valle

Já estamos no tão esperado terceiro milênio e com a benção de Deus estamos prosseguindo em nossas atividades na divulgação da mensagem espírita-cristã.

O tempo é uma benção de Deus, mas a sua contagem é uma convenção humana, à qual não devemos nos escravizar.

Somos herdeiros da eternidade e vivemos no eterno hoje, com a obrigação de fazer o melhor pela edificação de uma vida melhor.

O início de um novo ano, de um novo século e de um novo milênio deve significar para todos nós o marco que determina o começo de uma nova etapa de vida, a partir do qual estejamos mais dispostos ao trabalho de construção do Reinado do Amor na Terra.

Unidos seremos fortes. Separados seremos frágeis.

O momento nos pede "união"! Grandes são as dificuldade para o plantio das sementes evangélicas no solo dos corações humanos e se nós, que nos candidatamos ao plantio não estivermos unidos na tarefa, definitivamente não conseguiremos atender aos imperativos do serviço.

Estamos vivenciando momentos decisivos na vida planetária. A civilização do computador, da Internet, do telefone celular, da robótica, da clonagem e dos transgênicos ainda padece intensamente, assolada pelos inúmeros problemas morais que ainda não obtiveram solução no coração humano. O homem do século XXI ainda não superou seus grandes problemas do sentimento.

Apesar de todas as comodidades da vida moderna, o homem tenta se libertar da depressão, dos conflitos íntimos, dos preconceitos diversos, das atitudes possessivas, do materialismo avassalador, do apego ferrenho aos bens transitórios, dentre outros problemas de ordem moral que ainda algemam o coração humano às grandes da inferioridade.

Emmanuel, o iluminado mentor já nos disse, em certa página, que o homem moderno domina por fora, mas, contraditoriamente, se sente derrotado por dentro.

Criamos um sistema de vida excessivamente baseado nos valores materiais, por nos termos distanciado da busca religiosa.

Acontece que riquezas e objetos de matéria não geram paz de espírito, nem resolvem o probema da carência de afeto, nem dissolvem mágoas, nem tão pouco alimentam o coração com o tão essencial alimento do amor.

A máquina, convertida em "deus" pelo homem, não pode amar e jamais poderá atender o homem em suas necessidades do coração. Tanto quanto o cérebro tem sede de sabedoria o coração tem fome de amor e a alma, tanto quanto o corpo carece de alimento, necessita de fé e tão somente a aquisição de valores espirituais poderá salvar o homem aflito desta geração carente de fé.

Precisamos nos voltar para Deus, e com urgência, através da vivência religiosa. Este retorno só será possível se oferecermos nossos corações, obedientes, ao comando do Cristo, que é e sempre será para a Humanidade o Caminho, a Verdade e a Vida. Sua voz de comando está estampada no seu Evangelho; sigamo-la.

Comentário de Ubirajara de Araujo Curcino em 8 janeiro 2013 às 0:16

Uma Reflexão No Limiar do Terceiro Milênio

Gilberto da Costa Valle

Já estamos no tão esperado terceiro milênio e com a benção de Deus estamos prosseguindo em nossas atividades na divulgação da mensagem espírita-cristã.

O tempo é uma benção de Deus, mas a sua contagem é uma convenção humana, à qual não devemos nos escravizar.

Somos herdeiros da eternidade e vivemos no eterno hoje, com a obrigação de fazer o melhor pela edificação de uma vida melhor.

O início de um novo ano, de um novo século e de um novo milênio deve significar para todos nós o marco que determina o começo de uma nova etapa de vida, a partir do qual estejamos mais dispostos ao trabalho de construção do Reinado do Amor na Terra.

Unidos seremos fortes. Separados seremos frágeis.

O momento nos pede "união"! Grandes são as dificuldade para o plantio das sementes evangélicas no solo dos corações humanos e se nós, que nos candidatamos ao plantio não estivermos unidos na tarefa, definitivamente não conseguiremos atender aos imperativos do serviço.

Estamos vivenciando momentos decisivos na vida planetária. A civilização do computador, da Internet, do telefone celular, da robótica, da clonagem e dos transgênicos ainda padece intensamente, assolada pelos inúmeros problemas morais que ainda não obtiveram solução no coração humano. O homem do século XXI ainda não superou seus grandes problemas do sentimento.

Apesar de todas as comodidades da vida moderna, o homem tenta se libertar da depressão, dos conflitos íntimos, dos preconceitos diversos, das atitudes possessivas, do materialismo avassalador, do apego ferrenho aos bens transitórios, dentre outros problemas de ordem moral que ainda algemam o coração humano às grandes da inferioridade.

Emmanuel, o iluminado mentor já nos disse, em certa página, que o homem moderno domina por fora, mas, contraditoriamente, se sente derrotado por dentro.

Criamos um sistema de vida excessivamente baseado nos valores materiais, por nos termos distanciado da busca religiosa.

Acontece que riquezas e objetos de matéria não geram paz de espírito, nem resolvem o probema da carência de afeto, nem dissolvem mágoas, nem tão pouco alimentam o coração com o tão essencial alimento do amor.

A máquina, convertida em "deus" pelo homem, não pode amar e jamais poderá atender o homem em suas necessidades do coração. Tanto quanto o cérebro tem sede de sabedoria o coração tem fome de amor e a alma, tanto quanto o corpo carece de alimento, necessita de fé e tão somente a aquisição de valores espirituais poderá salvar o homem aflito desta geração carente de fé.

Precisamos nos voltar para Deus, e com urgência, através da vivência religiosa. Este retorno só será possível se oferecermos nossos corações, obedientes, ao comando do Cristo, que é e sempre será para a Humanidade o Caminho, a Verdade e a Vida. Sua voz de comando está estampada no seu Evangelho; sigamo-la.

Paz e Luz!
Bira

Comentário de Ubirajara de Araujo Curcino em 7 janeiro 2013 às 20:03

Amor e Liberdade.

(Sociedade, 27 de janeiro de 1860. Méd. Sr. Roze.)

Deus é amor e liberdade; é pelo amor e pela liberdade que o Espírito se aproxima dele. Pelo

amor ele se cria, em cada existência, novas relações que se aproximam da unidade; pela

liberdade escolhe o bem que o aproxima de Deus. Sede ardentes em propagar a nova fé; que

o santo ardor que vos anima jamais vos faça atingir a liberdade de outrem. Evitai, por uma

insistência muito grande junto da incredulidade orgulhosa e temível, de exacerbar uma

resistência meio vencida e quase a se render. O reino do constrangimento e da opressão

acabou; o da razão, da liberdade e do amor fraterno começa. Não será mais pelo medo e a

força que os poderosos da Terra adquirirão o direito de dirigir os interesses morais,

espirituais e físicos dos povos, mas pelo amor e a liberdade.

ABEILLARD

(Revista Espírita – 1860)

 

 

 

Membros (443)

 
 
 

ASSOCIE-SE E COLABORE

Últimas atividades

Marcinha comentou o vídeo de Leonardo Rezende
5 minutos atrás
Marcinha curtiu o vídeo de Leonardo Rezende
6 minutos atrás
Nadia Rosangela agora é amigo de Denise Salles-Christoph, Jaciara Machado Casemiro, Leandro Finkler e 2
1 hora atrás
constancia mello de carvalho sou curtiu o vídeo de Feeak Minas
1 hora atrás
Maria Lucineide Sampaio curtiu o vídeo de TIAGO MISTIERI MARTINS
1 hora atrás
Laís Matos curtiram a discussão Ao fazer o bem, não espere facilidades. de Wellington Balbo
1 hora atrás
Maria Lucineide Sampaio curtiram a discussão Ao fazer o bem, não espere facilidades. de Wellington Balbo
1 hora atrás
Jesus Carlos Sanchez Perez agora é amigo de Angie Millan, Eliza Augusta Gouveia gregio e Daguiane da Silva Alves
1 hora atrás
Isabel Zimmermann e Carlos Pretti - SCEE agora são amigos
1 hora atrás
Ícone do perfilARTHEMIS MAIA COSTA, Marco Antonio Alves da Silva, CLÉRIA DIVINA DE OLIVEIRA e mais 9 pessoas entraram em REDE AMIGO ESPÍRITA
1 hora atrás
Marli de Souza Fonseca comentou a página Canal 5 de Amigo Espírita
1 hora atrás
Marli de Souza Fonseca curtiram a página Canal 5 de Amigo Espírita
1 hora atrás
Angie Millan curtiu a postagem no blog BURACOS NEGROS DENTRO DE NÓS de M.ELISA TEIXEIRA
1 hora atrás
Angie Millan curtiu o vídeo de Feeak Minas
1 hora atrás
Angie Millan curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
1 hora atrás
Elaine Siqueira Rodrigues compartilhou o vídeo de Carlos Pretti - SCEE em Facebook
1 hora atrás
Elaine Siqueira Rodrigues curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
1 hora atrás
Angie Millan curtiu a postagem no blog " GENEROSIDADE UMA LUZ EM SEU CAMINHO" de Jesus Carlos Sanchez Perez
1 hora atrás
Elaine Siqueira Rodrigues curtiu o vídeo de Leonardo Rezende
1 hora atrás
Márcia Maria Oliveira de Aquino curtiu o vídeo de Leonardo Rezende
1 hora atrás

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2014   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço