Irmãos nossos, fazem-se ouvir na Terra gritos comovedores de sofrimento. Necessitamos de servidores que desejem integrar-se na escola evangélica da renúncia.
        Desde as primeiras tarefas do Espiritismo renovador, a colônia espiritual “Nosso Lar” tem enviado diversas turmas ao trabalho de disseminação de valores educativos...

  • Centenas de companheiros partem daqui anualmente, aliando necessidades de resgate ao serviço redentor; mas ainda não conseguimos os resultados desejáveis.
  • Alguns alcançaram resultados parciais nas tarefas a desenvolver, mas a maioria tem fracassado ruidosamente. Nossos institutos de socorro debalde movimentam medidas de assistência indispensável.
  • Raríssimos conquistam algum êxito nos delicados misteres da mediunidade e da doutrinação.

        Outras colônias de nossa esfera providenciam tarefas da mesma natureza, mas pouquíssimos são os que se lembram das realidades eternas, no “outro lado do véu”... A ignorância domina a maioria das consciências encarnadas. E a ignorância é mãe das misérias, das fraquezas, dos crimes...

  • Grandes Instrutores, nos fluidos da carne, amedrontam-se por sua vez, diante dos atritos humanos, e se recolhem, indevidamente, na concepção que lhes é própria.
  • Esquecem-se de que Jesus não esperou que os homens lhe atingissem as glórias magnificentes e que, ao invés, desceu até ao plano dos homens para amar, ensinar e servir. Não exigiu que as criaturas se fizessem imediatamente iguais a Ele, mas fêz-se como os homens, para ajudá-los na vida áspera.

        Se o Mestre Divino adotou essa norma, que dizer das nossas obrigações de criaturas falidas?
        Abstraindo-nos das necessidades imensas de outros grupos, procuremos identificar as falhas existentes naqueles que nos são afins.
        Em derredor de nós mesmos, os laços pessoais constituem extenso campo de atividade para o testemunho.
        Cesse, para nós outros, a concepção de que a Terra é o vale tenebroso, destinado a quedas lamentáveis, e agasalhemos a certeza de que a esfera_carnal é única grande oficina de trabalho redentor. Preparemo-nos para a cooperação eficiente e indispensável. Esqueçamos os erros do passado e lembremo-nos de nossas obrigações fundamentais.
        A causa geral dos desastres mediúnicos é a ausência da noção de responsabilidade e da recordação do dever a cumprir.

  • Quantos de vós fostes abonados, aqui, por generosos benfeitores que buscaram auxiliar-vos, condoídos de vosso pretérito cruel?
  • Quantos de vós partistes, entusiastas, formulando enormes promessas? 

        Entretanto, não soubestes recapitular dignamente, para aprender a servir, conforme os desígnios superiores do Eterno...

  • Quando o Senhor vos enviava possibilidades materiais para o necessário, regressáveis à ambição desmedida;
  • ante o acréscimo de misericórdia do labor intensificado, agarrastes a ideia da existência cômoda;
  • junto às experiências afetivas, preferistes os desvios seriais ao lado da família, voltastes à tirania doméstica, e sob interesses da vida eterna sobrepusestes as sugestões interiores da preguiça e da vaidade.
  • Destes-vos, na maioria, a palavra sem responsabilidade e à indagação sem discernimento, amontoando atividades inúteis.
  • Como médiuns, muitos de vós preferíeis a inconsciência de vós mesmos;
  • como doutrinadores, formuláveis conceitos para exportação, jamais para uso próprio.

        Que resultados atingimos? Grandes massas batem às fontes do Espiritismo sagrado, tão só no propósito de lhe mancharem as águas...

  • Não são procuradores do Reino de Deus os que lhe forçam, desse modo, as portas, e sim caçadores dos interesses pessoais.
  • São os sequiosos da facilidade, os amigos do menor esforço, os preguiçosos e delinqüentes de todas as situações, que desejam ouvir os Espíritos desencarnados, receosos da acusação que lhes dirige a própria consciência.
  • O fel da dúvida invade o bálsamo da fé, nos corações bem intencionados.
  • A sede de proteção indevida azorraga os seguidores da ociosidade.
  • A ignorância e a maldade entregam-se as manifestações inferiores da magia negra.

        Tudo porque, meus irmãos? Porque não temos sabido defender o sagrado depósito, por termos esquecido, em nossos labores carnais, que Espiritismo é revelação_divina para a renovação fundamental dos homens. Não atendemos, ainda, como se faz indispensável, a construção do “Reino de Deus” em nós.
        Contudo, não abandonemos nossos deveres a meio da tarefa. Voltemos ao campo, retificando as semeaduras. O Ministério da Comunicação vem incentivando esse movimento renovador. Necessitamos de servidores de boa vontade, leais ao espírito da . Não serão admitidos os que não desejarem conhecer a glória oculta da cruz do testemunho, nem atendem aqui os que se aproximem com objetivos diferentes.
        Aqui estamos todos, companheiros da Comunicação, endividados com o mundo, mas esperançosos de êxito em nossa tarefa permanente. Levantemos o olhar, o Senhor renova diariamente nossas benditas oportunidades de trabalho, mas, para atingirmos os resultados precisos, é imprescindível sejamos seguidores da renunciação ao inferior. Nenhum de nós, dos que aqui nos encontramos, está livre do ciclo de reencarnações_na_Crosta, portanto, somos sequiosos de Vida Eterna. Não olvidemos, desse modo, o Calvário de Nosso Senhor, convictos de que toda saída dos planos mais baixos deve ser uma subida para a esfera superior. E ninguém espere subir, espiritualmente, sem esforço, sem suor e sem lágrimas.

Fontes:

www.guia.heu.nom.br;

Livro: "Os Mensageiros", de André Luiz, por Chico Xavier.


Exibições: 1736

Respostas a este tópico

Olá, bom dia meu irmãos!

Seu iniciante na doutrina mas tenho estudado muito e a cada estudo tenho me sentido chamado para o trabalho mediúnico. Tenho algum receio pois me pergunto se quero fazer isso (pois quero mesmo) com total desprendimento, será que estou querendo fazer isso pra me sentir melhor e diferenciado ou será que estou fazendo com o verdadeiro sentido da caridade? Como não tenho experiência prática para responder a essas perguntas, gostaria de um aconselhamento. Estou ávido por penetrar mais e mais nos conhecimentos da doutrina mas não sei bem por onde começar. Tenho frequentado reuniões públicas duas vezes na semana e assistido várias palestras diariamente, além da leitura das obras básicas de Kardec. Posso já nesse momento me colocar à disposição para aprender processos de ajuda? Como aplicação de passes ou mesmo participar de reuniões mediúnicas?

Desculpe-me a ignorância mas sinto que aqui terei bons aconselhamentos e que de alguma forma Deus respondeu à minas preces inclusive com este texto acima.

Obrigado e fiquem em Paz!

Quando o trabalhador esta pronto o trabalho aparece.

Simples e verdadeiro! Obrigado pela resposta.


Amigo a melhor  maneira  de iniciar é  buscando  na  casa Espirita que frequentas, quais  são  os  estudos  que  estão  acontecendo e buscar orientação em  que  curso voce  pode iniciar e  ai, meu irmão é  arregaçar as mangas e  começar,  com  certeza  voce tera  embassamento para  as tarefas e trabalhos. Abraços fraterno 
Alexandre Lacerda Fernandes disse:

Simples e verdadeiro! Obrigado pela resposta.

Caro amigo irmão Alexandre Lacerda,,estou no movimento espírita já a alguns dias, e tenho acompanhado tantos irmãos com dificuldade de assimilar-se à doutrina espírita. Eles vem trazendo tantas idéias, sugestões, e quando tentam adequar o movimento ao seu modo e percebe que o espiritismo não se adéqua a nenhum ser carnal, as dificuldades da jornada fluem. Centenas desistem provisóriamente,  outras centenas vão em buscar de abrir uma casa espírita, para trabalhar ao seu modo. E assim as dificuldades da jornada evolutiva surgem arrastando-os ao comodismo, ao desânimo, à descrença, se endividando cada vez mais, perdendo a oportunidade tão implorada de uma reencarnação. Procuremos pois cada um de nós, trabalhar, trabalhar e trabalhar, na seara do Cristo, afim de que se não saldar-mos a nossa dívida, ao menos a consciência de que fizemos parte do compromisso a que nos dispusemos  aqui neste plano. "OS MENSAGEIROS" DE ANDRÉ LUIZ É MEU LIVRO DE CABECEIRA.Um bom dia a vc meu irmão, que Jesus seja seu guia hoje e sempre.

RSS

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

COLABORE COM A RAE

PRÓXIMOS EVENTOS AO VIVO

Artigos Espíritas

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ? - Nelson Xavier

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ?

“Quanto mais eu escrevo, mais as palavras aparecem. Quanto mais eu vivo, mais a vida me esquece.

Quanto mais eu choro, mais as lágrimas descem. Quanto mais eu amo,…

Reflexões sobre as Leis Naturais.

Reflexões sobre as Leis Naturais.

 

Quando se inicia o estudo da Lei Divina ou Natural, que consta em O Livro dos Espíritos, percebe-se que Kardec, na elaboração das perguntas aos Espíritos, objetiva eliminar as contradições…

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro... (Artigo de Jane Maiolo)

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro...

 por Jane Maiolo

Por que estamos nós…

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Você já esteve em ambientes em que se sentiu mal, constrangido, pouco à…

Por que estudar O livro dos médiuns? por Simoni Privato Goidanich

Por que estudar O livro dos médiuns?

Simoni Privato Goidanich

Artigo publicado na Revista A senda (nov-dez 2019), da Federação Espírita do Estado do…

Últimas atividades

Amilton Gomes de Souza e ISA SOARES agora são amigos
segunda-feira
ISA SOARES entrou no grupo de Ari Carrasco Silveira
Miniatura

Reforma Intima

"CONHECE-TE A TI MESMO"Textos de reflexão para a reforma íntimaVer mais...
domingo
ISA SOARES entrou no grupo de Amigo Espírita
Miniatura

Mensagens de Reflexão

Mensagens, frases e pensamentos para reflexão iluminando nossas vidas.
domingo
ISA SOARES entrou no grupo de Amigo Espírita
Miniatura

Espiritismo e Evangelho

Grupo destinado a estudos do Evangelho a Luz da Doutrina EspíritaVer mais...
domingo
Ori Pombal Franco curtiram o evento Votação para escolha do Projeto Médicos do Bem no Prêmio Euro de Marcílio Dias Henriques
sexta-feira
Ori Pombal Franco curtiu a postagem no blog Amor antigo - Alma afim. de Nilton Cardoso
sexta-feira
Ori Pombal Franco curtiu a postagem no blog Não temos para onde fugir de Nilton Cardoso Moreira
sexta-feira
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Os “bons” são tímidos (LE q. 932) até na Universidade de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"DEPOIS DA MORTE Em 1965, Yvonne Pereira diz que “o Evangelho é imortal, uma vez que sempre existirão cérebros e corações necessitados de renovação." Ela fala também sobre “uma…"
7 Jul
Mauro Araújo Matoso de Lima curtiu a postagem no blog Angústias De Um Dirigente Espírita de PATRIZIA GARDONA
6 Jul
Mauro Araújo Matoso de Lima curtiu a postagem no blog Angústias De Um Dirigente Espírita de PATRIZIA GARDONA
6 Jul
Helena Padilha de Meneses curtiram o perfil de Helena Padilha de Meneses
6 Jul
Ícone do perfilNilton Cardoso deu um presente para José Ricardo Fernandes
4 Jul

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2020   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço