O TRABALHO VOLUNTÁRIO

Este novo conceito de solidariedade e fraternidade tem ditado no mundo um novo modelo de vida.

Registros mostram que o voluntariado ganha força, duplica possibilidades de sucesso de instituições, aumentando o volume e melhorando a qualidade dos serviços prestados. No trabalho remunerado, na grande maioria das vezes, a motivação é o salário direto ou indireto pago pelo serviço prestado. No voluntariado são inúmeras as vantagens, seja a satisfação íntima, pessoa, quase indescritível, o sorriso de quem é servido, a gratidão, as amizades que se formam e o elevado nível das relações que se estabelecem.

Há muito a se aprender com o trabalho voluntário. As mais belas conquistas sociais e educacionais estão todas sustentadas pelo amor que os seus construtores lhes dedicaram e grande parte delas, foram realizadas pelo voluntariado. Por voluntário, não entendamos aquela pessoa que faz algo durante o tempo que lhe sobra, como desencargo de consciência ou motivado por fato que lhe chame a atenção.

Voluntário é aquela pessoa que percebeu que pode fazer um pouco mais, que saiu do universo da indiferença e da apatia e se disponibiliza a fazer algo metódico e sistemático, dentro de uma programação pessoal ou institucional.
Deparo-me muitas vezes com pessoas que se dizem voluntárias porque decidiram, por livre arbítrio, a fazer algo em favor de alguém. Foram livres para decidir fazer e agora são livres para decidir quando parar. Argumentam que se somos voluntários para disponibilizar nossa vontade, somos igualmente livres para parar de fazer o trabalho quando quisermos. Claro que podem se afastar quando quiserem. Há, contudo, reflexões a ser feitas a cada decisão que tomamos. Uma coisa é afastar-se do trabalho voluntário e outra é abandonar o trabalho.

Esta visão é míope e desrespeitosa para com o trabalho realizado, a realizar, para com a equipe, para com os beneficiários do trabalho que ficam na expectativa e com o planejamento da instituição. Mesmo nas empresas onde o trabalho é remunerado, a substituição de pessoas é regulada por mecanismos de modo a que a tarefa não seja prejudicada.

Ninguém é insubstituível, dizem alguns, mas será preciso encontrar quem ocupar a vaga daquele que sai e se o voluntário ama mesmo o trabalho e o resultado dele, se ama a instituição, deve agir com grandeza de esperar que se encontre o substituto e até auxiliar a encontrá-lo.

O amor ao trabalho e ao bem deve ser ampliado além do resultado visto. O trabalho nunca está dissociado da equipe, dos beneficiários e da instituição. Por isto, cumpre a aquele se oferece ao trabalho voluntário estar ciente das suas responsabilidades. Até oferecer-se, nenhuma responsabilidade tem. Mas depois de assumir o compromisso precisa estar atento para não prejudicar o trabalho, do que prestará contas. Diz o Evangelho Segundo o Espiritismo, no capitulo 20, item 5:

"Trabalhemos juntos e unamos os nossos esforços, a fim de que o Senhor, ao chegar, encontre acabada a obra", porquanto o Senhor lhes dirá: "Vinde a mim, vós que sois bons servidores, vós que soubestes impor silêncio aos vossos ciúmes e às vossas discórdias, a fim de que daí não viesse dano para a obra!" Mas, ai daqueles que, por efeito das suas dissensões, houverem retardado a hora da colheita, pois a tempestade virá e eles serão levados no turbilhão! Clamarão: "Graça! graça!" O Senhor, porém, lhes dirá: "Como implorais graças, vós que não tivestes piedade dos vossos irmãos e que vos negastes a estender-lhes as mãos, que esmagastes o fraco, em vez de o amparardes? Como suplicais graças, vós que buscastes a vossa recompensa nos gozos da Terra e na satisfação do vosso orgulho? Já recebestes a vossa recompensa, tal qual a quisestes. Nada mais vos cabe pedir; as recompensas celestes são para os que não tenham buscado as recompensas da Terra”.

Em qualquer trabalho que executamos haverá divergências. Elas são salutares, importantes e necessárias. É do conflito de ideias que nascem as melhorias. Chega a ser entediante trabalhar num local onde ninguém oferece opiniões ou sugestões para melhorias. Não haverá progresso. Outra coisa, contudo, são as discórdias. Estas desagregam, minam o trabalho, desanimam os menos encorajados e abrem portas para influências externas.

Deploráveis são as atitudes de atribuir a quem fica trabalhando as responsabilidades pelo afastamento. Todo trabalhador que gosta do trabalho que faz, que ama o grupo que o recebeu, que respeita a liderança que o acolheu e considera como irmãos as pessoas que esperam sua atenção e cuidado deve primeiro avaliar-se. O grupo também deve avaliar-se, através das avaliações que resultam das reuniões periódicas. O resultado do trabalho é fruto de todas as ações de uma equipe.

Se há sucesso, toda equipe trabalhou. Se há fracasso, que se corrijam para prosseguir, porque o trabalho é constante, permanente e nossa evolução o exige. Ninguém progride sem trabalhar. Colocar culpas nos outros fica muito bem quando apresentamos as mãos calosas do trabalho, dentro dele. Quem sai, perde o direito de falar do trabalho e deve se ocupar da nova tarefa que vai executar, porque, certamente, terá muito que aprender nela também.

José Carlos Fiorido

Exibições: 1561

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

ASSOCIE-SE E COLABORE

Artigos Espíritas

Chico Xavier - O servidor

Compartilhamos com os amigos da RAE este belo artigo.

Sds



Atribuem a Mark Twain a citação da seguinte frase: “Não gosto de elogios.
Nunca acho que falaram o…

O custo do abandono emocional (Jane Maiolo)

O custo do abandono emocional 

 

  

 

“Por isso não desfalecemos; mas, ainda que o nosso homem exterior se corrompa, o interior, contudo, se renova de dia em dia”.…

Hipocrisia gourmet: os riscos de uma seita chamada Espiritismo.

Hipocrisia gourmet: os riscos de uma seita chamada Espiritismo.

 

 

E ele, respondendo, disse-lhes: Bem profetizou Isaías acerca de vós, hipócritas, como está escrito:Este povo honra-me com os lábios,Mas o seu coração está longe de mim;…

Pedagogia do silêncio ou talking cure?

Pedagogia do silêncio ou talking cure? 

 

 

 

E ele lhes disse: Que palavras são essas que, caminhando, trocais entre…

Vaidade ou inveja? (Por Vladimir Alexei)

Vaidade ou inveja?

Vladimir Alexei

Belo Horizonte das Minas Gerais,

15 de fevereiro de…

Últimas atividades

Erika Silveira compartilhou o evento deles em Facebook
1 hora atrás
Ícone do perfil via Twitter
COMPREENDER PARA PERDOAR (SE)! - 75º Reflexão Espírita com José Antonio da Cruz assista no youtube… https://t.co/kgRtLmjMg0
Twitter1 hora atrás · Responder · Retweet
Carlus Martel curtiu a postagem no blog Charlatanismo, redes sociais e a fake new do além (Jorge Hessen) de os pae
2 horas atrás
Ícone do perfil via Twitter
“ENFERMIDADES DA ALMA”: https://t.co/WqQ2VaXY7e
Twitter4 horas atrás · Responder · Retweet
Posts no blog por ANA MARIA TEODORO MASSUCI
4 horas atrás
Casa de Jaco - Lar do idoso curtiu a postagem no blog Charlatanismo, redes sociais e a fake new do além (Jorge Hessen) de os pae
12 horas atrás
Alexandre Nunes compartilhou o post do blog de os pae em Facebook
12 horas atrás
Alexandre Nunes curtiu a postagem no blog Charlatanismo, redes sociais e a fake new do além (Jorge Hessen) de os pae
12 horas atrás
Codificador do Paracleto curtiu a postagem no blog Charlatanismo, redes sociais e a fake new do além (Jorge Hessen) de os pae
12 horas atrás
Dalva Konig Benedet e nadia muhd agora são amigos
12 horas atrás
Codificador do Paracleto comentou a postagem no blog Charlatanismo, redes sociais e a fake new do além (Jorge Hessen) de os pae
12 horas atrás
Codificador do Paracleto comentou a postagem no blog Charlatanismo, redes sociais e a fake new do além (Jorge Hessen) de os pae
12 horas atrás
Ícone do perfil via Twitter
"Feliz Páscoa": A Doutrina Espírita não comemora a Páscoa, ainda que acate os preceitos do Evangelho de Jesus, https://t.co/rtfL4zk12t
Twitter12 horas atrás · Responder · Retweet
Erika Silveira postou um evento
Miniatura

Viagem para Israel com André Marouço em Israel

14 julho 2019 às 7 a 26 julho 2019 às 23
De 14 a 26 de julho a RW Turismo, especializada em viagens para a Terra Santa  realizará um programa especial de férias para Israel, destinado à jovens de todas as idades. Viagem de estudo, sob a ótica da Doutrina Espírita, com orientação e acompanhamento do estudioso do espiritismo, cineasta e diretor do filme Nos Passos do Mestre, André Marouço, que compartilhará…Ver mais...
12 horas atrás
Ícone do perfil via Twitter
"Livro dos Espíritos - 162 anos O que é Allan Kardec?*: https://t.co/7u8AMW0dBO
Twitter13 horas atrás · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
COMPREENDER PARA PERDOAR (SE)! - 75º Reflexão Espírita com José Antonio da Cruz assista no youtube… https://t.co/lO90QIKuWU
Twitter14 horas atrás · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
O peregrino Paulo de Tarso - (118) Cartas de Paulo com Carlos Alberto Braga assista no youtube… https://t.co/swiDNlcLQx
Twitter19 horas atrás · Responder · Retweet
Codificador do Paracleto comentou a postagem no blog Charlatanismo, redes sociais e a fake new do além (Jorge Hessen) de os pae
"O Artigo  (advertência) foi publicado   em MADRI na Espanha ....traduzido por Mercedes Cruz Link da…"
20 horas atrás
Ícone do perfilRaquel Torres, JOAO ANTONIO DE CAMARGO NETO, Katiuscia Prado e mais 2 pessoas entraram em RAE
20 horas atrás
os pae comentou a postagem no blog Charlatanismo, redes sociais e a fake new do além (Jorge Hessen) de os pae
"O artigo acima foi Republicado  nos seguintes blogs: Para ler e pensar http://www.paralerepensar.com.br/paralerepensar/texto.php?id_publicacao=51111   A luz na…"
20 horas atrás

Regras de uso e de publicação

 

 

Badge

Carregando...

© 2019   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço