Em antigo programa de TV (Pinga Fogo), Chico Xavier interrogado sobre a ingestão de carne de animais deu uma resposta que tem servido de argumento para muitos companheiros defensores da alimentação carnívora.

        Sobre esse mesmo assunto o mentor espiritual Emmanuel também foi questionado conforme consta no livro "O Consolador", psicografado por Chico Xavier e editado pela FEB, 1ª edição de 1941. Emmanuel na questão de nº 129, assim se manifestou:

        "A ingestão de vísceras dos animais é um erro de enormes consequências do qual derivam numerosos vícios da nutrição Humana. É de lastimar semelhante situação, mesmo porque, se o estado de materialidade da criatura exige a ingestão de determinadas vitaminas, esses valores nutritivos podem ser encontrados nos produtos de origem vegetal, sem a necessidade absoluta dos matadouros e frigoríficos."

        Perguntamos: Chico Xavier teria esquecido a orientação de seu mentor espiritual? Acreditamos que não. Melhor seria examinar PALAVRA por PALAVRA toda a resposta do Chico bem como o contexto em que ela foi dada.

        No livro "Missionários da Luz", o Espírito André Luiz também se refere ao tema no cap. IV da referida obra,  citando palestra do mentor Alexandre, nos seguintes termos:

        "E nós outros, André Luiz, quando encarnados, as nossas mesas não se mantinham à custa das vísceras dos bovinos e das aves? A pretexto de conseguir recursos proteicos, exterminávamos frangos e 

carneiros, leitões e cabritos incontáveis. Sugávamos os tecidos musculares, roíamos os ossos. Não contentes em matar os pobres seres que nos pediam roteiros de progresso e valores educativos, para melhor atenderem à Obra do Pai, dilatávamos os requintes da exploração milenária e infligíamos a muitos deles determinadas moléstias para que nos servissem ao paladar, com a máxima eficiência. O suíno comum era preso por nós, em regime de ceva, e o pobre animal, muitas vezes à custa de resíduos, devia criar para nosso uso certas reservas de gordura, até que se prostrasse, de todo, ao peso de banhas doentias e abundantes. Colocávamos gansos nas engordadeiras para que hipertrofiassem o fígado, de modo a obtermos pastas substanciosas destinadas a quitutes que ficaram famosos, despreocupados das faltas cometidas com a suposta vantagem de enriquecer valores culinários. Em nada nos comovia o quadro comovente das vacas-mães, em direção ao matadouro, para que nossas panelas transpirassem agradávelmente.

        Em todos os setores da Criação, Deus, Nosso Pai, colocou os superiores e os inferiores para o trabalho de evolução, através da colaboração e do amor, da administração e da obediência. Atrever-nos-íamos a declarar, porventura, que fomos bons para os seres que nos eram inferiores? Não lhes devastávamos a vida, personificando diabólicas figuras em seus caminhos? Os seres inferiores e necessitados do Planeta não nos encaram como superiores generosos e inteligentes, mas como verdugos cruiéis. Confiam na tempestade furiosa que perturba as forças da Natureza, mas fogem, desesperados, à aproximação do homem de qualquer condição, excetuando-se os animais domésticos que, por confiar em nossas palavras e atitudes, aceitam o cutelo e a faca no matadouro, quase sempre com lágrimas de aflição, incapazes de discernir com o raciocínio embrionário onde começa a nossa perversidade e onde termina a nossa compreensão".

        Voltaremos ao assunto. Muita paz para todos.

Exibições: 389

Comentar

Você precisa ser um membro de RAE para adicionar comentários!

Entrar em RAE

Comentário de Adão de Araujo em 30 julho 2018 às 10:31

       Bom dia Ana Oliveira. Muito agradecido por seu comentário lúcido e oportuno. Muita paz.

Comentário de Ana Oliveira em 30 julho 2018 às 9:35

Bom dia!

Concordo com o amigo Adão de Araujo, a realidade hoje com a relação à disponibilidade de alimentos é muito ampla, com a proteína vegetal, vitaminas e suplementos. Sempre estamos em evolução de conceitos e disciplinando nossas vontades e desejos. É o caminho da evolução, tudo leva tempo, mas com fé e amor chegaremos lá.

Comentário de Adão de Araujo em 29 julho 2018 às 11:02

Estimado amigo Plauto Giani Gonçalves: concordo com você com o exposto na Questão 723 de O Livro dos Espíritos. Entretanto, penso que devemos levar em consideração que algumas questões (hábitos pessoais, costumes, tradições, culturas, etc.), podem ser inseridas no aspecto de que ao Espiritismo é uma Doutrina evolucionista e que, portanto, essas questões poderiam ser atualizadas e ou contextualizadas, tendo em vista que a realidade, hoje, com relação a disponibilidade de alimentos é muito diferente daquela da época da Codificação.

Vale a pena ler também a Questão 724; alí parece que os Espíritos deixaram uma boa sugestão...

O assunto, porém, está em aberto. Toda e qualquer opinião ou comentário é sempre bem vindo. Grato por sua contribuição Plauto. Um forte abraço. Muita paz.

Comentário de Plauto Giani Gonçalves em 29 julho 2018 às 10:37

Bom-dia!

Muita paz!

Questão 723  de O Livro dos Espíritos:

"A alimentação animal é, para o homem, contrária à lei natural?"

- "Em vossa constituição física, a carne alimenta a carne; de outro modo, o homem enfrquece. A lei de conservação dá ao homem o dever de manter suas forças e sua saúde para cumprir a lei do trabalho. Ele deve, portanto, se alimentar conforme as exigências de seu organismo."

Com todo respeito ao Emmanuel, André Luiz e outros, fico com a codificação.

O que é prejudicial é o excesso.

Fraternal abraço.

Comentário de Adão de Araujo em 24 julho 2018 às 18:01

Muito agradecido por sua atenção e comentário Ana Oliveira.

Comentário de Ana Oliveira em 24 julho 2018 às 15:06

Importante para nossa reflexão!

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

COLABORE COM A RAE

PRÓXIMOS EVENTOS AO VIVO

Artigos Espíritas

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ? - Nelson Xavier

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ?

“Quanto mais eu escrevo, mais as palavras aparecem. Quanto mais eu vivo, mais a vida me esquece.

Quanto mais eu choro, mais as lágrimas descem. Quanto mais eu amo,…

Reflexões sobre as Leis Naturais.

Reflexões sobre as Leis Naturais.

 

Quando se inicia o estudo da Lei Divina ou Natural, que consta em O Livro dos Espíritos, percebe-se que Kardec, na elaboração das perguntas aos Espíritos, objetiva eliminar as contradições…

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro... (Artigo de Jane Maiolo)

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro...

 por Jane Maiolo

Por que estamos nós…

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Você já esteve em ambientes em que se sentiu mal, constrangido, pouco à…

Por que estudar O livro dos médiuns? por Simoni Privato Goidanich

Por que estudar O livro dos médiuns?

Simoni Privato Goidanich

Artigo publicado na Revista A senda (nov-dez 2019), da Federação Espírita do Estado do…

Últimas atividades

Amilton Gomes de Souza e ISA SOARES agora são amigos
ontem
ISA SOARES entrou no grupo de Ari Carrasco Silveira
Miniatura

Reforma Intima

"CONHECE-TE A TI MESMO"Textos de reflexão para a reforma íntimaVer mais...
domingo
ISA SOARES entrou no grupo de Amigo Espírita
Miniatura

Mensagens de Reflexão

Mensagens, frases e pensamentos para reflexão iluminando nossas vidas.
domingo
ISA SOARES entrou no grupo de Amigo Espírita
Miniatura

Espiritismo e Evangelho

Grupo destinado a estudos do Evangelho a Luz da Doutrina EspíritaVer mais...
domingo
Ori Pombal Franco curtiram o evento Votação para escolha do Projeto Médicos do Bem no Prêmio Euro de Marcílio Dias Henriques
sexta-feira
Ori Pombal Franco curtiu a postagem no blog Amor antigo - Alma afim. de Nilton Cardoso
sexta-feira
Ori Pombal Franco curtiu a postagem no blog Não temos para onde fugir de Nilton Cardoso Moreira
sexta-feira
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Os “bons” são tímidos (LE q. 932) até na Universidade de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"DEPOIS DA MORTE Em 1965, Yvonne Pereira diz que “o Evangelho é imortal, uma vez que sempre existirão cérebros e corações necessitados de renovação." Ela fala também sobre “uma…"
7 Jul
Mauro Araújo Matoso de Lima curtiu a postagem no blog Angústias De Um Dirigente Espírita de PATRIZIA GARDONA
6 Jul
Mauro Araújo Matoso de Lima curtiu a postagem no blog Angústias De Um Dirigente Espírita de PATRIZIA GARDONA
6 Jul
Helena Padilha de Meneses curtiram o perfil de Helena Padilha de Meneses
6 Jul
Ícone do perfilNilton Cardoso deu um presente para José Ricardo Fernandes
4 Jul

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2020   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço