Nenhuma descrição de foto disponível.

Certa manhã, Carl Coleman estava indo de carro para o trabalho e bateu no para-lama de outro veículo.

Ambos pararam, e a mulher que dirigia o outro carro desceu para ver o estrago.

Ela ficou angustiada. Algumas lágrimas lavavam seus olhos preocupados, discretamente.

Assumiu a culpa e disse que seu carro era novinho em folha. Fazia dois dias que havia saído da loja, e ela estava com medo de enfrentar o marido e a reação que ele teria.

Coleman agiu com simpatia, mas precisava apresentar seus documentos e ver os dela.

Ela, um tanto trêmula, retirou do porta-luvas um envelope contendo os documentos.

Na frente dos documentos, escritas com a letra característica de seu marido, estavam as seguintes palavras:

Em caso de acidente, lembre-se, querida: é você quem eu amo, e não o carro.

* * *

A narrativa nos traz uma reflexão de muita importância para nossas vidas.

Qual o valor que atribuímos às coisas?

Será que, por vezes, nossas reações perante a ameaça de perda dessas coisas, não mostra que parecemos valorizar mais nossos bens do que nossos amores?

Em acidente semelhante ao relatado, quantos escândalos, gritos e repreensões são ouvidos antes da simples pergunta: Você está bem? Ou Aconteceu alguma coisa com você?

Será que lembramos daquilo que realmente é importante?

É claro que o zelo, o cuidado pelo que temos é necessário, porém, nosso materialismo excessivo leva-nos a colocar os bens em primeiro plano. Acidentes ocorrem e podem acontecer com qualquer um de nós.

Podemos ser motoristas hábeis, previdentes e cuidadosos e, mesmo assim, o risco desses incidentes ainda será grande, pois eles fazem parte do mundo em que vivemos.

É triste perceber que algumas pessoas chegam a perder suas vidas, defendendo bens, acreditando que a reação a um assalto, por exemplo, evitaria o prejuízo.

Ledo engano. O prejuízo é muito maior do que imaginamos, quando se trata de vidas humanas, de nossas vidas.

Será que estamos lembrando daquilo que realmente é importante?

Será que o pai de família não pensa que, numa pequena discussão de trânsito, num desaforo que ele não deseja levar para casa, está pondo em risco a sua vida, e todo o futuro de seus familiares?

Podemos chamar de irresponsável a pessoa que acredita na reação violenta para resolver suas questões.

Não nos deixemos enganar, valorizando mais um carro novo do que uma esposa, um marido; valorizando mais um enfeite caro de nossa casa do que um filho, um amigo.

Se por hora perdermos os bens, ou se formos atingidos por um prejuízo financeiro, lembremos de que sempre poderemos conquistar tudo novamente, e que não estamos aqui na Terra para acumular bens e fortuna.

Estamos aqui para aprender a amar, para crescer como Espíritos.

* * *

Não ajunteis tesouros na Terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam.

Ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde os ladrões não minam nem roubam.

Porque onde estiver o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração.



Redação do Momento Espírita

Exibições: 72

Comentar

Você precisa ser um membro de RAE para adicionar comentários!

Entrar em RAE

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

ASSOCIE-SE E COLABORE

Artigos Espíritas

Por que apenas em setembro?

Por que apenas em setembro? 

 

O tema suicídio sempre me chamou atenção, tanto que, no ano de 2011, junto com dois amigos…

Espíritos de pessoas vivas: uma história de reconciliação.

Espíritos de pessoas vivas: uma história de reconciliação.

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Um tempo atrás, quando saía do centro espírita, um senhor me abordou para narrar curioso fato.

Aspas pra…

Por que ideias não espíritas são ensinadas nos centros espíritas?

Pode ser que ao ler o título deste texto você imagine que se trata de uma espécie de censura ou proibição a alguma ideia veiculada no centro espírita. Por isso, faço o convite para que prossiga na leitura, pois, adianto, não se trata de censura ou proibição de qualquer…

Ridículo silêncio

                                                             RIDÍCULO SILÊNCIO

Há muitas espécies de provação para a dignidade pessoal e numerosos gêneros de defesa.
Há feridas que atingem a honorabilidade de família, golpes que vibram sobre a realização individual, calúnias que envolvem o nome, acusações gratuitas, comentários desairosos à…

É sempre tempo de receber visitas (por Jane Maiolo)

É sempre tempo de receber visitas

Por Jane Maiolo

Pois, se nem ainda podeis as coisas mínimas, por que estais ansiosos pelas outras?” (1) Lucas 12:26

 …

Últimas atividades

Posts no blog por ANA MARIA TEODORO MASSUCI
14 horas atrás
Posts no blog por PATRIZIA GARDONA

Procura-se urgentemente quem ouça. E ouça com atenção!

Este seria um cartaz que procura ansiosamente pessoas dispostas a doar sua atenção à quem precise desabafar.Espero que ele nunca seja divulgado, espero mesmo que nunca precisemos chegar a este ponto.Mas o fato é que realmente estamos carecendo de quem possa doar um pouquinho mais de seus ouvidos.Isso é caridade pura.Disse Allan Kardec que “Fora da caridade não há salvação”, e…Ver mais...
14 horas atrás
Auera do Rosario Neves curtiram o evento “Alegria de Viver”, com Valmia Ferrari de Carlos Pretti - SCEE
15 horas atrás
Joao Iudes Nodari curtiram a discussão É sempre tempo de receber visitas (por Jane Maiolo) de Amigo Espírita
ontem
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog No Umbral de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"“Não podemos sequer começar uma investigação a partir de prova ilícita”. O desembargador Victor Laus, presidente do…"
domingo
Ícone do perfilluciane Duarte de souza, André M, Alberto Neto e mais 3 pessoas entraram em RAE
domingo
Posts no blog por PATRIZIA GARDONA

Fé em meio à Novela

Até gostei do início de uma das novelas de determinado canal aberto de TV. Narrou sobre troca de exames de análise clínica de pacientes, coisa comum de acontecer, sendo que um dos diagnósticos demonstra estado grave de saúde, que não sendo tratado imediatamente pode ensejar o óbito do doente.Também mostra que a rede pública…Ver mais...
domingo
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Suicídio. Quando ... de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"QUE TAL SAIR POR AÍ SEMEANDO ESPERANÇA?   Título questão convite espírita (1). O Centro Espírita poderia formar um grupo pequeno, cinco pessoas, para elaborar um projeto para divulgar o Espiritismo aos…"
sábado
Amauri A. L. Silva curtiu a postagem no blog Somos Responsáveis de PATRIZIA GARDONA
sexta-feira
Ori Pombal Franco curtiram o evento “Alegria de Viver”, com Valmia Ferrari de Carlos Pretti - SCEE
sexta-feira
Conceição Valadares curtiram o evento “Alegria de Viver”, com Valmia Ferrari de Carlos Pretti - SCEE
sexta-feira
Carlos Pretti - SCEE curtiram o evento “Alegria de Viver”, com Valmia Ferrari de Carlos Pretti - SCEE
sexta-feira
Rosângela Felicio curtiu a postagem no blog Preparação de Trabalhadores Espíritas - O Trabalho de Feeak Minas
sexta-feira
Rosângela Felicio curtiram a discussão Ridículo silêncio de Feeak Minas
sexta-feira
Rosângela Felicio curtiram a discussão 21º ESDE - Retorno da vida corporal - Infância de Feeak Minas
sexta-feira
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Suicídio. Quando ... de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
quinta-feira
Carlos Pretti - SCEE postou um evento
Miniatura

“Alegria de Viver”, com Valmia Ferrari em Sociedade Colatinense de Estudos Espíritas

15 setembro 2019 de 9 a 10:15
Palestra no próximo domingo 15 de setembro de 2019, de 09h às 10h da manhã na Sociedade Colatinense de Estudos Espíritas, com o tema “Alegria de Viver”, será ministrada pela militar e conferencista Valmia Ferrari de Guarapari-ES. Valmia é natural de Nova Venécia-ES, é trabalhadora e uma das fundadoras do Lar Espírita Cristão, em Guarapari. Muita saúde, paz e alegrias!…Ver mais...
quinta-feira
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Suicídio. Quando ... de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
quinta-feira
Gabriele Riccardo Giacomo Carlet e Carlos Pretti - SCEE agora são amigos
quinta-feira

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2019   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço