Assim disse Jesus:

“Deixem que venham a mim as criancinhas, não as impeçam, pois o Reino dos Céus é para aqueles que se assemelham a elas. Em verdade, Eu digo a vocês: Todo aquele que não tiver a humildade e pureza de uma criança não entrará no Reino de Deus.”

     Jesus se refere àqueles que se assemelham à pureza de uma criança, que é simples e humilde. Que não manifestaram nenhuma tendência para o mal e que as experiências de vidas passadas ainda estão adormecidas, por isso o espírito no corpo infantil é dócil. A criança está aberta ao aprendizado, e como símbolo da inocência, da humildade e da simplicidade, as fazem necessitar de cuidados, também pela sua fraqueza corporal assim facilitando as modificações a exercer ações no bem.

     Elas não dão demonstrações de egoísmo e nem de orgulho. Só assim que poderão entrar no Reino dos Céus, que é o lugar destinado àqueles que foram bons e viveram de acordo com as Leis de Deus.

     Aquele que é puro de coração é o homem que se despiu das mazelas, das quais os levam aos constantes erros, como: as doenças do corpo e da alma, causadas principalmente por causa do egoísmo e do egoísmo. O apego às coisas também as fazem ser impuras de coração.

     Com o véu do esquecimento, cuja lembrança de vidas passadas só atrapalharia a nova existência terrena, o espírito é mais forte moral e intelectualmente, preservando somente a intuição do que conserva de outras encarnações.

     O homem sendo um espírito encarnado tem como meta ser puro de coração, e ele têm as ferramentas para se aperfeiçoar. Mas tem o véu da ilusão. Ele precisa ser livre as obsessões e enfim, se reconhecer como filho de Deus. Entender que o próximo é a extensão dele mesmo. Que a dificuldade dos outros devem ser respeitadas por que ele tem as dele. Assim, as imperfeições vão sumindo aos poucos.

     Ele deve se habituar a trocar os vícios pelas virtudes, para chegar à perfeição. Crê em Deus não é suficiente para ser puro de coração, tem que ser por inteiro. Pois para chegar à pureza, é precisar limpar as sujidades da alma, ter a vontade de mudar para melhor, mudar suas emoções, sentimentos, sensações e principalmente as atitudes e os pensamentos.

     Se homem parasse de cometer até a maldade por pensamento, isso mudaria muita coisa para melhor, porque isso só é resultado da impureza da alma dele. E para eliminar as imperfeições da alma, é necessário destruir os vícios, os defeitos e tudo o que seja necessário para que haja uma limpeza profunda.

     Portanto, as “criancinhas”, sendo o espírito encarnado nos primeiros anos da vida humana, é o símbolo da pureza e da simplicidade, apesar das vidas anteriores estarem escondidas. E, é revestido da roupagem da inocência. Somente um espírito que atingiu a perfeição poderia ser modelo da verdadeira de pureza. Por isso, Jesus usa a infância como símbolo dessa pureza.

Prece:

 

Senhor Deus da infinita bondade, que o Seu amor entre nos corações impuros, os fazendo ter resignação, paciência e benevolência para consigo e para o próximo. Que consigam sentir com a alma a pureza que o Senhor os oferta, e saibam ouvir seus anjos da guarda, para que sejam iluminados com seus conselhos lindos e que saibam agradecer a vida que têm, em nome de Jesus!

Senhor, se for da sua vontade dê ao coração dessas criaturas impuras um pouco de alegria, as que eles mereçam receber.

Meu Pai, que seja feita a sua vontade e não a minha.

Que assim seja!

 

Imagem

Exibições: 7159

Comentar

Você precisa ser um membro de RAE para adicionar comentários!

Entrar em RAE

Comentário de Gisele Regina em 7 dezembro 2013 às 16:30

Obrigada Ubirajara. É bom ter Jesus no coração, só assim conseguimos ir adiante, nas provas e expiações. 

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

COLABORE COM A RAE

PRÓXIMOS EVENTOS AO VIVO

Artigos Espíritas

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ? - Nelson Xavier

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ?

“Quanto mais eu escrevo, mais as palavras aparecem. Quanto mais eu vivo, mais a vida me esquece.

Quanto mais eu choro, mais as lágrimas descem. Quanto mais eu amo,…

Reflexões sobre as Leis Naturais.

Reflexões sobre as Leis Naturais.

 

Quando se inicia o estudo da Lei Divina ou Natural, que consta em O Livro dos Espíritos, percebe-se que Kardec, na elaboração das perguntas aos Espíritos, objetiva eliminar as contradições…

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro... (Artigo de Jane Maiolo)

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro...

 por Jane Maiolo

Por que estamos nós…

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Você já esteve em ambientes em que se sentiu mal, constrangido, pouco à…

Por que estudar O livro dos médiuns? por Simoni Privato Goidanich

Por que estudar O livro dos médiuns?

Simoni Privato Goidanich

Artigo publicado na Revista A senda (nov-dez 2019), da Federação Espírita do Estado do…

Últimas atividades

Ori Pombal Franco curtiram o evento Votação para escolha do Projeto Médicos do Bem no Prêmio Euro de Marcílio Dias Henriques
ontem
Ori Pombal Franco curtiu a postagem no blog Amor antigo - Alma afim. de Nilton Cardoso
ontem
Ori Pombal Franco curtiu a postagem no blog Não temos para onde fugir de Nilton Cardoso Moreira
ontem
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Os “bons” são tímidos (LE q. 932) até na Universidade de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"DEPOIS DA MORTE Em 1965, Yvonne Pereira diz que “o Evangelho é imortal, uma vez que sempre existirão cérebros e corações necessitados de renovação." Ela fala também sobre “uma…"
quarta-feira
Mauro Araújo Matoso de Lima curtiu a postagem no blog Angústias De Um Dirigente Espírita de PATRIZIA GARDONA
segunda-feira
Mauro Araújo Matoso de Lima curtiu a postagem no blog Angústias De Um Dirigente Espírita de PATRIZIA GARDONA
segunda-feira
Helena Padilha de Meneses curtiram o perfil de Helena Padilha de Meneses
segunda-feira
Ícone do perfilNilton Cardoso deu um presente para José Ricardo Fernandes
4 Jul
Nilton Cardoso e José Ricardo Fernandes agora são amigos
4 Jul
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Hanseníase. Você o conhece? de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"  N.F.P, 23, noiva, não consegue sentir mais os pés, (...) e sua sensibilidade totalmente debilitada. Ela tem hanseníase, doença mais conhecida como lepra. Sua primeira atitude foi querer se suicidar, mas agora,…"
4 Jul
José Ricardo Fernandes curtiu a postagem no blog Amor antigo - Alma afim. de Nilton Cardoso
3 Jul
José Ricardo Fernandes curtiram o perfil de Nilton Cardoso
3 Jul

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2020   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço