Braseiros, Prudência! Honestidade e patriotismo são nossas poderosas armas (Jorge Hessen)

Jorge Hessen

jorgehessen@gmail.com

 

Avaliamos às vezes com certa repugnância os assaltantes, vigaristas, homicidas, encarcerados ou ex-detentos. Todavia, será que fora das prisões há muitos cidadãos honestos? Façamos um balanço de consciência. Quantas vezes compramos produtos de origem duvidosa para sonegar impostos? Será que sempre devolvemos o troco que o caixa do estabelecimento comercial nos deu a mais? Quantos mecânicos de automóveis, técnicos de geladeiras, de televisão, máquinas de lavar, de computadores, tapeiam para cobrar mais caro o serviço?

Quantas vezes estacionamos na vaga de idoso ou deficiente sem autorização para isso? Quantos usam de sua autoridade para anular multas de trânsito? Quantos ingerem bebidas alcoólicas e tomam a direção de veículo para dirigir? Não assombra que administradores se apropriem das verbas públicas, e que empresários demitam empregados para ter lucro máximo.

Cá para nós, é urgente uma mudança visceral na cultura da desonestidade. É urgente a mudança de comportamento da população que costumeiramente elege seus representantes à custa de negociata do próprio voto. Infelizmente os legisladores comercializam a honradez a fim de aprovar leis espúrias. Os noticiários falam  dos juízes descompromissados com as vozes dos justos e dos (ir) responsáveis do (des) governo da administração estatal.

É imprescindível que se restabeleçam os valores da ética, da solidariedade, do amor e que se revitalize a reputação e o caráter de cada cidadão. Até porque a escassez de ética, sobretudo governamental está fundada em valores (subterrâneos), e se esvai através de um costume conflitante para vigorar, a saber: o cinismo ideológico das “autoridades” autoritárias que administram a nação, a desumanidade e as mentiras consentidas, o enriquecimento ilegítimo de alguns líderes políticos.

Nessa instável conjuntura, o cidadão de bem não pode permanecer na inércia. Precisa reivindicar e batalhar pela rejeição da improbidade através do uso do voto consciencioso e dos exemplos de decência. Não pode jamais esmorecer o ideal do bem. Precisa contrapor a institucionalização do mal que se faz através da arbitrariedade, da corrupção, da irresponsabilidade, da irracionalidade administrativa, da inversão dos valores morais. Há muitos alucinados que desejam fazer do País a "CASA-DA-MÃE-JOANA", uma “TERRA DE NINGUÉM”.

Lamentavelmente o nosso País carrega uma história promíscua. A prática da rapinagem tem-se repetido através dos anos no solo do Brasil.  Daí porque as estatísticas consagrem ao Brasil a liderança do ranque dos países campeões mundiais em corrupção, fazendo associação a determinados países africanos em estágio primitivo.

Cumpre ao cidadão de bem afirmar a primazia da ética na fiscalização da administração pública, por ser a instância básica do valor dos preceitos da governabilidade, ou seja, o interesse prioritário da população.

Por isso, os governantes precisam “assegurar o exercício dos direitos sociais e individuais, a liberdade, a segurança, a amenidade, o desenvolvimento, a equidade e a justiça como importâncias soberanas de uma coletividade fraternal, pluralista e sem preconceitos, fundamentada na conformidade social e empenhada, na ordem interna e internacional, com a solução pacata das disputas.

Obviamente ser incorruptível requer dignidade e sobriedade. Ser honesto demanda disciplina moral e ética, labuta para abater más tendências, diligência por não se consentir desabar na perdição das trapaças.

Muitos se interrogam no imo da consciência: Haverá futuro promissor para uma sociedade estruturada assim como a brasileira? Pensamos que sim!

 

A prudência continua sendo a nossa melhor conselheira. Por questão de consciência ética, sabemos que um autêntico espírita tem que ser fiel aos princípios que a Doutrina dos Espíritos impõe e ter noção de que honestidade é prática obrigatória para todo ser humano, sobretudo para um cristão.

 

Exibições: 61

Comentar

Você precisa ser um membro de RAE para adicionar comentários!

Entrar em RAE

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

ASSOCIE-SE E COLABORE

Últimas atividades

Casa de Jaco - Lar do idoso curtiu a postagem no blog “Karma” , uma fábula pré-histórica mal contada (Jorge Hessen) de os pae
5 horas atrás
Casa de Jaco - Lar do idoso curtiu a postagem no blog A fé racional da vida além da tumba é o melhor preservativo do suicídio (Jorge Hessen) de Codificador do Paracleto
5 horas atrás
Casa de Jaco - Lar do idoso curtiu o vídeo de os pae
5 horas atrás
Codificador do Paracleto compartilhou o post do blog de os pae em Facebook
10 horas atrás
Codificador do Paracleto curtiu a postagem no blog “Karma” , uma fábula pré-histórica mal contada (Jorge Hessen) de os pae
10 horas atrás
Posts no blog por Nilton Cardoso Moreira
12 horas atrás
Posts no blog por os pae
12 horas atrás
os pae curtiu a postagem no blog “Karma” , uma fábula pré-histórica mal contada (Jorge Hessen) de os pae
12 horas atrás
Josue Oliveira comentou o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
13 horas atrás
Conceição Valadares comentou o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
17 horas atrás
Conceição Valadares curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
17 horas atrás
Ori Pombal Franco curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
17 horas atrás
ARI DE SOUSA LIMA curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
19 horas atrás
Carlos Pretti - SCEE curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
23 horas atrás
ARI DE SOUSA LIMA curtiu o vídeo de os pae
ontem
Jaqueline Casado Carpigiani curtiu o vídeo de ROBERTO JOSÉ DAMASCENO
ontem
Jaqueline Casado Carpigiani curtiu o vídeo de ROBERTO JOSÉ DAMASCENO
ontem
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Carnaval. Bom, Bonito e Barato. Valores São Caros. de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
ontem
Posts no blog por ANA MARIA TEODORO MASSUCI
ontem
Posts no blog por PATRIZIA GARDONA
ontem

Regras de uso e de publicação

 

 

Badge

Carregando...

© 2019   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço