Chico Xavier – 17 anos após a partida

Antonio Cesar Perri de Carvalho (*)

Passados 17 anos após sua desencarnação, ocorrida no dia 30 de junho de 2002, tivemos várias oportunidades para refletir sobre a vida e a obra de Chico Xavier. Principalmente em momentos recentes quando estávamos elaborando um livro sobre o vulto ímpar de nosso país.(1)

Relembramos desde os momentos iniciais de nossos contatos com o Espiritismo, quando no início da adolescência já acompanhávamos o lançamento de seus livros e da expectativa com cada livro de Emmanuel e de André Luiz que chegava ao Grupo de Estudos João Luiz dos Santos, que apesar de nossa idade precoce, participávamos ativamente em Araçatuba (SP). O Anuário Espírita 1964 (Ed.IDE) nos marcou muito principalmente por conter mensagem sobre Benedita Fernandes, notável vulto de Araçatuba, psicografada por Chico Xavier e de autoria do espírito Hilário Silva.(1,2)

Mais à frente acompanhamos as históricas entrevistas na TV Tupi, em 1968 e a série dos “Pinga Fogo”. A leitura de suas obras mediúnicas, desde nossa adolescência e as releituras continuadas sempre ensejam momentos de novas descobertas ou compreensões aprofundadas.

Em seguida, foram marcantes as visitas continuadas a Uberaba, algumas vezes ao ano durante mais de duas décadas, juntamente com a esposa, familiares e amigos. Significativos exemplos que presenciamos e os diálogos com Chico, onde sentimos seus exemplos de dedicação, simplicidade, humildade e amor ao próximo.

Em nossas atuações na USE-SP, na FEB e no CEI procuramos estimular a difusão e o estudo das obras psicografadas por Chico Xavier, como apoio à compreensão das Obras Básicas de Allan Kardec.

Sempre repetimos que Chico Xavier é um “divisor de águas” no movimento espírita brasileiro.

Nos preparativos e na execução do Projeto Centenário de Chico Xavier, conhecemos pessoas e locais relacionadas com o médium, em Pedro Leopoldo, Uberaba, São Paulo e Rio de Janeiro. E desses contatos nasceu o livro Depoimentos sobre Chico Xavier.(3)

Entre muitos fatos e casos interessantes conhecemos sobrinhos de Chico Xavier em Sabará (MG). Ali tivemos conhecimento de documentos, fotos apresentados pelos irmãos Sidália Xavier Silva e Paulo Pedro Pena.

Esses fatos ligados à família Xavier vieram à tona neste ano com o livro Chico Xavier – do calvário à redenção, de Carlos Alberto Braga Costa. Com base em farto material da citada sobrinha de Chico Xavier, filha de Maria da Conceição Xavier e de Jacy Pena, tem como personagem central a sua genitora, justamente a irmã que foi protagonista de situações que levaram o então jovem Chico Xavier a conhecer a Doutrina Espírita nos idos de maio de 1927. Como anotou o autor sobre a sobrinha de Chico: “Ela soube como poucos trazer de volta uma história bela, forte, pródiga de ensinamentos, e abundante de revelações sobre a realidade do Espírito imortal.”(4)

Em nosso livro sobre Chico Xavier relatamos sobre eventos realizados no Brasil e em vários países relacionados com a valorização da vida e da obra Chico Xavier; porém, o nosso livro tem um fio condutor, pois entendemos que se faz necessário um forte chamamento que emana da análise da vida e da obra de Chico Xavier, a saber: a valorização do estudo dos livros de Allan Kardec e de Chico Xavier; a coerência entre tais obras; a humildade e dedicação de Chico; a simplicidade do cristianismo primitivo como foi descrito nos romances históricos de Emmanuel; subsídios para se repensar o formalismo e alguns focos em aparências, vigentes na atualidade. Enfatizamos que Chico sempre colocou em prática a orientação inicial de seu orientador Emmanuel, à beira do açude de Pedro Leopoldo, de ser fiel a Jesus e a Kardec! Fazemos o reconhecimento da história de vida de um homem voltado ao bem, do “homem amor”!

Concluímos com a transcrição de frase proferida por Chico nos idos de 1977 e que reflete muito bem seu perfil: “Sou sempre um Chico Xavier lutando para criar um Chico Xavier renovado em Jesus e, pelo que vejo, está muito longe de aparecer como espero e preciso…”(1)

Referências:

1) Carvalho, Antonio Cesar Perri. Chico Xavier – o homem, a obra e as repercussões. Capivari/São Paulo: EME/USE-SP. 2019.

2) Carvalho, Antonio Cesar Perri. Benedita Fernandes. A dama da caridade. Araçatuba: Cocriação e USE Regional de Araçatuba. 2017.

3) Carvalho, Antonio Cesar Perri; Melo, Oceano Vieira (Orgs). Depoimentos sobre Chico Xavier. Rio de Janeiro: FEB. 2010.

4) Costa, Carlos Alberto Braga. Chico Xavier – do calvário à redenção. 1.ed. Capivari: Ed. EME, 2019.

(*) – Foi presidente da USE-SP e da FEB, e, membro da Comissão Executiva do CEI.

DE:
http://grupochicoxavier.com.br/chico-xavier-17-anos-apos-a-partida/

Exibições: 216

Comentar

Você precisa ser um membro de RAE para adicionar comentários!

Entrar em RAE

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

ASSOCIE-SE E COLABORE

Artigos Espíritas

Ridículo silêncio

                                                             RIDÍCULO SILÊNCIO

Há muitas espécies de provação para a dignidade pessoal e numerosos gêneros de defesa.
Há feridas que atingem a honorabilidade de família, golpes que vibram sobre a realização individual, calúnias que envolvem o nome, acusações gratuitas, comentários desairosos à…

É sempre tempo de receber visitas (por Jane Maiolo)

É sempre tempo de receber visitas

Por Jane Maiolo

Pois, se nem ainda podeis as coisas mínimas, por que estais ansiosos pelas outras?” (1) Lucas 12:26

 …

Em geral o Espiritismo não trabalha com datas predefinidas para acontecimentos.

Em geral o Espiritismo não trabalha com datas predefinidas para acontecimentos.

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Desde que o mundo é mundo o homem busca, por meio das previsões, antecipar-se…

Reflexões sobre ações e críticas

            Você já se perguntou o que é a verdade? Jesus ao ser indagado por P Pilatos, na descrição do Evangelho segundo João, capítulo XVIII, respondeu com o maior silêncio que a humanidade já ouviu. Tenho me perguntado por que Ele adotou tal postura?   

            Neste…

Espiritualidade em comportamento de crise (por Jane Maiolo)

Espiritualidade em comportamento de crise

Por Jane Maiolo

 

Então disseram os fariseus entre si: vede que nada é proveitoso! Eis…

Últimas atividades

Rogério Barbosa agora é amigo de Mallu Consas e Decio Ney Rocha Naves
19 horas atrás
Feeak Minas adicionou uma discussão ao grupo Artigos Espíritas
Miniatura

Ridículo silêncio

                                                             RIDÍCULO SILÊNCIO Há muitas espécies de provação para a dignidade pessoal e numerosos gêneros de defesa. Há feridas que atingem a honorabilidade de família, golpes que vibram sobre a realização individual, calúnias que envolvem o nome, acusações gratuitas, comentários desairosos à reputação, análises mentirosas de situações respeitáveis e escândalos do ridículo.…Ver mais...
22 horas atrás
Ícone do perfilANGELAMARIA DE LOURDES FREIRE, Mauro Agenor Dal Belo, Darney Gonçalves Teixeira e mais 8 pessoas entraram em RAE
23 horas atrás
Sala de Estudos Chico Xavier compartilhou o vídeo deles em Facebook
ontem
Maria Fernanda Franco A.Pessanha curtiram a discussão Coleção Emmanuel - Livros para download de Amigo Espírita
ontem
Ori Pombal Franco curtiu a postagem no blog SUA FÉ SUPORTA AS TEMPESTADES DA VIDA ? de ANA MARIA TEODORO MASSUCI
quarta-feira
Diovani Souza curtiu a postagem no blog ACEITAÇÃO de ANA MARIA TEODORO MASSUCI
terça-feira
Diovani Souza curtiu a postagem no blog Esquecimento do passado e consciência de PATRIZIA GARDONA
terça-feira
Diovani Souza curtiu a postagem no blog SUA FÉ SUPORTA AS TEMPESTADES DA VIDA ? de ANA MARIA TEODORO MASSUCI
terça-feira
Diovani Souza curtiu a postagem no blog Como os Espíritos nos Influenciam? de PATRIZIA GARDONA
terça-feira
Posts no blog por ANA MARIA TEODORO MASSUCI

SUA FÉ SUPORTA AS TEMPESTADES DA VIDA ?

Então Jesus entrou na barca, e seus discípulos o acompanharam. E eis que houve grande agitação no mar, de modo que a barca estava sendo coberta pelas ondas. Jesus, porém, estava dormindo. Os discípulos se aproximaram e o acordaram, dizendo: - Senhor, salva-nos, porque estamos afundando!Jesus respondeu:- Por que vocês tem medo, homens de pouca fé?E, levantando-se, ordenou os ventos e o mar, e tudo ficou calmo. Os homens ficaram admirados e disseram:- Quem é esse que até os ventos e o mar lhe…Ver mais...
terça-feira
Ícone do perfilSusana Schulz e claudia martins entraram em RAE
terça-feira
Posts no blog por PATRIZIA GARDONA

Como os Espíritos nos Influenciam?

Primeiro, porque estão ao nosso lado e vêem tudo o que fazemos. Não existe um segredo que possamos esconder deles – mesmo aqueles que escondemos de nós mesmos.Além disso, existem os espíritos que conhecem também os atos que praticamos em outras vidas e dos quais, momentaneamente, não nos lembramos.É muito mais fácil esconder algo de pessoas vivas do que dos…Ver mais...
terça-feira
Joao Iudes Nodari curtiram a discussão RESILIÊNCIA – Espiritismo e Espírita de Feeak Minas
terça-feira
Joao Iudes Nodari curtiram a discussão RESILIÊNCIA – Espiritismo e Espírita de Feeak Minas
terça-feira
luis conforti junior respondeu à discussão "QUANDO NÃO APRENDE ATRAVÉS DO AMOR, APRENDE-SE ATRAVÉS DA DOR" de rosyres mendes
"Amigo Pimentel, peço ao amigo que me indique como abrir novo tópico, q não mais encontro as instruções para isso."
terça-feira
luis conforti junior respondeu à discussão "QUANDO NÃO APRENDE ATRAVÉS DO AMOR, APRENDE-SE ATRAVÉS DA DOR" de rosyres mendes
"Amigo Pimentel, já desisti de abrir tópicos, aqui, na RAE; dos tópicos q abri, contendo questões relevantes, poucos deles foram considerados pelos amigos; posso, inclusive, procurá-los e se conseguir…"
terça-feira
luis conforti junior respondeu à discussão É lícito pedir para não deixar-nos cair em tentação, mas livrar-nos do mal? de Marcelo Pimentel
"Se não há igualdade para todos, não há justiça!!! E porq diz o amigo que o Ser não é o espírito retiradas suas imperfeições; o q, para vc, é Ser?"
terça-feira
Marcelo Pimentel respondeu à discussão É lícito pedir para não deixar-nos cair em tentação, mas livrar-nos do mal? de Marcelo Pimentel
"1, 2, 3, 5 e 6 - aceito; 4 - removeria o trecho ", retiradas nossas imperfeições" 7 - Desculpe, mas não entendo Justiça como sendo igualdade absoluta para todos... Grande abraço!"
terça-feira
Marcelo Pimentel respondeu à discussão "QUANDO NÃO APRENDE ATRAVÉS DO AMOR, APRENDE-SE ATRAVÉS DA DOR" de rosyres mendes
"Meu caro Luis, O que suas colocações tem em comum com o tema?? Por que o Senhor não abre um tópico específico para focar a questão do livre-arbítrio? Seria mais elegante de sua parte, em vez de…"
terça-feira

Regras de uso e de publicação

 

 

Badge

Carregando...

© 2019   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço