Existe um provérbio popular, com a veracidade confirmada pela Doutrina Espírita que compara a morte do corpo físico à uma grande viagem, na qual o espírito apenas se desvincula da matéria densa permanecendo com a sua qualidade imortal para que mais tarde venha a se reencontrar na pátria espiritual com as almas afins.

 

Há quem brinque dizendo que por isso devemos estar com a nossa “mala pronta” porque não sabemos ao certo quando se dará a nossa grande viagem. Brincadeira à parte, estar com a mala pronta é vivermos de acordo com os valores do espírito, não nos apegando aos valores da matéria, assim como consta nas qualidades descritas no Evangelho Segundo o Espiritismo no Capítulo XVII SEDE PERFEITOS na mensagem O Homem de Bem.

 

É verdade que como espíritos encarnados necessitamos participar de aspectos inerentes à sociedade terrena para sobreviver, tais como nos posicionarmos no mercado de trabalho para assegurarmos a subsistência, cuidar da higiene pessoal e do local que habitamos e buscarmos nos aperfeiçoar intelectualmente se encontrarmos oportunidade, entretanto devemos buscar o equilíbrio, não nos apegando em demasia a nada a ponto de permitir que as vicissitudes cotidianas abalem nossa paz interior.

 

Os desencarnes súbitos são nada mais do que quando ficamos sabendo no breve instante que os antecedem que o nosso bilhete para a grande viagem está marcado para este dia e se porventura acontecer conosco ou com um ente querido devemos estar preparados para este momento.

 

Dia 15 de fevereiro de 2013 meu pai desencarnou subitamente, acometido por um infarto fulminante dentro de nossa casa em seu quarto. Espírita que era, assim como o restante da família, espero que ele já tenha conseguido despertar com equilíbrio na espiritualidade pelo fato da sua viagem ter sido inesperada. Aos que ficaram, passado o choque do momento inicial, nos coube orar para que os amigos espirituais possam auxiliá-lo na sua adaptação.

 

Dessa forma, estejamos sempre com as nossas malas prontas e aconselhemos nossos amigos a fazerem o mesmo vivenciando os valores do espírito pois sabemos que a qualquer momento poderemos ser chamados a tomar um assento no comboio que parte rumo à grande viagem da pátria espiritual, a nossa pátria verdadeira.

 

Isabel Neves

Exibições: 20136

Comentar

Você precisa ser um membro de RAE para adicionar comentários!

Entrar em RAE

Comentário de Fabiana em 19 novembro 2016 às 16:39

De mala  ou "mochila" pronta, sempre pretendemos estar, porém caminhando com fé para recebermos como presente no final da vida terrena a paz de espírito da vida futura!

Comentário de Rosangela Araujo Pereira em 13 novembro 2016 às 13:39

O medo do desconhecido. Ou o medo daquilo que não lembramos mais nos assusta. Minha irmã desencarnou há 2 meses e meio e sofri, muito mais, com ela em coma do que o dia de sua partida, pois seu corpo estava definhando . Como ela tinha reações involuntárias, segundo os médicos, sua língua estava toda cortada por mordidas. Seu corpo coberto por hematomas. as mãos inchadas dos medicamentos...Enfim, um sufoco vê-la daquele jeito. Meu irmão desencarnou dois meses depois do desencarne dela de morte súbita. Eu não sei qual foi a melhor morte. Isto é, não sei quem está melhor espiritualmente agora. Vai depender do desapego que cada um dos dois tiverem daqueles que ficaram por aqui ou, até mesmo, das coisas materiais que deixaram....Os dois fumavam muito. Deve ter algum fumódramo no alem rsrsrs

Comentário de Helen Pavaneli em 12 novembro 2016 às 18:47
Que estejamos em sintonia com nossos mentores e que possamos proceguir tanto para os que começaram a viagem qto para os que ainda caminham
Comentário de Fernando Gomes de Souza em 7 março 2013 às 6:22

Que os Espiritos Amigos tenham recebido o seu genitor com as bençãos de Jesus.

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

COLABORE COM A RAE

PRÓXIMOS EVENTOS AO VIVO

Artigos Espíritas

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ? - Nelson Xavier

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ?

“Quanto mais eu escrevo, mais as palavras aparecem. Quanto mais eu vivo, mais a vida me esquece.

Quanto mais eu choro, mais as lágrimas descem. Quanto mais eu amo,…

Reflexões sobre as Leis Naturais.

Reflexões sobre as Leis Naturais.

 

Quando se inicia o estudo da Lei Divina ou Natural, que consta em O Livro dos Espíritos, percebe-se que Kardec, na elaboração das perguntas aos Espíritos, objetiva eliminar as contradições…

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro... (Artigo de Jane Maiolo)

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro...

 por Jane Maiolo

Por que estamos nós…

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Você já esteve em ambientes em que se sentiu mal, constrangido, pouco à…

Por que estudar O livro dos médiuns? por Simoni Privato Goidanich

Por que estudar O livro dos médiuns?

Simoni Privato Goidanich

Artigo publicado na Revista A senda (nov-dez 2019), da Federação Espírita do Estado do…

Últimas atividades

Ana Rogéria Feitosa de Morais curtiram a discussão Coleção Emmanuel - Livros para download de Amigo Espírita
22 horas atrás
ORSON PETER CARRARA agora é amigo de Walter Luiz Figuerêdo Carvalho, julio cezar murari, Celso Marcos Gomes e 12
ontem
Joao Iudes Nodari curtiram a discussão O MAIOR DESAFIO de Egdemberguer Magalhaes
ontem
Goliveira Goncalves curtiram o perfil de Monica lucio
sábado
Goliveira Goncalves e Monica lucio agora são amigos
sexta-feira
maria de fatima cerqueira cerque curtiu a postagem no blog Epítome descritivo sobre o cenário e a vida além da sepultura (Jorge Hessen) de os pae
sexta-feira
Elizete Lima Morgado entrou no grupo de Amigo Espírita
Miniatura

Joanna de Ângelis e Divaldo Franco

Grandes Ensinamentos que iluminam e esclarecem.Grupo destinado aos ensinamentos do médium Divaldo Franco e da Benfeitora Joanna de Angelis. Ver mais...
quinta-feira
ANTONIO CARLOS DA CUNHA curtiram a discussão HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ? - Nelson Xavier de Amigo Espírita
quinta-feira
Thaynah Paloma e Suzana Paula Andrade agora são amigos
quinta-feira
Rosana Andrade curtiram a discussão HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ? - Nelson Xavier de Amigo Espírita
quinta-feira
Rosana Andrade curtiram a discussão HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ? - Nelson Xavier de Amigo Espírita
quinta-feira
Amigo Espírita adicionou uma discussão ao grupo Artigos Espíritas
Miniatura

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ? - Nelson Xavier

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ?“Quanto mais eu escrevo, mais as palavras aparecem. Quanto mais eu vivo, mais a vida me…Ver mais...
quinta-feira

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2020   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço