Finanças e aflições – os boletos vencem… – Orson Peter Carrara

O site Clube dos Poupadores publicou interessante matéria sobre a dúvida de um leitor desesperado (não por doença, morte ou desemprego), que indagava – pois não conseguia encontrar uma resposta – se deveria viajar para a praia ou juntar dinheiro. A matéria tem o sugestivo título: “Viajar ou juntar dinheiro? E o desespero de uma escolha”.

O texto é muito valioso e sugiro ao leitor ler na íntegra. Não será difícil encontrá-lo com as facilidades atuais da internet, utilizando-se daquele título na pesquisa ou mesmo procurando no site indicado. Afinal os boletos vencem…

Na resposta, sem identificação da pessoa perguntou e com texto parcial da dúvida apresentada, representa bem a realidade do país e mesmo das circunstâncias individuais ou familiares diante da velha questão das finanças, os compromissos e os anseios e desejos.

Como traduz o texto, a pessoa que pergunta “(…) sofre um clássico conflito entre o QUERER, PODER e DEVER. (…)” a resposta sugere “(…) um teste sempre que estivermos diante de uma decisão, especialmente uma decisão envolvendo dinheiro e tempo. Esse teste consiste em fazer a seguinte pergunta diante da dúvida: Será que eu realmente quero? Será que eu realmente posso? Será que eu realmente devo? Será que precisa ser agora? (…)”. E na sequencia traz a íntegra do e-mail enviado ao site, seguido da resposta para o teste: “(…) Você quer ir para a praia? Claro que sim, quem não quer? Você pode ir para a praia? Sim, você tem dinheiro na sua reserva de emergência. Você deve ir para a praia? Não, sua reserva não serve para isso, mas no futuro é ela que vai garantir muitas viagens para a praia. Será que você precisa ir para a praia agora? Claro que não, tudo tem seu tempo e o tempo agora é de plantar e construir as bases…. (…)”.

A conclusão deve estar em nossas cogitações, pela realidade e utilidade que apresenta para pessoas e famílias: “(…) Estamos próximos dos meses de férias, festas de final de ano, black friday e outras motivações para gastar dinheiro. É ótimo ter dinheiro para gastar nesses eventos, mas primeiro você deve fazer o seu dever de casa. Precisamos nos habituar com a ideia de que compras e viagens devem ser eventos planejados, para que você não dependa do uso das suas reservas de emergência ou mesmo dos seus investimentos para o futuro como fonte de recursos. Lembre-se que nem tudo que eu quero eu posso… (…)”.

A expressão e consciência de eventos planejados é perfeita. Somente com planejamento podemos concretizar desejos com tranquilidade.

Afinal, as aflições são de duas origens: causas atuais (provenientes de causas variadas, entre as quais, do caráter, da conduta, da negligência, da indiferença ou acomodação, despreparo, ausência de planejamento, interesses calculados, imprevidência, orgulho, ambição, vaidade, excessos, vícios, entre tantas outras que podemos relacionar) e causas anteriores (que são aquelas que nos escapam ao entendimento da origem e ocorrência geradora nas experiências anteriores à atual que vivenciamos, sempre apresentadas com consequências de desvios morais ou descuidos da negligência, em desatenção à Lei de Amor que rege a vida).

Então, também as finanças podem se tornar motivo de aflição se não nos organizarmos. Um planejamento cuidadoso evita dissabores, nos faz enxergar com critério aquilo que queremos, podemos ou devemos… Isso porque a resignação, a paciência e o confiar no tempo – com trabalho nos objetivos que se deseja alcançar – são requisitos valiosos para encontrarmos serenidade. E claro, também, a felicidade!

Uma consulta ao capítulo V de O Evangelho Segundo o Espiritismo ampliará a visão sobre a questão. Lá estão os belos subtítulos Bem e Mal Sofrer, Tormentos Voluntários e O Mal e o Remédio, entre outros, inclusive o precioso A infelicidade real.

Exibições: 88

Comentar

Você precisa ser um membro de RAE para adicionar comentários!

Entrar em RAE

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

ASSOCIE-SE E COLABORE

Artigos Espíritas

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Você já esteve em ambientes em que se sentiu mal, constrangido, pouco à…

Por que estudar O livro dos médiuns? por Simoni Privato Goidanich

Por que estudar O livro dos médiuns?

Simoni Privato Goidanich

Artigo publicado na Revista A senda (nov-dez 2019), da Federação Espírita do Estado do…

Kardec sofre...

Kardec sofre...

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Não tenho dúvidas que Allan Kardec sofre ao verificar como as coisas andam no seio do movimento espírita atual com brigas, discussões…

Aprendemos com o Espiritismo a ter relações mais leves.

Aprendemos com o Espiritismo a ter relações mais leves.

 

Marcelo Henrique – Florianópolis SC

Wellington Balbo – Salvador BA

 

O Espiritismo nos fornece uma visão bem legal da…

Ao orar por alguém eu atraio seus obsessores?

Ao orar por alguém eu atraio seus obsessores?

 

Há, para uma boa parcela de gente, até para aqueles que conhecem um pouco mais os Espíritos e a sua natureza, uma espécie de medo do que eles – os Espíritos – podem fazer…

Últimas atividades

Ícone do perfilJosé Leonil Marques da Silva, André Goes e Alexandre Guilherme Martins Soar entraram no grupo de Amigo Espírita
Miniatura

Artigos Espíritas

Grupo destinado a divulgação de ARTIGOS da DOUTRINA ESPÍRITA através dos nossos articulistas. Não são aceitas postagens de trechos de livros e outros textos.."Material postado nessa pagina tem autorização de seus autores para publicação na REDE AMIGO ESPÍRITA, a reprodução total ou parcial dos dados aqui publicados em outros veículos de mídia podem ser interpretados como violação de direitos autorais, e seus autores agirem conforme informa a lei"Ver mais...
10 horas atrás
José Leonil Marques da Silva respondeu à discussão Por que estudar O livro dos médiuns? por Simoni Privato Goidanich de Amigo Espírita no grupo Artigos Espíritas
"Excelente o artigo da culta Simoni Privato Goidanich. Porém, peço licença para acrescentar que, posteriormente, AK reconheceu ser médium intuitivo em nota ao artigo "Caracteres da Revelação…"
10 horas atrás
José Leonil Marques da Silva curtiram a discussão Por que estudar O livro dos médiuns? por Simoni Privato Goidanich de Amigo Espírita
11 horas atrás
Elciene Maria Tigre Galindo curtiram a discussão Por que nos sentimos mal em determinados ambientes? de Wellington Balbo
13 horas atrás
Maria Isabel Januário curtiram o evento Músicas de Paz de EvandroOlivah
14 horas atrás
Ori Pombal Franco curtiram a discussão Por que nos sentimos mal em determinados ambientes? de Wellington Balbo
15 horas atrás
Ícone do perfilCassia Garcia, Décio Luiz Rosa Eugênio, Wendell Fridman de Vasconcelos e mais 13 pessoas entraram em RAE
16 horas atrás
Valéria curtiram o perfil de Valéria
18 horas atrás
Valéria curtiram o perfil de Maristela Santos
18 horas atrás
Valéria curtiram o perfil de Maristela Santos
18 horas atrás
Rafaela Bernardelli Penna curtiram a discussão Por que nos sentimos mal em determinados ambientes? de Wellington Balbo
18 horas atrás
Rafaela Bernardelli Penna curtiram a discussão Por que nos sentimos mal em determinados ambientes? de Wellington Balbo
18 horas atrás
José Leonil Marques da Silva curtiu a postagem no blog AURA E CLARIVIDÊNCIA de Suely dos Anjos
20 horas atrás
Sylia Rehder curtiram a discussão Por que nos sentimos mal em determinados ambientes? de Wellington Balbo
20 horas atrás
Rosangela Silva curtiram a discussão Por que nos sentimos mal em determinados ambientes? de Wellington Balbo
20 horas atrás
André Goes respondeu à discussão Kardec sofre... de Wellington Balbo no grupo Artigos Espíritas
"Faço das palavras de Allan Kardec as minhas palavras. Se temos o mesmo mestre e as mesmas diretrizes, por qual ou quais razões não nos entendemos? R= Porque continuam fazendo tudo diferente do que jesus fez. O primeiro erro foi…"
22 horas atrás
André Goes respondeu à discussão Por que nos sentimos mal em determinados ambientes? de Wellington Balbo no grupo Artigos Espíritas
"Há muitas variáveis que estão fora deste contexto. Nem tudo é questão espiritual, mas sim da própria natureza. Você já esteve em ambientes em que se sentiu mal, constrangido, pouco à…"
22 horas atrás
José Leonil Marques da Silva curtiram a discussão Chico Xavier - O servidor de Feeak Minas
22 horas atrás
Josué Mattos curtiram a discussão Por que nos sentimos mal em determinados ambientes? de Wellington Balbo
23 horas atrás
FLAVIO LUIZ FONSECA curtiram a discussão Por que nos sentimos mal em determinados ambientes? de Wellington Balbo
23 horas atrás

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2019   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço