Um comercial recente de um banco traz uma música muito bonita de Eric Clapton, na voz marcante da paulista BluBell. O refrão desta música diz: “Baby if I could change the world.” (Querida, se eu pudesse mudar o mundo).

Quantas vezes eu sonhei em mudar o mundo, em implantar a minha justiça, as minhas convicções, as minhas verdades. Desejei ter superpoderes (Lanterna Verde ou Thor) para implantar na marra a igualdade e combater a injustiça. Vislumbrei um mundo de Regeneração, na marra, de forma revolucionária como a Revolução Francesa, por exemplo.

Esquecia, é certo, de que para mudar o mundo ao meu redor, preciso modificar meu universo primeiro. Hoje eu consigo entender e dizer, inspirado pela canção: Querida eu posso mudar o mundo e de muitas formas. Porém silenciosamente, sem alarde; aparecer no Jornal Nacional nem pensar. Uma das formas que descobri poder modificar para melhor o mundo é através da Prece. Não a prece comum de agradecimento ao fim do dia, mas o que Bezerra de Menezes chamou de Serviço da Oração.

Mas algo tão simples como a prece pode mudar o mundo?  Se pode, por que não mudou ainda?  Eu respondo está mudando, são inúmeros exemplos, mas aqueles que mais me tocam o coração e inspiram-me no Serviço da Oração são:

01)   A oração do Instrutor Gúbio no capítulo 12 do Livro Libertação.

02)   No capítulo 17 de Obreiras da Vida Eterna a rogativa do pequeno João que adiou o desencarne de Albina.

03)   A oração de Evelina no livro Entre a Terra e o Céu, que movimentou toda uma equipe.

04)   As rogativas de duas mães, direcionadas a Bezerra de Menezes e o desenrolar do atendimento dessas orações são o enredo dos Livros nas Fronteiras da Loucura e Loucura e Obsessão (Manoel P. Miranda, psicografia Divaldo Franco)

05)   E de grande excelência a Oração do querido de Assis, um hino de Serviço, Amor e de compreensão de que estamos na Terra acima de tudo para mudar o mundo.

Muita paz para você.

A prece é uma invocação, mediante a qual o homem entra, pelo pensamento, em comunicação com o ser a quem se dirige. Pode ter por objeto um pedido, um agradecimento, ou uma glorificação. Podemos orar por nós mesmos ou por outrem, pelos vivos ou pelos mortos. As preces feitas a Deus escutam-nas os Espíritos incumbidos da execução de suas vontades; as que se dirigem aos bons Espíritos são reportadas a Deus. Quando alguém ora a outros seres que não a Deus, fá-lo recorrendo a intermediários, a intercessores, porquanto nada sucede sem a vontade de Deus.

O Evangelho Segundo o Espiritismo, Cap. XXVII, item 9

Exibições: 346

Comentar

Você precisa ser um membro de RAE para adicionar comentários!

Entrar em RAE

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

COLABORE COM A RAE

PRÓXIMOS EVENTOS AO VIVO

Artigos Espíritas

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ? - Nelson Xavier

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ?

“Quanto mais eu escrevo, mais as palavras aparecem. Quanto mais eu vivo, mais a vida me esquece.

Quanto mais eu choro, mais as lágrimas descem. Quanto mais eu amo,…

Reflexões sobre as Leis Naturais.

Reflexões sobre as Leis Naturais.

 

Quando se inicia o estudo da Lei Divina ou Natural, que consta em O Livro dos Espíritos, percebe-se que Kardec, na elaboração das perguntas aos Espíritos, objetiva eliminar as contradições…

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro... (Artigo de Jane Maiolo)

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro...

 por Jane Maiolo

Por que estamos nós…

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Você já esteve em ambientes em que se sentiu mal, constrangido, pouco à…

Por que estudar O livro dos médiuns? por Simoni Privato Goidanich

Por que estudar O livro dos médiuns?

Simoni Privato Goidanich

Artigo publicado na Revista A senda (nov-dez 2019), da Federação Espírita do Estado do…

Últimas atividades

LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Os “bons” são tímidos (LE q. 932) até na Universidade de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"DEPOIS DA MORTE Em 1965, Yvonne Pereira diz que “o Evangelho é imortal, uma vez que sempre existirão cérebros e corações necessitados de renovação." Ela fala também sobre “uma…"
ontem
Mauro Araújo Matoso de Lima curtiu a postagem no blog Angústias De Um Dirigente Espírita de PATRIZIA GARDONA
segunda-feira
Mauro Araújo Matoso de Lima curtiu a postagem no blog Angústias De Um Dirigente Espírita de PATRIZIA GARDONA
segunda-feira
Helena Padilha de Meneses curtiram o perfil de Helena Padilha de Meneses
segunda-feira
Ícone do perfilNilton Cardoso deu um presente para José Ricardo Fernandes
domingo
Nilton Cardoso e José Ricardo Fernandes agora são amigos
domingo
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Hanseníase. Você o conhece? de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"  N.F.P, 23, noiva, não consegue sentir mais os pés, (...) e sua sensibilidade totalmente debilitada. Ela tem hanseníase, doença mais conhecida como lepra. Sua primeira atitude foi querer se suicidar, mas agora,…"
sábado
José Ricardo Fernandes curtiu a postagem no blog Amor antigo - Alma afim. de Nilton Cardoso
3 Jul
José Ricardo Fernandes curtiram o perfil de Nilton Cardoso
3 Jul
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog TEORIA E PRÁTICA. O QUE É BOM FAZER de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
2 Jul
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog "Especial de Natal" é Repudiado. de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
" A atriz Paris Jackson deve interpretar Jesus como uma mulher lésbica no próximo filme. https://observatoriodemusica.uol.com.br/noticia/filha-de-michael-jackson-vai-interpretar-jesus-em-filme-com-artista-que-fez-porno No Brasil…"
1 Jul
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Empoderamento da Mulher. O Exemplo de Norberta de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"NASA renomeia sua sede em homenagem à engenheira Mary W. Jackson A primeira engenheira negra da agência espacial norte-americana trabalhou na construção do túnel de pressão supersônico, que…"
1 Jul

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2020   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço