Editorial

 

 

Há traços característicos de Allan Kardec que deveriam ser frequentemente lembrados. Referimo-nos ao ecumenismo e ao apelo que faz à vivência da fraternidade nas casas espíritas.

Vinculado ao profundo respeito que tinha por todas religiões, o Codificador enfatizava a necessidade de reforma, como prova

da excelência da religião professada. Ao chamar a atenção

para essa necessidade, deixou claro que a que a religião deveria ser vivida no dia-a-dia; por isso, aconselhava que os templos não fossem muito grandes, a fim de que todos os membros pudessem viver o verdadeiro clima de fraternidade,

aquele mesmo que deveria reinar no ambiente familiar.

 

Esta também é a lembrança do instrutor Alexandre, em Missionários da Luz (cap. 8), conforme conta André Luiz.

O notavél benfeitor também lembra que grandes ensinamentos do próprio Mestre foram ministrados no seio da fámilia

enfatizando que a primeira instituição visível do Cristianismo foi o lar pobre de Simão Pedro, em Carfanaum. Ressalta

também que no futuro os templos materias do Cristianismo estarão transformados em igrejas-escolas, igrejas-orfanatos,grejas-hospítais, onde somente o sarcedote da fé veicule a palavra de interpretação, mais onde a criança encontre arrimo e esclarecimento, o doente o remédio salutar, o ignorante a luz, o velho, o amparo e a esperança .

 

Os ensinamentos de Alexandre também confere uma enorme carga de responsabilidade às casas espíritas afirma

ele: O espíritismo evangélico é também o grande restaurador das igrejas apostólicas,, amorosas e trabalhadoras.

Seus intérpretes fiéis serão auxiliares preciosos na transformaçõe dos parlamentos teológicos em academias de espíritualidade, das catedrais de pedra em lares acolhedores de Jesus.

 

Diante de tamanha responsábilidade, é justo nos perguntemos: será que as Casas Espíritas estão  em condições    de desempenhar tão alta missão? Cremos que esta pergunta é dirigida a todos nós que de alguma forma, pertencemos ao Movimento. Temos procurado manter manter, nos templos Espíritas, o verdadeiro espírito de

fraternidade? Qual tem sido o nosso empenho em banir o melindre, o preconceito, a maledicência do nosso

meio? Temos exercitado verdadeiramente a fraternidade, de modo a que haja compreensão e tolerância,

mesmo nos momentos mais tensos?

 

Os ensinamentos de Kardec e Alexandre lembra-nos os dizeres inesquecíveis de Jesus; Meus ´discípulos serão conhecidos por muito se amarem.

 

É chegado o momento em que os frequentadores dos templos estão sendo chamados a transforma-los

verdadeiramente em socorro, amparo,escola,hospital, mas, sobretudo em lares onde reine a genuina frarternidade.

Exibições: 276

Comentar

Você precisa ser um membro de RAE para adicionar comentários!

Entrar em RAE

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

COLABORE COM A RAE

PRÓXIMOS EVENTOS AO VIVO

Artigos Espíritas

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ? - Nelson Xavier

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ?

“Quanto mais eu escrevo, mais as palavras aparecem. Quanto mais eu vivo, mais a vida me esquece.

Quanto mais eu choro, mais as lágrimas descem. Quanto mais eu amo,…

Reflexões sobre as Leis Naturais.

Reflexões sobre as Leis Naturais.

 

Quando se inicia o estudo da Lei Divina ou Natural, que consta em O Livro dos Espíritos, percebe-se que Kardec, na elaboração das perguntas aos Espíritos, objetiva eliminar as contradições…

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro... (Artigo de Jane Maiolo)

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro...

 por Jane Maiolo

Por que estamos nós…

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Você já esteve em ambientes em que se sentiu mal, constrangido, pouco à…

Por que estudar O livro dos médiuns? por Simoni Privato Goidanich

Por que estudar O livro dos médiuns?

Simoni Privato Goidanich

Artigo publicado na Revista A senda (nov-dez 2019), da Federação Espírita do Estado do…

Últimas atividades

Mauro Araújo Matoso de Lima curtiu a postagem no blog Angústias De Um Dirigente Espírita de PATRIZIA GARDONA
13 horas atrás
Mauro Araújo Matoso de Lima curtiu a postagem no blog Angústias De Um Dirigente Espírita de PATRIZIA GARDONA
13 horas atrás
Helena Padilha de Meneses curtiram o perfil de Helena Padilha de Meneses
ontem
Ícone do perfilNilton Cardoso deu um presente para José Ricardo Fernandes
domingo
Nilton Cardoso e José Ricardo Fernandes agora são amigos
domingo
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Hanseníase. Você o conhece? de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"  N.F.P, 23, noiva, não consegue sentir mais os pés, (...) e sua sensibilidade totalmente debilitada. Ela tem hanseníase, doença mais conhecida como lepra. Sua primeira atitude foi querer se suicidar, mas agora,…"
sábado
José Ricardo Fernandes curtiu a postagem no blog Amor antigo - Alma afim. de Nilton Cardoso
sexta-feira
José Ricardo Fernandes curtiram o perfil de Nilton Cardoso
sexta-feira
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog TEORIA E PRÁTICA. O QUE É BOM FAZER de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
quinta-feira
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog "Especial de Natal" é Repudiado. de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
" A atriz Paris Jackson deve interpretar Jesus como uma mulher lésbica no próximo filme. https://observatoriodemusica.uol.com.br/noticia/filha-de-michael-jackson-vai-interpretar-jesus-em-filme-com-artista-que-fez-porno No Brasil…"
quarta-feira
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Empoderamento da Mulher. O Exemplo de Norberta de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"NASA renomeia sua sede em homenagem à engenheira Mary W. Jackson A primeira engenheira negra da agência espacial norte-americana trabalhou na construção do túnel de pressão supersônico, que…"
quarta-feira
Mauro jesus Nascimento curtiu a postagem no blog Fenômenos Mediúnicos, Metapsíquicos e Parapsicológicos de PATRIZIA GARDONA
29 Jun

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2020   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço