Nos Bastidores da Morte


por Sidney Fernandes

O talentoso pianista Don Shirley percebeu as dificuldades de seu motorista italiano para escrever cartas à sua esposa. Bondosamente, ofereceu-se para ajudá-lo, ditando os mais belos textos, que encantaram a destinatária das missivas.

A cena que tentei descrever faz parte do excelente filme “Green Book – O Guia”, dirigido por Peter Farrelly, e chamou-me a atenção por fazer lembrar outra cena, narrada no livro Missionários da Luz.

A edificante narrativa de André Luiz fala da desconsolada viúva Ester, que pediu ao mentor Alexandre para desvendar o mistério da morte de seu marido, Raul, supostamente assassinado.

Com breve tempo investigativo, a elevada entidade constatou que, na verdade, o procurado havia sido vítima de si mesmo: suicidara-se. Desarvorado, o suicida fora facilmente enlaçado por seres da sombra e se encontrava completamente inconsciente. Graças ao vigoroso influxo magnético de Alexandre, o suicida foi resgatado e encaminhado para casa espiritual de socorro urgente.

Precisava ser despertado, mas com os devidos cuidados e acompanhamento especializado, pois, nesses casos, o infeliz não despertaria apenas para a consciência própria, senão também para a dor, a imensa dor, que o faria rugir como se atingido por um projétil, ao constatar a sobrevivência dolorosa, após o suicídio.

Depois de setenta horas de tratamento intensivo, Alexandre retornou para uma conversação esclarecedora. Além da ferida aberta, do coração descontrolado, das dores agudas e do grande abatimento, o suicida sentia-se um desgraçado e gritava pelo nome da esposa e dos filhos.

Tentando trazer alguma tranquilidade a Raul, Alexandre começou os preparativos para que a viúva Ester fizesse uma visita espiritual ao marido desencarnado. Mandou tapar a chaga aberta e sanguinolenta, muito visível na região dilacerada do organismo perispiritual do suicida, para que a esposa não percebesse qualquer impressão de sofrimento.

No momento autorizado, Ester adentrou o recinto e viu o marido estendido no alvo leito espiritual.

— Raul, Raul — clamou ela, ajoelhando-se.

Ao doente não acorriam as palavras adequadas, para dialogar adequadamente com a esposa.

Nesse momento, fios muito tênues de luz partiram de Alexandre e se ligaram à fronte de Raul. Sob o vigoroso influxo magnético do mentor, finalmente o pobre dementado conseguiu falar, como se fosse uma criança, acompanhando cada palavra, cada gesto, do generoso orientador.

— Não chores mais, Ester. Vela por nossos filhinhos e ajuda-me com a tua fé. A morte não existe. Aceita a vontade do Pai, como estou procurando aceitar — falou Raul, repetindo as frases mentalmente articuladas por Alexandre, que o amparava fraternalmente.

***

Assim como o pianista ditou as cartas para seu desmemoriado motorista, dirigidas à sua esposa, Alexandre, generosamente, imprimiu nas palavras do sofredor delicadeza e finura psicológica, para confortar sua amada Ester.

Ao término do consolador encontro, Alexandre conduziu a lacrimosa esposa de volta ao seu corpo físico. De olhos límpidos e brilhantes, Ester narrou, emocionada, aos seus filhos, no dia seguinte, o sublime sonho da noite.

***

Fiquemos com as sábias palavras de André Luiz, para nossa reflexão:

Quando os companheiros terrestres se fazem merecedores, podemos colaborar em benefício deles, com todos os recursos ao nosso alcance, desde que a nossa cooperação não lhes tolha a liberdade de consciência.

Exibições: 257

Comentar

Você precisa ser um membro de RAE para adicionar comentários!

Entrar em RAE

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

ASSOCIE-SE E COLABORE

Artigos Espíritas

Chico Xavier - O servidor

Compartilhamos com os amigos da RAE este belo artigo.

Sds



Atribuem a Mark Twain a citação da seguinte frase: “Não gosto de elogios.
Nunca acho que falaram o…

O custo do abandono emocional (Jane Maiolo)

O custo do abandono emocional 

 

  

 

“Por isso não desfalecemos; mas, ainda que o nosso homem exterior se corrompa, o interior, contudo, se renova de dia em dia”.…

Hipocrisia gourmet: os riscos de uma seita chamada Espiritismo.

Hipocrisia gourmet: os riscos de uma seita chamada Espiritismo.

 

 

E ele, respondendo, disse-lhes: Bem profetizou Isaías acerca de vós, hipócritas, como está escrito:Este povo honra-me com os lábios,Mas o seu coração está longe de mim;…

Pedagogia do silêncio ou talking cure?

Pedagogia do silêncio ou talking cure? 

 

 

 

E ele lhes disse: Que palavras são essas que, caminhando, trocais entre…

Vaidade ou inveja? (Por Vladimir Alexei)

Vaidade ou inveja?

Vladimir Alexei

Belo Horizonte das Minas Gerais,

15 de fevereiro de…

Últimas atividades

Ícone do perfilMarileide da Paixão Moraes Santo, Andréia Cugnasca Albertin, Raimunda Silva Soares e mais 3 pessoas entraram em RAE
16 horas atrás
Posts no blog por ANA MARIA TEODORO MASSUCI
16 horas atrás
Celso Leonardo curtiram a discussão O que aconteceu com a diversidade das mediunidades nas reuniões mediúnicas espíritas? de Amigo Espírita
23 horas atrás
Celso Leonardo curtiram a discussão Hipocrisia gourmet: os riscos de uma seita chamada Espiritismo. de Amigo Espírita
23 horas atrás
Marco Túlio Ferreira Silva respondeu à discussão Cientistas comprovam reencarnação (?) de carlos alberto freire de souza
"Porque a salvação não depende das obras e sim da vontade de Deus que, através da evolução, nos conduz à salvação."
ontem
Marco Túlio Ferreira Silva respondeu à discussão DEVE-SE PUBLICAR TUDO? E DIVULGAR TUDO QUE SE PUBLICA? de Amigo Espírita
"No ego."
ontem
Silvia Helena Visnadi Pessenda curtiu o vídeo de Amigo Espírita
ontem
Ori Pombal Franco curtiram o evento “Afetividade na Família”, Aloisio Silva de Carlos Pretti - SCEE
ontem
Amauri A. L. Silva curtiu a postagem no blog O PERISPÍRITO, SUBSISTE ALÉM DO TÚMULO ( Emmanuel ) de Jocélia Quintiliano Maurício
ontem
Amauri A. L. Silva curtiu a postagem no blog Nossas Obras Ficam Conosco – por Sidney Fernandes de PATRIZIA GARDONA
ontem
ARI DE SOUSA LIMA curtiu a postagem no blog Podemos contribuir para o progresso destruindo o materialismo    (Jorge Hessen) de os pae
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o evento “Afetividade na Família”, Aloisio Silva de Carlos Pretti - SCEE
ontem
O evento de Carlos Pretti - SCEE foi destacado
Miniatura

“Afetividade na Família”, Aloisio Silva em Sociedade Colatinense de Estudos Espíritas

26 maio 2019 de 9 a 10:15
“Afetividade na Família”, este será o tema da palestra do psicoterapeuta, escritor e orador Aloisio Carlos da Silva de Guarapari-ES, no próximo domingo 26 de maio de 2019, de 09 as 10h. da manhã, na Sociedade Colatinense de Estudos Espíritas. Aloisio Silva é autor de diversos livros entre eles destacamos: “Terapêutica do Perdão”, “Por Entre as Dores”, “Inquietações…Ver mais...
ontem
Carlos Pretti - SCEE postou um evento
Miniatura

“Afetividade na Família”, Aloisio Silva em Sociedade Colatinense de Estudos Espíritas

26 maio 2019 de 9 a 10:15
“Afetividade na Família”, este será o tema da palestra do psicoterapeuta, escritor e orador Aloisio Carlos da Silva de Guarapari-ES, no próximo domingo 26 de maio de 2019, de 09 as 10h. da manhã, na Sociedade Colatinense de Estudos Espíritas. Aloisio Silva é autor de diversos livros entre eles destacamos: “Terapêutica do Perdão”, “Por Entre as Dores”, “Inquietações…Ver mais...
ontem
Posts no blog por PATRIZIA GARDONA

Nossas Obras Ficam Conosco – por Sidney Fernandes

Quando se fala em holocausto, logo nos lembramos dos seis milhões de judeus que pereceram na segunda guerra mundial. Poucos, no entanto, conhecem o genocídio ocorrido na África, no início do século XX, quando duas tribos, a dos namaquas e a dos hererós, foram quase dizimadas.Na chamada Partilha da África, ocorrida no final do século XIX, nações…Ver mais...
ontem
luis conforti junior respondeu à discussão DEVE-SE PUBLICAR TUDO? E DIVULGAR TUDO QUE SE PUBLICA? de Amigo Espírita
"Mas, se absolutamente todos são criados perfeitamente iguais, como explicar q as identidades ajam desigualmente? Onde aí está a igualdade?"
ontem
luis conforti junior respondeu à discussão Cientistas comprovam reencarnação (?) de carlos alberto freire de souza
"Como compreender isso: Jesus, segundo vc lembrou, diz q "a cada um é dado segundo suas obras" e, por outro lado e ao contrario do que disse Jesus, Paulo afirma "não sois salvos por vossas obras"?!!!"
ontem
Jussara G. Estevam curtiu a postagem no blog O PERISPÍRITO, SUBSISTE ALÉM DO TÚMULO ( Emmanuel ) de Jocélia Quintiliano Maurício
ontem
Jussara G. Estevam curtiu a postagem no blog O PERISPÍRITO, SUBSISTE ALÉM DO TÚMULO ( Emmanuel ) de Jocélia Quintiliano Maurício
ontem
Marco Túlio Ferreira Silva respondeu à discussão Cientistas comprovam reencarnação (?) de carlos alberto freire de souza
"Porque é a Lei que opera em nós e por nós até que adquirindo consciência suficiente possamos tomar decisões por conta própria. Mas a salvação não vem das obras e sim de Deus que as…"
quarta-feira

Regras de uso e de publicação

 

 

Badge

Carregando...

© 2019   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço