Pena de Morte para os Criminosos

Entre os que advogam o estabelecimento da pena de morte em nosso país, há os que relacionam objetivos precisos para sua tese.
Entre eles, o que surge em primeiro plano é o de higienizar a sociedade.
Afirmam que a sociedade pode ser comparada a um organismo enfermo.
A fim de preservar a vida do corpo, opta-se pela amputação do membro doentio, evitando-se que a problemática se espalhe, semeando doença irreversível.
Sem nos esquecermos que, no organismo, determinados órgãos como coração e cérebro, por exemplo, não podem ser simplesmente descartados, pois lhe são indispensáveis, tratemos da questão saneamento da comunidade.
Basta que alonguemos o olhar para a rua e defrontaremos de imediato um vasto panorama a ser higienizado.
Falamos dos bolsões de miséria que desfilam pelas ruas. São crianças sujas acompanhando mães maltratadas, empurrando a vida de esquina a esquina, frequentemente revolvendo lixo à cata de algo aproveitável para saciar a fome.
Velhos maltrapilhos movendo-se com lentidão e dificuldade entre a multidão apressada, estendendo a mão à caridade pública.
Deficientes de variadas condições, rastejando pelas calçadas, esfolando mãos e joelhos, rogando esmolas.
Ao longo das rodovias, barracos infectos cobertos precariamente com plásticos e latas. Visão que enfeia a paisagem de qualquer cidade.
Pode-se iniciar portanto higienizando as ruas, as calçadas, as rodovias, propiciando amparo à mãe sozinha, emprego que lhe garanta o mínimo de sustento aos filhos.
Podemos organizar um mutirão de corações devotados e modificar a paisagem, com pregos, madeiras, tijolos e disponibilizar condições mais humanas de habitação aos que padecem entre paredes quase a cair.
Podemos providenciar asilo e amparo ao idoso enfermo, ao deficiente carente.
E que dizer da paisagem tristonha dos que desconhecem as letras do alfabeto?
Basta olhar ao redor para descobrir o bando de almas infantis que deveriam estar frequentando os bancos escolares e se encontram pelas ruas, a mendigar, a recolher papéis, a vender bugigangas somente para conseguir uns trocados.
Pobre infância, fanada em pleno desabrochar.
Iletrados crescerão e na escola das ruas aprenderão as lições duras da lei do mais forte, do mais esperto.
Urge higienizemos o panorama, propiciando a escola com alimentação adequada, encaminhamento e incentivo a pais e filhos para a frequência.
Mostrar-lhes o valor da escola, a riqueza do saber.
Há, sim, muito ainda a higienizar.
Higienizar as comunidades carentes das tantas enfermidades que as dizimam, sem acesso ao medicamento, ao médico, aos exames clínicos e laboratoriais.
Se nosso intuito for melhorar a sociedade, desvencilhando-nos do que a torna agressiva, incômoda, há um largo programa de trabalho a desenvolver.
Não há necessidade de matar o semelhante, mesmo porque, investindo-se na educação, na alimentação, na ocupação útil, na saúde, diminuirá potencialmente o número daqueles que caminham a passos largos rumo à criminalidade.
É importante deter-lhes o passo antes que se precipitem nas vielas escuras do erro e das paixões grotescas.
Se acendermos a lâmpada do alfabeto na mente de um pequenino, ele poderá descobrir as riquezas do Universo e todas as coisas que nele existem.
Isto se chama caridade.

Redação do Momento Espírita, com base no verbete Alfabeto, do livro
Repositório de sabedoria, v.1, pelo Espírito Joanna de Ângelis, psicografia de Divaldo Pereira Franco

Exibições: 86

Comentar

Você precisa ser um membro de RAE para adicionar comentários!

Entrar em RAE

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

ASSOCIE-SE E COLABORE

Artigos Espíritas

Chico Xavier - O servidor

Compartilhamos com os amigos da RAE este belo artigo.

Sds



Atribuem a Mark Twain a citação da seguinte frase: “Não gosto de elogios.
Nunca acho que falaram o…

O custo do abandono emocional (Jane Maiolo)

O custo do abandono emocional 

 

  

 

“Por isso não desfalecemos; mas, ainda que o nosso homem exterior se corrompa, o interior, contudo, se renova de dia em dia”.…

Hipocrisia gourmet: os riscos de uma seita chamada Espiritismo.

Hipocrisia gourmet: os riscos de uma seita chamada Espiritismo.

 

 

E ele, respondendo, disse-lhes: Bem profetizou Isaías acerca de vós, hipócritas, como está escrito:Este povo honra-me com os lábios,Mas o seu coração está longe de mim;…

Pedagogia do silêncio ou talking cure?

Pedagogia do silêncio ou talking cure? 

 

 

 

E ele lhes disse: Que palavras são essas que, caminhando, trocais entre…

Vaidade ou inveja? (Por Vladimir Alexei)

Vaidade ou inveja?

Vladimir Alexei

Belo Horizonte das Minas Gerais,

15 de fevereiro de…

Últimas atividades

Ícone do perfil via Twitter
"Evitando um mal espírito - Receita do Chico": https://t.co/NkG3c4mjJp
Twitter2 horas atrás · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
Estranha Moral - Yasmin Madeira - Vivências com Jesus assista pelo youtube https://t.co/2KkKxuJKmN https://t.co/kEaJgbQtrQ
Twitter2 horas atrás · Responder · Retweet
Posts no blog por ANA MARIA TEODORO MASSUCI
2 horas atrás
Ícone do perfil via Twitter
"DISSERTAÇÕES DE ALÉM-TÚMULO.": https://t.co/BDgMV6JKnB
Twitter3 horas atrás · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
"A família humana" : https://t.co/8MZ0Dj8jsD
Twitter6 horas atrás · Responder · Retweet
claudina charaba marqui curtiram o perfil de EDEVANIR ANTONIO PREVIDELLI
6 horas atrás
Ícone do perfil via Twitter
"Sobre a Liberdade e a Obsessão": https://t.co/ogNlPMv4ya
Twitter7 horas atrás · Responder · Retweet
Posts no blog por PATRIZIA GARDONA

Sobre a Liberdade e a Obsessão

Em se tratando de obsessão e liberdade sempre haverá o que reavaliar.O livro Roteiro, ditado por Emmanuel ao grande médium Francisco Cândido Xavier, traz lições altamente esclarecedoras a respeito do intercâmbio mental entre as criaturas humanas, estejam elas encarnadas ou desencarnadas.No capítulo vinte e cinco da referida obra,…Ver mais...
7 horas atrás
Gilberto Gonzaga Pereira curtiu o vídeo de Amigo Espírita
8 horas atrás
Ícone do perfil via Twitter
De portas abertas - Leidson Adelino assista no youtube https://t.co/4YvaWL9PZI https://t.co/kZmDnVihXO
Twitter18 horas atrás · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
Parábola dos trabalhadores da Vinha - Rafael Papa assista no youtube https://t.co/uHqrcWAYTy https://t.co/8EjEYG5HA9
Twitter18 horas atrás · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
Deixa a sua capa - Roracy Correa assista pelo youtube https://t.co/rc0TbIg3RM https://t.co/v4VI9Vzp01
Twitter18 horas atrás · Responder · Retweet
Ícone do perfil via Twitter
Saudações e conselhos - (119) Cartas de Paulo - Carlos Alberto Braga assista pelo youtube https://t.co/XfPpA1WmzT https://t.co/RaONVK4A0U
Twitter20 horas atrás · Responder · Retweet
Virgilio Augusto Esteves curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
20 horas atrás
Virgilio Augusto Esteves curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
20 horas atrás
Virgilio Augusto Esteves curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
20 horas atrás
Virgilio Augusto Esteves curtiu o vídeo de Carlos Pretti - SCEE
20 horas atrás
Nadia Rosangela e Gilvan Gomes da Silva agora são amigos
22 horas atrás
Ícone do perfil via Twitter
"A fraternidade no diálogo espiritual" : https://t.co/ucep36wIoG
Twitter22 horas atrás · Responder · Retweet
Posts no blog por Antonio Cesar Perri de Carvalho

A fraternidade no diálogo espiritual

A fraternidade no diálogo espiritual Antonio Cesar Perri de CarvalhoO Grupo Espírita Casa do Caminho, de São Paulo, tem promovido estudos continuados em que o seminário “papel dos esclarecedores nos grupos mediúnicos” tem sido repetido e aprofundado. Trata-se de tema que deve merecer muita atenção nesses grupos dos centros espíritas.O tema nos remete, de início, a Chico…Ver mais...
22 horas atrás

Regras de uso e de publicação

 

 

Badge

Carregando...

© 2019   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço