Casas espíritas são construídas e mantidas por pessoas e para pessoas, sendo fundamentalmente embasadas no Espiritismo, doutrina que deve ser para todos os espíritas a filosofia que alicerça a conduta de suas vidas.

Espiritismo difere muito do movimento espírita, pois enquanto o primeiro é o ensinamento superior codificado por Allan Kardec a partir do método CUEE – Controle Universal dos Ensinos dos Espíritos, o segundo resulta da interpretação, compreensão e intenção daqueles que, de algum modo, lideram os estudos e divulgações espíritas.

Lembremos o que disse Kardec em Obras Póstumas :

“Um dos primeiros resultados que colhi das minhas observações foi que os Espíritos, nada mais sendo do que as almas dos homens, não possuíam nem a plena sabedoria, nem a ciência integral; que o conhecimento de que dispunham se limitava ao grau de adiantamento que eles haviam alcançado, e que a opinião deles só tinha o valor de uma opinião pessoal. Reconhecida desde o princípio, esta verdade me preservou do grave risco de crer na infalibilidade dos Espíritos e me impediu de formular teorias prematuras, tendo por base o que fora dito por um ou alguns deles.” (grifo nosso)

O método CUEE trouxe segurança à obra espírita, pois Kardec implantou esse rigoroso processo seletivo das informações que lhe chegavam possibilitando perceber se as mensagens eram fatos e leis espirituais ou apenas opiniões dos espíritos.

Pois bem. Essa necessidade de refletir, comparar, buscar outras fontes de informação que corroborem ou desconstruam os conceitos recebidos é útil para avaliar tudo o que provém dos espíritos, assim como dos homens, ou seja, originadas nos desencarnados e nos encarnados. Nada, absolutamente nenhuma “verdade” deve ser aceita como tal apenas porque alguém disse que assim o é, tudo pode ser questionado!

As comunicações dos espíritos devem ser avaliadas muito além do nome que dizem ter ou o papel que presumimos possuírem em nossas vidas, tais como mentores pessoais ou de grupos de estudos. É o conteúdo, a lógica, o que é subjetivamente aconselhado, ensinado, que deve ser considerado. Quantas frases e textos contendo a palavra “amor” falam apenas de ciúme, orgulho e posse, por exemplo?

Da parte dos encarnados não é diferente. Mesmo a pessoa melhor intencionada pode não perceber que interpreta de forma errada um conceito, um ideal, agindo contra aquilo que pensa defender. Imagine-se, então, o que pode ocorrer se houver má fé envolvida!

Talvez alguns pensem “como confiar?”. Eis a pergunta que não deve calar jamais! Somos residentes no planeta Terra que ainda é prisão para os criminosos, hospital para os doentes, escola para os ignorantes. Nossa defesa passa sempre pelas palavras do Cristo, “vigiai e orai”, mas também pela afirmação doutrinária do Codificador, que diz:

“A fé raciocinada, por se apoiar nos fatos e na lógica, nenhuma obscuridade deixa. A criatura então crê, porque tem certeza, e ninguém tem certeza senão porque compreendeu. Eis por que não se dobra.” (grifo nosso)

Portanto, amigos, não temam recusar uma verdade, temam aceitar mentiras e enganos, conforme o conselho do Espirito Erasto, em O Livro dos Médiuns :

“Na dúvida, abstém-te, diz um dos vossos velhos provérbios. Não admitais, portanto, senão o que seja, aos vossos olhos, de manifesta evidência. Desde que uma opinião nova venha a ser expendida, por pouco que vos pareça duvidosa, fazei-a passar pelo crisol da razão e da lógica e rejeitai desassombradamente o que a razão e o bom senso reprovarem. Melhor é repelir dez verdades do que admitir uma única falsidade, uma só teoria errônea. (grifos nossos)

De melindres e sensibilidades exageradas o mundo está cheio e muitos não saberão lidar com posturas e pensamentos diversos dos seus, não sendo raro que alguém entenda que suas ideias são mais lúcidas, claras e ideais do que as alheias, isso quando não as quiserem impor apenas para angariar objetivos de fundo exclusivamente egoístico.

Todavia, ainda que correndo o risco de sermos incompreendidos, sigamos o caminho que a doutrina ensina: pensar antes de acreditar! Estudar, questionar, refletir, debater construtivamente! Que não sejamos parte daqueles que inadvertidamente buscam transformar o Espiritismo e o movimento espírita em fértil campo de “fakes news” (notícias falsas).

Devemos ter responsabilidade, ser espíritas sim, dentro das casas espíritas, mas também fora delas, no mundo. Nosso planeta está repleto de “joio” e de “trigo” que apenas quando frutificarem serão separados para que não se coloque a perder bons grãos de homens e almas.

Vania Mugnato de Vasconcelos

Referências Bibliográficas:
(1) KARDEC, Allan. Obras Póstumas. 2016. ed. Paris: Portal Luz Espírita, 2016. 217 p.;
(2) KARDEC, Allan. O Evangelho Segundo o Espiritismo. Rio de Janeiro: Celd, 2010. 472 p.;
(3) KARDEC, Allan. O Livro dos Médiuns. 62. ed. Brasília: Feb, 1996. 486 p.

Fonte: Agenda Espírita Brasil

Exibições: 70

Comentar

Você precisa ser um membro de RAE para adicionar comentários!

Entrar em RAE

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

ASSOCIE-SE E COLABORE

Artigos Espíritas

Por que apenas em setembro?

Por que apenas em setembro? 

 

O tema suicídio sempre me chamou atenção, tanto que, no ano de 2011, junto com dois amigos…

Espíritos de pessoas vivas: uma história de reconciliação.

Espíritos de pessoas vivas: uma história de reconciliação.

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Um tempo atrás, quando saía do centro espírita, um senhor me abordou para narrar curioso fato.

Aspas pra…

Por que ideias não espíritas são ensinadas nos centros espíritas?

Pode ser que ao ler o título deste texto você imagine que se trata de uma espécie de censura ou proibição a alguma ideia veiculada no centro espírita. Por isso, faço o convite para que prossiga na leitura, pois, adianto, não se trata de censura ou proibição de qualquer…

Ridículo silêncio

                                                             RIDÍCULO SILÊNCIO

Há muitas espécies de provação para a dignidade pessoal e numerosos gêneros de defesa.
Há feridas que atingem a honorabilidade de família, golpes que vibram sobre a realização individual, calúnias que envolvem o nome, acusações gratuitas, comentários desairosos à…

É sempre tempo de receber visitas (por Jane Maiolo)

É sempre tempo de receber visitas

Por Jane Maiolo

Pois, se nem ainda podeis as coisas mínimas, por que estais ansiosos pelas outras?” (1) Lucas 12:26

 …

Últimas atividades

Raimundo Nonato Soares comentou a página Rádio Amigo Espírita 1 - Música Instrumental e Estudos ao vivo de Amigo Espírita
"Bom dia Caros irmãos! Músicas maravilhosas."
7 horas atrás
Graciano Santos Araujo e Carlos Pretti - SCEE agora são amigos
18 horas atrás
Ícone do perfilAndré Carlos Silva Pimentel e Flavia Holanda Batista entraram em RAE
21 horas atrás
Erika Silvira postou um evento

Workshop Propósito de Vida- Descubra a si mesmo em Local: Hotel Braston

23 novembro 2019 de 9 a 16:30
Workshop Propósito de Vida- Descubra a Si mesmoVocê já parou para pensar qual é o seu propósito de vida? Onde quer chegar? Que caminho seguir? Se você deseja refletir com mais profundidade sobre o seu propósito de vida e despertar essa conexão interior capaz de trazer novos rumos a sua existência, participe do Workshop Propósito de Vida – Descubra a Si Mesmo, que será realizado pela Fundação Espírita André Luiz. 23 de Novembro das 09:00 às 16:30 Hotel Braston - São Paulo Rua Martins Fontes,…Ver mais...
21 horas atrás
Amauri A. L. Silva curtiu a postagem no blog A Dor é Inevitável, o Sofrimento é Opcional de PATRIZIA GARDONA
ontem
Posts no blog por PATRIZIA GARDONA
ontem
Amauri A. L. Silva curtiu a postagem no blog A IMPOSIÇÃO DAS MÃOS PRATICADA POR JESUS de ANA MARIA TEODORO MASSUCI
domingo
Sandra Helena Perticarrari e Mauro jesus Nascimento agora são amigos
domingo
Posts no blog por ANA MARIA TEODORO MASSUCI

A IMPOSIÇÃO DAS MÃOS PRATICADA POR JESUS

"Publicado em Magnetismo, Passe e EspiritismoBack to Magnetismo, Passe e Espiritismo Discussions"O evangelho contém passagens muito interessantes, que mostram, claramente, como Jesus usava a imposição das mãos para realizar curas ou para abençoar as pessoas.VEJAMOS ALGUNS EXEMPLOS:“Foram apresentados a Jesus vários meninos, para ele lhes impor as mãos e orar por eles.” “Depois de lhes impor a mãos, Jesus partiu dali” (Mateus XIX, 13 a 15).“Os meninos que foram apresentados a Jesus foram…Ver mais...
domingo
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de ELIAS VICENTE MACHADO DE SOUZA
domingo
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Fernando Melo
domingo
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Marco Antonio Hrastel Carnaz
domingo
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de DIEGO NUNES
domingo
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Sergio Rubinato Filho
domingo
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Priscila Dornelas da Costa
domingo
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de isildinha a. greggio colli
domingo
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Adriana Medeiros Alves Mattei
domingo
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de JOÃO LUIZ GARRUCINO
domingo
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de artur dias cardoso
domingo
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Inês Meneguelli Acosta
domingo

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2019   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço