A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas em pé, céu, nuvem, atividades ao ar livre e natureza

Os Espíritos têm afirmado a todo instante que a maior dificuldade encontrada pelo espírito desencarnado no outro plano da vida, e a maior dificuldade encontrada pelos guias encarregados de auxilia-lo neste processo, é a falta de preparo do recém-liberto. 

E é fácil de entender qual é a razão. Imagine se qualquer um de nós fôssemos travar conversação com um elemento que desconhecesse o nosso idioma, e nós desconhecêssemos o dele. Já pensaram que dificuldade? E olha que, quanto ao desencarne, a situação é bem mais complexa. 
Voltando às comparações, notamos que é comum a qualquer um de nós, quando da realização de uma viagem a um país estranho, realizarmos determinada programação. Que língua é falada neste país? Como vou fazer para me comunicar com seus habitantes? Qual a temperatura que está por lá? Será que a minha vestimenta está adequada? Qual a moeda que tem valor nesta região? Como realizar o câmbio? 
Estas e outras questões são levantadas por nós, antes de empreendermos viagem. 
E quanto ao desencarne, viagem que todos nós sabemos que mais cedo ou mais tarde vamos realizar, temos nos preparado adequadamente? Como fazer? 
O Espírito Irmão X, no livro “Cartas e Crônicas”, traz valiosas anotações a respeito deste tema. Por isto, achamos melhor transcrever sua narrativa. 
Segundo ele, devemos modificar em primeiro lugar, nossos antigos maus hábitos. 
Comece a renovação de seus costumes pelo prato de cada dia. Diminua gradativamente a volúpia de comer a carne dos animais. O cemitério na barriga é um tormento, depois da grande transição. O lombo de porco ou bife de vitela, temperados com sal e pimenta, não nos situam muito longe dos nossos antepassados, os tamoios e os caiapós, que se devoravam uns aos outros. 

Os excitantes largamente ingeridos constituem outra perigosa obsessão. Tenho visto muitas almas de origem aparentemente primorosa, dispostas a trocar o próprio Céu pelo uísque aristocrático ou pela nossa cachaça brasileira. 
Tanto quanto lhe seja possível, evite os abusos do fumo. Infunde pena a angústia dos desencarnados amantes da nicotina. 
Não se renda à tentação dos narcóticos. Por mais aflitivas lhe pareçam as crises do estágio no corpo, agüente firme os golpes da luta. As vítimas da cocaína, da morfina e dos barbitúricos demoram-se largo tempo na cela escura da sede e da inércia. 
E o sexo? Guarde muito cuidado na preservação do seu equilíbrio emotivo. Temos aqui muita gente boa carregando consigo inferno rotulado de “amor”. 
Se você possui algum dinheiro ou detém alguma posse terrestre, não adie doações, caso esteja realmente inclinado a fazê-las. Grandes homens, que admirávamos no mundo pela habilidade e poder com que concretizavam importantes negócios, aparecem, junto de nós, em muitas ocasiões, à maneira de crianças desesperadas por não mais conseguirem manobrar os talões de cheque.
Em família, observe cautela com os testamentos. As doenças fulminatórias chegam de assalto, e, se a sua papelada não estiver em ordem, você padecerá muitas humilhações, através de tribunais e cartórios.
Sobretudo, não se apegue demasiado aos laços consanguíneos. Ame a sua esposa, seus filhos e seus parentes com moderação, na certeza de que, um dia, você estará ausente deles e de que, por isso mesmo, agirão quase sempre em desacordo com a sua vontade, embora lhe respeitem a memória. Não se esqueça de que, no estado presente da educação terrestre, se alguns afeiçoados lhe registrarem a presença extraterrena, depois dos funerais, na certa intimá-lo-ão a descer aos infernos, receando-lhe a volta inoportuna. 
Se você já possui o tesouro de uma fé religiosa, viva de acordo com os preceitos que abraça. É horrível a responsabilidade moral de quem já conhece o caminho, sem equilibrar-se dentro dele. 
Faça o bem que puder, sem a preocupação de satisfazer a todos. Convença-se de que se você não experimenta simpatia por determinadas criaturas, há muita gente que suporta você com muito esforço. 
Por essa razão, em qualquer circunstância, conserve o seu nobre sorriso. 

Trabalhe sempre, trabalhe sem cessar. 

O serviço é o melhor dissolvente de nossas mágoas. 

Ajude-se através do leal cumprimento de seus deveres. 

Quanto ao mais, não se canse nem indague em excesso, porque, com mais tempo ou menos tempo, a morte lhe oferecerá o seu cartão de visita, impondo-lhe ao conhecimento tudo aquilo que, por agora, não lhe posso dizer.

Livro: Apostila do Curso de Espiritismo e Evangelho
Centro Espírita Amor e Caridade - Goiânia – GO
Livro Pesquisado:
“Cartas e Crônicas”, cap. 4.

Exibições: 595

Comentar

Você precisa ser um membro de RAE para adicionar comentários!

Entrar em RAE

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

ASSOCIE-SE E COLABORE

Artigos Espíritas

Chico Xavier - O servidor

Compartilhamos com os amigos da RAE este belo artigo.

Sds



Atribuem a Mark Twain a citação da seguinte frase: “Não gosto de elogios.
Nunca acho que falaram o…

O custo do abandono emocional (Jane Maiolo)

O custo do abandono emocional 

 

  

 

“Por isso não desfalecemos; mas, ainda que o nosso homem exterior se corrompa, o interior, contudo, se renova de dia em dia”.…

Hipocrisia gourmet: os riscos de uma seita chamada Espiritismo.

Hipocrisia gourmet: os riscos de uma seita chamada Espiritismo.

 

 

E ele, respondendo, disse-lhes: Bem profetizou Isaías acerca de vós, hipócritas, como está escrito:Este povo honra-me com os lábios,Mas o seu coração está longe de mim;…

Pedagogia do silêncio ou talking cure?

Pedagogia do silêncio ou talking cure? 

 

 

 

E ele lhes disse: Que palavras são essas que, caminhando, trocais entre…

Vaidade ou inveja? (Por Vladimir Alexei)

Vaidade ou inveja?

Vladimir Alexei

Belo Horizonte das Minas Gerais,

15 de fevereiro de…

Últimas atividades

Ícone do perfilMarileide da Paixão Moraes Santo, Andréia Cugnasca Albertin, Raimunda Silva Soares e mais 3 pessoas entraram em RAE
16 horas atrás
Posts no blog por ANA MARIA TEODORO MASSUCI
16 horas atrás
Celso Leonardo curtiram a discussão O que aconteceu com a diversidade das mediunidades nas reuniões mediúnicas espíritas? de Amigo Espírita
23 horas atrás
Celso Leonardo curtiram a discussão Hipocrisia gourmet: os riscos de uma seita chamada Espiritismo. de Amigo Espírita
23 horas atrás
Marco Túlio Ferreira Silva respondeu à discussão Cientistas comprovam reencarnação (?) de carlos alberto freire de souza
"Porque a salvação não depende das obras e sim da vontade de Deus que, através da evolução, nos conduz à salvação."
ontem
Marco Túlio Ferreira Silva respondeu à discussão DEVE-SE PUBLICAR TUDO? E DIVULGAR TUDO QUE SE PUBLICA? de Amigo Espírita
"No ego."
ontem
Silvia Helena Visnadi Pessenda curtiu o vídeo de Amigo Espírita
ontem
Ori Pombal Franco curtiram o evento “Afetividade na Família”, Aloisio Silva de Carlos Pretti - SCEE
ontem
Amauri A. L. Silva curtiu a postagem no blog O PERISPÍRITO, SUBSISTE ALÉM DO TÚMULO ( Emmanuel ) de Jocélia Quintiliano Maurício
ontem
Amauri A. L. Silva curtiu a postagem no blog Nossas Obras Ficam Conosco – por Sidney Fernandes de PATRIZIA GARDONA
ontem
ARI DE SOUSA LIMA curtiu a postagem no blog Podemos contribuir para o progresso destruindo o materialismo    (Jorge Hessen) de os pae
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o evento “Afetividade na Família”, Aloisio Silva de Carlos Pretti - SCEE
ontem
O evento de Carlos Pretti - SCEE foi destacado
Miniatura

“Afetividade na Família”, Aloisio Silva em Sociedade Colatinense de Estudos Espíritas

26 maio 2019 de 9 a 10:15
“Afetividade na Família”, este será o tema da palestra do psicoterapeuta, escritor e orador Aloisio Carlos da Silva de Guarapari-ES, no próximo domingo 26 de maio de 2019, de 09 as 10h. da manhã, na Sociedade Colatinense de Estudos Espíritas. Aloisio Silva é autor de diversos livros entre eles destacamos: “Terapêutica do Perdão”, “Por Entre as Dores”, “Inquietações…Ver mais...
ontem
Carlos Pretti - SCEE postou um evento
Miniatura

“Afetividade na Família”, Aloisio Silva em Sociedade Colatinense de Estudos Espíritas

26 maio 2019 de 9 a 10:15
“Afetividade na Família”, este será o tema da palestra do psicoterapeuta, escritor e orador Aloisio Carlos da Silva de Guarapari-ES, no próximo domingo 26 de maio de 2019, de 09 as 10h. da manhã, na Sociedade Colatinense de Estudos Espíritas. Aloisio Silva é autor de diversos livros entre eles destacamos: “Terapêutica do Perdão”, “Por Entre as Dores”, “Inquietações…Ver mais...
ontem
Posts no blog por PATRIZIA GARDONA

Nossas Obras Ficam Conosco – por Sidney Fernandes

Quando se fala em holocausto, logo nos lembramos dos seis milhões de judeus que pereceram na segunda guerra mundial. Poucos, no entanto, conhecem o genocídio ocorrido na África, no início do século XX, quando duas tribos, a dos namaquas e a dos hererós, foram quase dizimadas.Na chamada Partilha da África, ocorrida no final do século XIX, nações…Ver mais...
ontem
luis conforti junior respondeu à discussão DEVE-SE PUBLICAR TUDO? E DIVULGAR TUDO QUE SE PUBLICA? de Amigo Espírita
"Mas, se absolutamente todos são criados perfeitamente iguais, como explicar q as identidades ajam desigualmente? Onde aí está a igualdade?"
ontem
luis conforti junior respondeu à discussão Cientistas comprovam reencarnação (?) de carlos alberto freire de souza
"Como compreender isso: Jesus, segundo vc lembrou, diz q "a cada um é dado segundo suas obras" e, por outro lado e ao contrario do que disse Jesus, Paulo afirma "não sois salvos por vossas obras"?!!!"
ontem
Jussara G. Estevam curtiu a postagem no blog O PERISPÍRITO, SUBSISTE ALÉM DO TÚMULO ( Emmanuel ) de Jocélia Quintiliano Maurício
ontem
Jussara G. Estevam curtiu a postagem no blog O PERISPÍRITO, SUBSISTE ALÉM DO TÚMULO ( Emmanuel ) de Jocélia Quintiliano Maurício
ontem
Marco Túlio Ferreira Silva respondeu à discussão Cientistas comprovam reencarnação (?) de carlos alberto freire de souza
"Porque é a Lei que opera em nós e por nós até que adquirindo consciência suficiente possamos tomar decisões por conta própria. Mas a salvação não vem das obras e sim de Deus que as…"
quarta-feira

Regras de uso e de publicação

 

 

Badge

Carregando...

© 2019   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço