SAÚDE INTEGRAL

“A sofisticação tecnológica da Medicina atual ainda permanece na insustentável tese de que o homem é as células que lhe constituem a organização somática. Negando, por sistema, a realidade do ser integral, – espírito, perispírito e matéria – detém-se na conceituação ultrapassada, na qual o cérebro gera o pensamento, e a Vida cessa quando se dá o fenômeno da anóxia, alguns minutos depois da parada cardíaca. Desde Hipócrates, passando por Aécio e Galeno, a visão dualista somente vem encontrando confirmação e respeito, não se podendo mais negar a interação espírito-matéria, mente-corpo, como termos da equação existencial. 

Considerado o ser humano um conjunto de elementos que se aglutinam para tornar-se uma realidade no campo da forma. O perispírito que o reveste é o órgão no qual se insculpem as realizações que lhe procedem da essência, encarregando-se de modelar as futuras formas orgânicas e emocionais de acordo com os atos praticados no transcurso das existências. Dessa maneira, os distúrbios de toda procedência – sejam orgânicos, emocionais, mentais, resultam das próprias realizações do ser eterno que se é, não havendo lugar  para as fugas espetaculares que se pretendam, escapando-se aos resultados das opções anteriores.

A saúde, portanto, integral, somente será possível, quando o Espírito desvestir-se da inferioridade que ainda o retém nas torpes paixões e nos interesses meramente materiais, sutilizando as suas aspirações e trabalhando os metais preciosos dos sentimentos para permanecer em harmonia com as vibrações cósmicas que a tudo envolvem numa Sinfonia de excelsa beleza.”2

Interação Mente-Corpo e Forças Mentais

Sobre este tema a ciência demonstra alguns valiosos avanços, como os comentários da biopsicóloga Susan Andrews e do doutor Bruce H. Lipton autor do livro “A Biologia da Crença”, sobre a interação mente-corpo: 

 “[...] inextricável relacionamento entre psicologia e biologia, que é chamado de medicina corpo-mente, ou psiconeuroimunologia. É a confirmação do que diz a neurologista Candace Pert: cada mudança de humor é acompanhada por uma cachoeira de ‘moléculas de emoção’ - hormônios e neurotransmissores - que flui através do corpo, afetando todas as células. Cada célula humana contém cerca de 1 milhão de receptores para receber essas substâncias bioquímicas.

Assim, quando estamos tristes, nosso fígado está triste, nossa pele está triste.3 Em seu livro Molecules of emotlon [Moléculas de emoção], Pert revela como seus estudos sobre os receptores-processadores de informações da membrana das células nervosas a levaram a descobrir que os mesmos receptores ‘neurais’ estavam presentes na maioria (se não em todas) as células do corpo. Suas experiências a levaram à conclusão de que a mente não se concentra apenas na cabeça, mas sim que está distribuída em moléculas sinalizadoras presentes no corpo todo 

Outra descoberta importante foi que as emoções não se originam apenas de respostas do corpo ao ambiente. Por meio da autoconsciência, a mente pode usar o cérebro para gerar ‘moléculas de emoção’ e agir sobre todo o sistema. Enquanto o uso apropriado da consciência pode tornar um corpo doente mais saudável, o controle inconsciente inapropriado das emoções podem causar muitas doenças” 4

Espiritismo, fonte inesgotável, esclarece: “O ser humano é todo um universo miniaturizado, cujos elementos que o constituem são de igual importância para a harmonia do conjunto. Por isso mesmo, não é possível dissociar-se a mente do corpo e vice-versa, o que equivale dizer, o Espírito da Matéria. A interferência do psiquismo no mundo orgânico é preponderante para que se possa viver em equilíbrio.5 Habitualmente convidamos a atenção para os veículos de nossas manifestações, mostrando-lhes, quanto possível, a correspondência entre nossos estados espirituais e as formas de que nos servimos. É indispensável compreendamos que todo mal por nós praticado conscientemente expressa, de algum modo, lesão em nossa consciência e toda lesão dessa espécie determina distúrbio ou mutilações no organismo que nos exterioriza o modo de ser.

Em todos os planos do Universo, somos espírito e manifestação, pensamento e forma. Eis o motivo por que, no mundo, a medicina há de considerar o doente como um todo psicossomático se quiser realmente investir-se da arte de curar.”6

Espírito

“Pode-se dizer que os Espíritos são os seres inteligentes da Criação. Povoam o Universo fora do mundo material.”13

“ Espírito é energia pensante, princípio inteligente do Universo, assimila as vibrações mais sutis e exterioriza-as mediante ondas mentais que se corporificam, tornando-se parte integrante do conjunto em que a vida física se expressa.”5

Corpo Espiritual preexistente (Perispírito) 

perispírito, formado por substâncias químicas que transcendem a série estequiogenética conhecida até agora pela ciência terrena, é aparelhagem   rarefeita,  alterando-se, de acordo com o padrão vibratório do campo interno. Organismo delicado, com extremo poder plástico, modifica-se sob o comando do pensamento. É necessário, porém, acentuar que o poder apenas existe onde prevaleçam a agilidade e a habilitação que só a experiência consegue conferir.

O progresso mental é o grande doador de renovação ao equipamento do espírito em qualquer plano de evolução.7 

Corpo ( o santuário sublime)

“Corpo humano, realização paciente da Sabedoria Divina, nos milênios, templo da alma, em temporário aprendizado na Terra. Por mais se nos agigante a inteligência, até agora não conseguimos explicar, em toda a sua harmoniosa complexidade:

- o milagre do cérebro, com o coeficiente de bilhões de células;

-o aparelho elétrico do sistema nervoso, com os gânglios à maneira de interruptores e células sensíveis por receptores em circuito especializado, com os neurônios sensitivos, motores e intermediários, que ajudam a graduar as impressões necessárias ao progresso da mente encarnada, dando passagem à corrente nervosa, com a velocidade aproximada de setenta metros por segundo

-a câmara ocular, onde as imagens viajam, da retina para os recônditos do cérebro, em cuja intimidade se incorporam às telas da memória, como patrimônio inalienável do espírito; 

-o parque da audição, com os seus complicados recursos para o registro dos sons e para a fixação deles nos recessos da alma; 

-o centro da fala; 

-a sede miraculosa do gosto, nas papilas da língua, com um potencial de corpúsculos gustativos que ultrapassa o número de 2.000; 

-as admiráveis revelações do esqueleto ósseo; 

-as fibras musculares; 

-o aparelho digestivo; 

-o tubo intestinal; 

-o motor do coração; 

-a fábrica de sucos do fígado; 

-o vaso de fermentos do pâncreas; 

-o caprichoso sistema sanguíneo,  com os seus milhões de vidas microscópicas e com as suas artérias vigorosas, que suportam a pressão de várias atmosferas; 

-o avançado laboratório dos pulmões; 

-o precioso serviço de seleção dos rins; 

-a epiderme com os seus segredos dificilmente abordáveis; 

-os órgãos veneráveis da atividade genésica 

-e os fulcros elétricos e magnéticos das glândulas no sistema endocrínico.

            No corpo humano, temos na Terra o mais sublime dos santuários e uma das supermaravilhas da Obra Divina7Cada órgão é um departamento autônomo na esfera celular, subordinado ao pensamento do homem.  Cada glândula é um centro de serviços ativos. É na mente que temos o governo dessa usina maravilhosa, no cérebro temos todos os registros de distribuição dos princípios vitais aos núcleos celulares, inclusive a água e o açúcar. Os centros metabólicos são grandes oficinas de trabalho incessante.  Cada órgão, cada glândula, meu amigo, integra o quadro de serviço da máquina sublime, construída no molde sutil do corpo espiritual preexistente. A usina humana é repositório de forças elétricas de alto teor construtivo ou destrutivo. Cada célula é minúsculo motor, trabalhando ao impulso mental8

Mente

“A mente é dínamo gerador de energia de difícil catalogação, que se expressa automaticamente, conforme o conteúdo emocional de que se reveste. Exteriorização do Espírito, é interpretada pelo cérebro que a transforma em ideia, tornando-a veículo de comunicação e de expressão variada. Força irradiante, o seu teor vibratório resulta dos sentimentos daquele que a emite.É o veículo de múltiplas manifestações anímicas, em razão de proceder do Espírito que a emite, qual antena que não cessa de vibrar.

Em razão da sutileza das ondas que exterioriza, a mente intervém nas construções do mundo físico e age diretamente sobre todos os corpos, às vezes alterando-lhes a constituição.Ao mesmo tempo, essa energia é responsável por inúmeros estados de bem e mal-estar, de saúde e de doença, de alento e de desconforto.Não te descuides do que pensas, do que aspiras, do que falas e de como ages. Da mente procedem todos esses passos e se não a tens disciplinada, habituada aos bons direcionamentos, sofrerás as correspondências da reciprocidade.”5

Enfermidades e Vida Saudável

Para entender: “etimologicamente (significado das palavras), doente é o que sente dor, o que sofre, o que padece;enfermo é o que está debilitado, enfraquecido pela doença.”9

As experiências do Dr. Bruce H. Lipton e do Prof. Dr. Hans Selye do Instituto Internacional de Estresse da Universidade de Montreal, Quebec, Canadá, revelam algo sobre as enfermidades : “ que os estados de tensão muito prolongados originam lesões graves nos órgãos, que as piores tensões são: Ansiedade, frustração e ódio são capazes de produzir úlcera gastroduodenais, arteriosclerose e hipertensão arterial, por exemplo.10 Doenças que ainda não têm cura como a diabetesproblemas cardíacos e o câncer podem destruir a vida de muitos, mas não são resultado de um único gene e sim de complexas interações.”4

A Doutrina Espírita afirma que: “A Lei de Causa e Efeito, que é Lei da Natureza, imprime os seus códigos em nome da Divina Justiça e a criatura sofre os efeitos malsãos dos seus impulsos não controlados, das suas ações infelizes, da sua persistente rebeldia em não aceitar os convites superiores da ordem e do dever.

Os comportamentos estressantes, o hábito de recalcar sentimentos agressivos, a conduta conformista exterior e rebelde interna, o acumular de ressentimentos ou paixões perturbadoras, as ambições desmedidas, o autodesamor, transformam-se em toxinas elaboradas pelo cérebro, que sofre o impacto da inarmonia mental, produzindo esses venenos que se espraiam pelo sistema nervoso central e terminam por fixar-se

nos departamentos orgânicos, especialmente naqueles mais sensíveis, quais os aparelhos gástricos, respiratório, genésico, estabelecendo desconserto geral.”5

Mente e Sistema Endócrino

“Da mente clareada pela razão, sede dos princípios superiores que governam a individualidade, partem as forças que asseguram o equilíbrio orgânico, por intermédio de raios ainda inabordáveis à perquirição humana, raios esses que vitalizam os centros perispiríticos, em cujos meandros se localizam as chamadas glândulas endócrinas,  que, a seu turno, despedem recursos que nos garantem a estabilidade do campo celular. Como é óbvio, nas criaturas encarnadas esses elementos se consubstanciam nos hormônios diversos que atuam sobre todos os órgãos do corpo físico, através do sangue. 

O homem comum, que já conhece a tiroxina e a adrenalina,  energias fabricadas pela tireoide e pelas supra-renais, com influência decisiva no trabalho circulatório, nos nervos e nos músculos, não ignora que todas as demais glândulas de secreções internas produzem recursos que decidem sobre saúde e enfermidades, equilíbrio e desequilíbrio nos indivíduos encarnados. Ora, em substância, como é fácil de ver, todos os estados acidentais das formas de que nos utilizamos, no espaço e no tempo,dependem, assim, do comando mental que nos é próprio.As doenças mais graves são aquelas que se originam na alma.”5

Para ter uma vida saudável: “Cabe ao ser inteligente descobrir na Terra a razão fundamental da própria existência, a fim de estabelecer os parâmetros propiciadores da felicidade, de forma a desenvolver a capacidade de crescimento interior, razão primacial da sua auto-realização. Enquanto não se resolva por detectar e aplicar os métodos mais compatíveis para o enriquecimento moral sentido ou significado transformador, tornando-se o transito carnal um desafio recheado de desencanto e aflição. Alegria, idealismo, realização dignificante, são gerados e mantidos pela mente em sintonia com a ordem universal, vitalizando quem a emite.”5

 Reforma Íntima, Recuperação e Cura

“Indispensável fazer-se a diferença técnica entre os processos de recuperação orgânica e cura. O primeiro diz respeito ao refazimento dos equipamentos celulares que desajustados, recompõem-se e voltam a funcionar com equilíbrio, nem sempre significando que houve o retorno da saúde; enquanto que o segundo, a cura, se verifica nas engrenagens mais delicadas da constituição celular.”5

A Dra. Barbara Ann Brennan, psicoterapeuta e cientista da NASA, em seu livro MÃOS DE LUZ, faz a seguinte abordagem: “O retorno à saúde requer um trabalho e uma mudança muito mais pessoais do que a simples ingestão das pílulas receitadas pelo médico. Sem essa mudança pessoal, acabaremos criando outro problema, que nos conduzirá de volta à origem da moléstia. Para lidar com ela, impõe-se, de ordinário, uma mudança capaz de conduzir finalmente a uma vida pessoal maisligada ao âmago do nosso ser. Conduz-nos à parte mais profunda de nós mesmos, às vezes denominada o eu superior ou acentelha da divindade que existe dentro de nós.”11

Na busca da saúde, a Reforma Íntima é essencial no processo de recuperação e cura, e o primeiro passo Santo Agostinho nos sinaliza através da resposta à questão 919 de “O Livro dos Espíritos”, quando Allan Kardec interroga: “Qual é o meio mais prático e mais eficaz para se melhorar nesta vida, e resistir ao arrastamento do mal?

- Um sábio da antiguidade vos disse: Conhece-te a ti mesmo.”13

E a doutrina Espírita continua a ampliar as diretrizes ensinando que: “Através das construções mentais saudáveis, das corretas e das transformações morais necessárias, o ser, etapa a etapa, vai-se libertando das injunções penosas, experimentando os sofrimentos que haja instalado em si mesmo, e utilizando dos inestimáveis recursos médicos e psicoterapêuticos, conseguirá recuperar-se dos distúrbios afligentes, enquanto gera novos fatores que trabalharão

pela sua paz e alegria de viver.2 Seja qual for porém, a enfermidade a desgastar o indivíduo, os estímulos verbais que lhe cheguem, as vibrações de simpatia que o visitem, as emoções joviais que experimente tornam-se excelente contributo psicoterapêutico, indispensável mesmo à sua recuperação, à reconquista da saúde , portanto, à cura.”5

Condições para a cura - a importância da fé 

“- A recepção e assimilação dos fluidos dependerá das condições no paciente e no ambiente (problemas cármicos e outras circunstâncias) que favoreçam ou não a permuta e assimilação fluídica.

- Com relação à corrente fluídica o curador age como uma bomba calcante e o enfermo como uma' bomba aspirante’, esclarece Kardec ("A Gênese", XV, item 11), acrescentando: ‘Algumas vezes, é necessária a simultaneidade das ações; doutras, basta uma só’.

- A fé, portanto, não é uma virtude mística mas uma força atrativa.

- Quando o enfermo não tem essa fé, ‘opõe à corrente fluídica uma força repulsiva, ou pelo menos uma força de inércia, que paralisa a ação’.

- Podemos entender, agora, porque Jesus, ao curar alguém, dizia: ‘Se tiveres fé’ ou ‘A tua fé te salvou’.

Ação dos espíritos sobre os fluidos e seu reflexo sobre o corpo físico

- Pelo pensamento e a vontade, os espíritos agem sobre os fluidos, que ficam impregnados das qualidades (boas ou más) dos pensamentos e sentimentos que os fazem vibrar (quer encarnado ou não o espírito que sobre eles atua).

- Jesus afirma essa relação espírito-corpo nas enfermidades,ao dizer, quando curava alguém: ‘Os teus pecados estão perdoados’.

Cura por ação fluídica

- Encarnados ou não, os espíritos têm no seu próprio perispírito um reservatório de fluidos (bons ou maus) e podem endereçá-los a outros seres. Os fluidos bons podem servir como agente terapêutico, para reparação perispiritual ou de reflexos no corpo.

O poder curativo dependerá:

- da pureza da substância fluídica inoculada;

- da energia da vontade (para emissão mais abundante e maior força de penetração dos fluidos). 


‘É muito comum a faculdade de curar pela influência fluídica e pode desenvolver-se por meio do exercício; mas, a de curar instantaneamente, pela imposição das mãos, essa é mais rara e o seu grau máximo se deve considerar excepcional’ (item 34, cap. XIV, ‘A Gênese’, de A-K-).

- Jesus a muitos curou por ação fluídica (‘ele mesmo tomou as nossas enfermidades e carregou as nossas doenças’, Mt. 8:16/ 17) e recomendava aos discípulos que assim agissem: ‘Curai os enfermos’ (Mt. 10:8).”12

Concluindo: “A consciência da realidade espiritual do ser auxilia-o a esforçar-se para continuar a viver no corpo, quanto lhe seja destinado, sabendo, não obstante, que desencarnará, como é natural, todavia, utilizando-se de todos os valiosos recursos da própria existência, a fim de torná-la mais digna e apetecida.

 Esse comportamento contribui de maneira expressiva para o seu restabelecimento, para a sua recuperação imediata e a sua cura mais tarde, ainda que venha a liberar-se da máquina física no momento próprio.

A condição de humanidade, isto é, de o indivíduo encontrar-se revestido de matéria, já traduz a sua efemeridade, realçando desse modo, a oportunidade de realizar a experiência auto-iluminativa. Jesus, que jamais enfermou, todavia, ofereceu-se em sacrifício, sem qualquer débito, a fim de ensinar sublimação e amor a todos os indivíduos, no seu estágio mais elevado que o pensamento pode identificar.Assim sendo, saúde é a perfeita harmonia da alma.”15

BIBLIOGRAFIA

1 – FRANCO, Divaldo Pereira. Momentos Enriquecedores. Pelo Espírito Joanna de Ângelis. 1a ed. Salvador. Leal.

2 - ___________. Triunfo Pessoal. Pelo Espírito Joanna de Ângelis. 1a ed. Salvador. Leal. 2002. Cap. 11. P 184 a 187.

3 - ANDREWS, Susan. Disponível em:

a href="http://super.abril.com.br/superarquivo/2004/conteudo_125370.shtml" target="_blank">http://super.abril.com.br/superarquivo/2004/conteudo_125370.shtml >. Acesso em: 26/11/2011.

4 – LIPTON, Bruce H..A BIOLOGIA DA CRENÇA ciência e espiritualidade na mesma sintonia: o poder da consciência sobre a matéria e os milagres. 1a ed. São Paulo. Butterfly Editora. 2007. cap.5 p. 156.

5 – FRANCO, Divaldo Pereira. Dias Gloriosos. Pelo Espírito Joanna de Ângelis. 1a  ed. Salvador. Leal. 1999.  Cap. 2, 3, 4 e 5.

6 - XAVIER, Francisco Cândido. AÇÃO e REAÇÃO. Pelo Espírito André Luiz.17a ed. 1956.

7 - ____________. ROTEIRO. Pelo espírito Emmanuel.

8 - ____________. OS MENSAGEIROS. Pelo Espírito André Luiz. Cap. 49.

9 - LINGUAGEM MÉDICA  AFECÇÃO, DOENÇA, ENFERMIDADE, MOLÉSTIA. Disponível em: a href="http://usuarios.cultura.com.br/jmrezende/afeccao.htm" target="_blank">http://usuarios.cultura.com.br/jmrezende/afeccao.htm >. Acesso em 5/12/2011.

10 – ENFERMIDADES. Disponível em:

 < http://www.espiritualismo.hostmach.com.br/enfermidades.htm >. Acesso em 5/12/2011.

11 – BRENNAN, Barbara Ann. MÃOS DE LUZ Um Guia para a Cura através do Campo de Energia Humana. 19a ed. São Paulo. Editora PENSAMENTO, 2000. cap. 1.  pg. 27

12 - Estudos espíritas do Evangelho - EME Editora. Disponível em:

http://www.espirito.org.br/portal/artigos/diversos/evangelho/curas-... > . Acesso em 15/ 08/2011.

13 – KARDEC, Allan. O Livro dos Espíritos. 3a ed. 2007. Cap. 1, Q. 76.  cap. 12. Q.919.

14– KARDEC, Allan. O Céu e o Inferno. 1a ed. 2007. cap. 8.

15 – XAVIER, Francisco Cândido. O CONSOLADOR. Pelo espírito Emmanuel. Cap. 5. Q. 95.

Exibições: 833

Comentar

Você precisa ser um membro de RAE para adicionar comentários!

Entrar em RAE

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

ASSOCIE-SE E COLABORE

ASSISTA AO VIVO

Artigos Espíritas

Por que ideias não espíritas são ensinadas nos centros espíritas?

Pode ser que ao ler o título deste texto você imagine que se trata de uma espécie de censura ou proibição a alguma ideia veiculada no centro espírita. Por isso, faço o convite para que prossiga na leitura, pois, adianto, não se trata de censura ou proibição de qualquer…

Ridículo silêncio

                                                             RIDÍCULO SILÊNCIO

Há muitas espécies de provação para a dignidade pessoal e numerosos gêneros de defesa.
Há feridas que atingem a honorabilidade de família, golpes que vibram sobre a realização individual, calúnias que envolvem o nome, acusações gratuitas, comentários desairosos à…

É sempre tempo de receber visitas (por Jane Maiolo)

É sempre tempo de receber visitas

Por Jane Maiolo

Pois, se nem ainda podeis as coisas mínimas, por que estais ansiosos pelas outras?” (1) Lucas 12:26

 …

Em geral o Espiritismo não trabalha com datas predefinidas para acontecimentos.

Em geral o Espiritismo não trabalha com datas predefinidas para acontecimentos.

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Desde que o mundo é mundo o homem busca, por meio das previsões, antecipar-se…

Reflexões sobre ações e críticas

            Você já se perguntou o que é a verdade? Jesus ao ser indagado por P Pilatos, na descrição do Evangelho segundo João, capítulo XVIII, respondeu com o maior silêncio que a humanidade já ouviu. Tenho me perguntado por que Ele adotou tal postura?   

            Neste…

Últimas atividades

LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog CUIDADO COM A OVER-DOSE! “VIVER É MELHOR QUE SONHAR" de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"Entrevista 27 agosto 2019 Aspectos Espiritas da Dependência Quimica https://www.facebook.com/photo.php?fbid=2389351081304967&set=a.1876084972631583&type=3&theater"
7 horas atrás
Ina Maria A. S.Lima curtiu a postagem no blog TRANSIÇÃO PLANETÁRIA de ANA MARIA TEODORO MASSUCI
11 horas atrás
Ina Maria A. S.Lima curtiu a postagem no blog TRANSIÇÃO PLANETÁRIA de ANA MARIA TEODORO MASSUCI
11 horas atrás
Shirley Cristiane Amaral curtiram a discussão MÉDIUNS E MEDIUNIDADE de Amigo Espírita
12 horas atrás
Amauri A. L. Silva curtiu a postagem no blog O IDEAL DE CADA UM - André Luiz de ANA MARIA TEODORO MASSUCI
14 horas atrás
Luiz Otavio Lemos Bastos curtiram a discussão Por que ideias não espíritas são ensinadas nos centros espíritas? de Wellington Balbo
15 horas atrás
Michel Jean Quete curtiu a postagem no blog Vigoroso convite! – Orson Peter Carrara de PATRIZIA GARDONA
19 horas atrás
Michel Jean Quete curtiu a postagem no blog TRANSIÇÃO PLANETÁRIA de ANA MARIA TEODORO MASSUCI
19 horas atrás
Michel Jean Quete curtiu a postagem no blog TRANSIÇÃO PLANETÁRIA de ANA MARIA TEODORO MASSUCI
19 horas atrás
Posts no blog por ANA MARIA TEODORO MASSUCI

CHICO XAVIER FALOU DA IMPORTÂNCIA DE AJUNTARMOS TESOUROS DA ALMA

"Sobre a Terra, tudo é ilusão, tudo passa, tudo se transforma de um instante para outro. O que conta é o que guardamos dentro de nós; tudo mais há de ficar com o corpo, que se desfará em pó... Não vale a pena tanta luta por nada! Precisamos crescer interiormente, adquirir valores que sejamos eternos... Uma simples célula cancerígena que nos apareça no corpo joga tudo no chão. Vamos partir para o Além com os tesouros da alma. Como é que haveremos de nos apresentar aos que nos endossaram a…Ver mais...
20 horas atrás
Carlos Pretti - SCEE curtiram o evento "Equilíbrio do Corpo e da Alma", com Dalva Silva Souza de Carlos Pretti - SCEE
20 horas atrás
Carlos Pretti - SCEE postou um evento
Miniatura

"Equilíbrio do Corpo e da Alma", com Dalva Silva Souza em Sociedade Colatinense de Estudos Espíritas

25 agosto 2019 de 9 a 10:15
Palestra no próximo domingo 25 de agosto de 2019, de 09 às 10h. da manhã na Sociedade Colatinense de Estudos Espíritas, com a professora, escritora e oradora Dalva Silva Souza de Vitória-ES. Ela abordará o tema “Equilíbrio do Corpo e da Alma”. Dalva Souza é ex-presidente da FEEES – Federação Espírita de Estado do Espírito Santo. Ela utiliza seu talento de poetiza e nos…Ver mais...
21 horas atrás
Ícone do perfilSergio Bini e Shirley Cristiane Amaral entraram no grupo de Amigo Espírita
Miniatura

Joanna de Ângelis e Divaldo Franco

Grandes Ensinamentos que iluminam e esclarecem.Grupo destinado aos ensinamentos do médium Divaldo Franco e da Benfeitora Joanna de Angelis. Ver mais...
ontem
Sergio Bini curtiram o evento Joanna de Ângelis e Divaldo Franco de Amigo Espírita
ontem
Sergio Bini curtiram a discussão O uso da palavra, segundo Joanna de Ângelis de Amigo Espírita
ontem
Shirley Cristiane Amaral entrou no grupo de Amigo Espírita
Miniatura

Mediunidade

Grupo para estudo da Mediunidade e sua prática conforme os ensinamentos de Allan Kardec, Chico Xavier, Divaldo Franco e espíritos de Escol. Vídeos, textos e todo material disponível nesta área.Ver mais...
ontem
Shirley Cristiane Amaral entrou no grupo de Amigo Espírita
Miniatura

Grandes Vultos do Espiritismo

O objetivo deste grupo é resgatar e conhecer a contribuição de valorosos obreiros que passaram pelo mundo, deixando um rastro de luz e pela expansão mundial da Doutrina Espírita.
ontem
Margarida Maria Madruga e Eliane Araujo Linhares agora são amigos
ontem
Amauri A. L. Silva curtiu a postagem no blog Ondas do Pensamento de PATRIZIA GARDONA
ontem
Ícone do perfilLeandro Alves Pinheiro, EUDES FREUD RODRIGUES MILITAO, Julia Allegri e mais 2 pessoas entraram em RAE
quinta-feira

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2019   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço