A imagem pode conter: 1 pessoa, desenho

Todos possuem a Mediunidade, e enquanto em alguns ela está “inativa”, em outros ela já é mais aflorada. Foi graças a Allan Kardec juntamente com os espíritos e a equipe de médiuns, que hoje é possível compreender a utilidade da mediunidade tanto para a Evolução Moral como Espiritual. Muitas pessoas não desenvolvem a mediunidade, por medo, insegurança, falta de informação. E como desenvolve-a? Através de estudos é possível encontrar métodos leves que fazem com que a pessoa se sinta bem, além de trazer o bem para os outros. E ainda, a mediunidade apresenta diversos sinais, são eles:

Intuição aflorada; Sonhos reveladores; Presenças; Coincidências; Ambientes | pessoas carregadas.

A Mediunidade que é um sensibilidade ao extrafísico (capacidade que a alma tem de captar energias de natureza não-física) possui diversos tipos. Confira:

Efeitos físicos: são manifestados em médiuns que têm a capacidade de provocar fenômenos naturais, por exemplo, mover corpos inertes; produzir ruídos, etc. Este tipo de mediunidade pode ser dividido em dois grupos: os facultativos, que são aqueles que possuem a consciência dos fenômenos que estão produzindo, e os naturais. que são utilizados pelos espíritos e são inconscientes de suas faculdades;

Sensitivos ou Impressionáveis: são sensíveis à presença de espíritos no ambiente. Muitos que possuem está habilidade são capazes de sentir a índole do espírito se ela é boa ou ruim;

Audientes ou clariaudientes: são os médiuns que escutam a voz dos espíritos, que pode ser ouvida no íntimo, ou então, de forma clara e distinta;

Médiuns videntes ou clarividente: são aqueles que conseguem enxergar os espírito de olhos abertos ou fechados;

Médiuns psicofônicos: os espíritos se comunicam por meio da fala, ou seja, o espírito se acopla no perispírito do médium;

Mediunidade de cura: são aqueles que possuem o dom da cura, que somente pelo toque, pelo olhar, por um gesto, conseguem curar o outro;

Médiuns mecânicos: este tipo de mediunidade se manifesta através de objetos que estão presentes nas mãos dos médiuns que tem habilidade, por exemplo, dependendo do nível de evolução e da índole de um espírito, lápis e cestas podem ser arremessados. O médium não tem consciência do que está escrevendo;

Intuitivos: a transmissão acontece pelo pensamento entre o desencarnado e o encarnado. Aqui, o espírito guia o médium para que este escreva suas vontades, servindo assim, como um intermediário entre o espírito e a mensagem que deverá ser passada;

Inspirados: tem como característica a espontaneidade e os médiuns apresentam dificuldade de discernir pensamentos próprios de sugestões dadas por espíritos. Os desencarnados agem como anjos da guarda, ou seja, guiam, aconselham e fazem com que o encarnado sinta a sua presença.

“Todo aquele que sente, num grau qualquer, a influência dos Espíritos é, por esse fato, médium. Essa faculdade é inerente ao homem; não constitui, portanto, um privilégio exclusivo. (…) Pode, pois, dizer-se que todos são, mais ou menos, médiuns. 

(Allan Kardec, O Livro dos Médiuns, capítulo XIV).
Por Antonio C. Piesigilli.

Exibições: 854

Comentar

Você precisa ser um membro de RAE para adicionar comentários!

Entrar em RAE

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

COLABORE COM A RAE

PRÓXIMOS EVENTOS AO VIVO

Artigos Espíritas

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ? - Nelson Xavier

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ?

“Quanto mais eu escrevo, mais as palavras aparecem. Quanto mais eu vivo, mais a vida me esquece.

Quanto mais eu choro, mais as lágrimas descem. Quanto mais eu amo,…

Reflexões sobre as Leis Naturais.

Reflexões sobre as Leis Naturais.

 

Quando se inicia o estudo da Lei Divina ou Natural, que consta em O Livro dos Espíritos, percebe-se que Kardec, na elaboração das perguntas aos Espíritos, objetiva eliminar as contradições…

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro... (Artigo de Jane Maiolo)

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro...

 por Jane Maiolo

Por que estamos nós…

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Você já esteve em ambientes em que se sentiu mal, constrangido, pouco à…

Por que estudar O livro dos médiuns? por Simoni Privato Goidanich

Por que estudar O livro dos médiuns?

Simoni Privato Goidanich

Artigo publicado na Revista A senda (nov-dez 2019), da Federação Espírita do Estado do…

Últimas atividades

Ariel Ale Anjo curtiram a página Regras de Conduta de Amigo Espírita
31 minutos atrás
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Medo da Morte? de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"Prêmio Nobel de Química diz que medidas de isolamento podem ter custado mais vidas do que salvo.  http://www.youtube.com/watch?v=0KfxOFsWwOk"
1 hora atrás
Ícone do perfilMarco Túlio Brito e Eliana entraram em RAE
1 hora atrás
Antonio Carlos G. Sarmento curtiram o perfil de Monica lucio
18 horas atrás
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Medo da Morte? de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"Com precaução ninguém morre antes da hora. (1) A autópsia das pessoas que morreram em conexão com o coronavírus tinham pelo menos uma doença anterior. Todos eles teriam morrido no decorrer deste ano.…"
21 horas atrás
LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA comentou a postagem no blog Medo da Morte? de LUIZ CARLOS DUARTE FORMIGA
"Confiança em Deus. Há sempre um amanhã, diz o poeta. Você pode esperar. Um lindo amanhã há chegar. Há sempre um amanhã, pra quem vive a sofrer, não custa esperar, você vai ver. E…"
ontem
Nilton Cardoso Moreira comentou a postagem no blog Não temos para onde fugir de Nilton Cardoso Moreira
"Muito bem colocado amigo Virgilio. Obrigado pelo comentário."
quarta-feira
Codificador do Paracleto curtiu a postagem no blog Deus é um imenso “inexistir”? (Jorge Hessen) de os pae
terça-feira
Virgilio Augusto Esteves comentou a postagem no blog Não temos para onde fugir de Nilton Cardoso Moreira
"Nem a folha da árvore cai sem a permissão de Deus Pai. Acaso é termo Materialista"
terça-feira
Virgilio Augusto Esteves curtiu a postagem no blog Não temos para onde fugir de Nilton Cardoso Moreira
terça-feira
Virgilio Augusto Esteves curtiu a postagem no blog Não temos para onde fugir de Nilton Cardoso Moreira
terça-feira
Elton Santos da Costa comentou a postagem no blog Na Escola Terrestre - (Mensagem psicografada por Wagner Paixão, em 18 abril de 2020) de Amigo Espírita
"Gratidao por essa mensagem tão esclarecedora."
terça-feira

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2020   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço