Viva como as Flores
Mestre, como faço para não me aborrecer?

Algumas pessoas falam demais, outras são ignorantes.

Algumas são indiferentes. Sinto ódio das que são mentirosas e ainda sofro com as que caluniam.

Pois viva como as flores, advertiu o mestre.

Como é viver como as flores? – Perguntou o discípulo.

Repare nestas flores, continuou o mestre, apontando lírios que cresciam no jardim. Elas nascem no esterco, entretanto, são puras e perfumadas.

Extraem do adubo malcheiroso tudo que lhes é útil e saudável, mas não permitem que o azedume da terra manche o frescor de suas pétalas.

É justo angustiar-se com as próprias culpas, mas não é sábio permitir que os vícios dos outros o importunem.

Os defeitos deles são deles e não seus.

Se não são seus, não há razão para aborrecimento.

Exercite, pois, a virtude de rejeitar todo o mal que vem de fora.

Isso é viver como as flores.

………………………………………………………………………………………….

Numa simples orientação, sem dúvida, uma grande e nobre lição de bem-viver.

Mas, para viver como as flores, é preciso, ainda, observar outras características que elas nos oferecem como exemplo.

Importante notar que nem todas as flores têm facilidades, mas todas têm algo em comum: florescem onde foram plantadas.

Seja em terreno hostil, em meio a pedregulhos ou em jardins tecnicamente bem cuidados, as flores surgem para perfumar e embelezar a vida.

Existem as flores heroínas, que precisam lutar com valentia por um lugar ao sol. São aquelas que surgem em minúsculas frinchas, abertas em calçadas ou muros de concreto.

Precisam encontrar, com firmeza e determinação, um espaço para brotar, crescer e florescer.

Há flores, cujas sementes ficam sob o solo escaldante do deserto por muitos anos, esperando que um dia as gotas da chuva tornem possível emergir…

E, então, surgem, por poucos dias, só para espalhar seu perfume e lançar ao solo novas sementes, que germinarão e florescerão ao seu tempo.

Em campos cobertos de neve, há flores esperando que o sol da primavera derreta o gelo para despertar de sua letargia e colorir a paisagem, em exuberância de cores e perfumes.

Existem, ainda, flores resignadas, que se imolam na tentativa de tornar menos tristes as cerimônias fúnebres dos seres humanos… enfeitando coroas sem vida.

Viver como as flores, portanto, é muito mais do que saber retirar vida, beleza e perfume do estrume…

Viver como as flores é entender e executar a missão que cabe a você, a mais bela e valorosa criatura de Deus, para quem todas as flores foram criadas…

Redação do Momento Espírita, com base em história de autoria ignorada.

Exibições: 113

Comentar

Você precisa ser um membro de RAE para adicionar comentários!

Entrar em RAE

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

ASSOCIE-SE E COLABORE

Artigos Espíritas

Espiritualidade em comportamento de crise (por Jane Maiolo)

Espiritualidade em comportamento de crise

Por Jane Maiolo

 

Então disseram os fariseus entre si: vede que nada é proveitoso! Eis…

Chico Xavier - O servidor

Compartilhamos com os amigos da RAE este belo artigo.

Sds



Atribuem a Mark Twain a citação da seguinte frase: “Não gosto de elogios.
Nunca acho que falaram o…

O custo do abandono emocional (Jane Maiolo)

O custo do abandono emocional 

 

  

 

“Por isso não desfalecemos; mas, ainda que o nosso homem exterior se corrompa, o interior, contudo, se renova de dia em dia”.…

Hipocrisia gourmet: os riscos de uma seita chamada Espiritismo.

Hipocrisia gourmet: os riscos de uma seita chamada Espiritismo.

 

 

E ele, respondendo, disse-lhes: Bem profetizou Isaías acerca de vós, hipócritas, como está escrito:Este povo honra-me com os lábios,Mas o seu coração está longe de mim;…

Pedagogia do silêncio ou talking cure?

Pedagogia do silêncio ou talking cure? 

 

 

 

E ele lhes disse: Que palavras são essas que, caminhando, trocais entre…

Últimas atividades

Angela Nardelli e Carlos Pretti - SCEE agora são amigos
4 horas atrás
Posts no blog por PATRIZIA GARDONA
8 horas atrás
André Goes respondeu à discussão É lícito pedir para não deixar-nos cair em tentação, mas livrar-nos do mal? de Marcelo Pimentel
"Amigo Luis, As escolhas são diferentes porque somos diferentes. Mesmo sendo gêmeos, o ser e a mente são individuais.O fato da doutrina dizer que somos criados perfeitamente iguais é somente um teoria adotada por ela. Mas…"
16 horas atrás
suely I B Melo curtiram a discussão Espiritualidade em comportamento de crise (por Jane Maiolo) de Amigo Espírita
ontem
Diógenes Francisco Pelegrini postou eventos
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Márcia Rosane Soares
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Silvia Helena Canella Mantoan
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Frederico Afonso Fragoso
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Ellen
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Claudio Wichr
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Marcelo Bizzi
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Kary Magalhães
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de ODILON FAGUNDES DA SILVA
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de MARLON DA PAIXAO DOS SANTOS
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Alice de Paula
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Sabrina
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Éder Galúcio
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de JOISANE FLOR
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de suely I B Melo
ontem
Carlos Pretti - SCEE curtiram o perfil de Vera da Silva
ontem

Regras de uso e de publicação

 

 

Badge

Carregando...

© 2019   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço