AMÉRICO CANHOTO

Conforme nos alertou Jesus: “Nos últimos tempos, espalharei meu espírito sobre toda a carne; vossos filhos e filhas profetizarão; vossos jovens terão visões, e vossos velhos terão sonhos”. (Atos, capítulo 2, versículo 17 e 18). Quando pensamos em mediunidade logo nos vem á cabeça a de prova, aquela de compromisso de tarefa espiritual, esquecemos que ela é um atributo natural e fisiológico nosso.
A mediunidade nos primeiros anos de vida sempre foi mais evidente, e a explicação é simples, as ligações entre o corpo físico e o espiritual são bem mais flexíveis permitindo que a criança veja e converse com desencarnados ou mesmo elementais que estão ali, mas que os adultos não são capazes de perceber. Pessoas desavisadas atribuem isso à imaginação fértil e, logo passam a ignorá-las e até a criticá-las; deixam a criança falando sozinha e, essa atitude pode trazer uma série de problemas psicológicos em breve futuro. O correto é indagar estimulando-as a reportarem seus diálogos quando ocorrem e a pedir-lhes que descrevam o que estão vendo e, a dar-lhe crédito; lógico que o senso crítico de cada um define até onde isso pode levar e a buscar ajuda adequada quando se faça necessário. Um problema da mediunidade, no caso a vidência infantil, é o terror noturno em virtude das formas-pensamento geradas pelos adultos da casa. Expliquemos: nossos pensamentos repetitivos coagulam-se formando telas (ideoplastias), a maior parte de nós tem pouco ou nenhum cuidado em vigiar os pensamentos como nos recomendou Jesus, e daí, os filminhos onde somos os diretores, roteiristas e protagonistas, e que as crianças são obrigadas a assistirem á noite, as deixam apavoradas. Se nossos filhos estão com medo de dormir, opa, é hora de rever com muito cuidado e carinho, como anda nossa reforma íntima. Outro fato comum é a facilidade com que muitas crianças acessam os arquivos de vidas passadas; nesse caso também é preciso que se dê atenção e que o senso crítico defina a conduta posterior. Normalmente essas são fases curtas, e o adulto deve aproveitá-las para aprender, pois á medida que os interesses da criança vão se materializando mais essa mediunidade tende a desaparecer (exceto quando é tarefa combinada antes do nascimento). Na colocação de Jesus sobre os “sonhos dos velhos”, a explicação é muito parecida com o que ocorre na infância, a ligação entre o corpo físico e o perispírito fica bem mais flexível permitindo que o idoso ou o doente grave apresente manifestação mediúnica (raramente eles incorporam – pois seus mentores não permitem, apenas relatam, conversam, transmitem recados, misturam fatos de vidas passadas com a atual). Quem tiver a oportunidade de vivenciar experiências desse tipo deve aproveitá-las ao máximo para aprender e até para reciclar seus projetos de vida. Recomendo, vale a pena.
Será que a mediunidade explícita na infância está mesmo aumentando?
Os tempos já são chegados? Os sinais precursores já estão ocorrendo?
É inegável que sim. E o melhor exemplo é o nascimento em larga escala das crianças índigo e cristais. Principalmente no que tange á mediunidade, as cristais, o são de forma ostensiva. Mas, nada das mediunidades de prova, de tarefa, elas não incorporam nem psicografam, apenas usam seus abundantes recursos espirituais naturais. Pode ser que outros tipos as sucedam para provocar mudanças significativas na vida do homem: para induzir a um cada vez mais rápido progresso evolutivo. Então, Bendito seja o final destes tempos e todas as suas acelerações! Que surjam cada vez mais crianças índigo, cristal e sucedâneas que nos mostrem e provem com absoluta traquilidade as finalidades do existir. Que esses “veneráveis e sábios” seres ainda infantis, esfreguem na nossa cara “normal” as “verdades Divinas”. Bem-vindos sejam todos esses amigos das estrelas que nos visitam com mais frequência e intensidade de hora em diante... Aleluia.
Para nós que labutamos no eterno aprendizado na seara espírita essa turma de novas crianças nos trouxe muitas dúvidas e alguns problemas de ordem funcional. Vejamos: Há idade cronológica para manifestações espirituais? Idade certa para aplicar passes? Hora de trabalhar em prol do próximo? Participar das entrevistas, para aconselhar segundo o Evangelho de Jesus na Casa Espírita? Quem pode garantir que, apenas a partir de tal idade um índigo ou um cristal possa aplicar passes ou aconselhar alguém? Quem se atreve a responder? Tudo isso, é bom ou ruim? Amigos, num simples parágrafo; melhor ainda; numa simples palavra é possível resumir o incrível aumento da mediunidade infantil que sempre existiu: evolução. Apenas o inexorável progresso. Que dentre muitas outras coisas, esses fatos nos levem a analisarmos nossos conceitos sobre mediunidade. Revisemos tudo. Critiquemo-nos Desconfiemos de nós mesmos, pois o que é o tempo na quarta e nas outras dimensões? Qual o papel que represento como médium? Um espírito com a tarefa de apagar a luz pode vestir-se de bonzinho e encher a cabeça das pessoas com frases e colocações melodiosas por séculos. Que interesses nos movem verdadeiramente nas nossas tarefas?
A mediunidade infantil merece muito estudo e considerações, lançamos apenas uma dúvida: Qual a relação entre mediunidade e educação? Para as pessoas interessadas recomendamos que estudem as características das crianças índigo e das cristais. Segunda-feira,  dia 29 de janeiro, no 2°Seminário sobre crianças índigo, certamente muitas explicações interessantes podem surgir.
Até lá.
Muita paz!
Américo Canhoto

VIDEO

DIVALDO FRANCO CRIANÇAS ÍNDIGO E CRISTAIS (COMPLETO)

http://www.redeamigoespirita.com.br/video/divaldo-franco-crian-as-n...

Exibições: 8382

APLICATIVO RAETV

Nosso aplicativo para download gratuito no Google Play

COLABORE COM A RAE

PRÓXIMOS EVENTOS AO VIVO

Artigos Espíritas

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ? - Nelson Xavier

HÁ AMOR NO QUE VOCÊ FAZ?

“Quanto mais eu escrevo, mais as palavras aparecem. Quanto mais eu vivo, mais a vida me esquece.

Quanto mais eu choro, mais as lágrimas descem. Quanto mais eu amo,…

Reflexões sobre as Leis Naturais.

Reflexões sobre as Leis Naturais.

 

Quando se inicia o estudo da Lei Divina ou Natural, que consta em O Livro dos Espíritos, percebe-se que Kardec, na elaboração das perguntas aos Espíritos, objetiva eliminar as contradições…

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro... (Artigo de Jane Maiolo)

E quando o desequilíbrio da saúde mental destrói o futuro...

 por Jane Maiolo

Por que estamos nós…

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

Por que nos sentimos mal em determinados ambientes?

 

Wellington Balbo – Salvador BA

 

Você já esteve em ambientes em que se sentiu mal, constrangido, pouco à…

Por que estudar O livro dos médiuns? por Simoni Privato Goidanich

Por que estudar O livro dos médiuns?

Simoni Privato Goidanich

Artigo publicado na Revista A senda (nov-dez 2019), da Federação Espírita do Estado do…

Últimas atividades

jose carlos neofiti curtiu a postagem no blog Na Escola Terrestre - (Mensagem psicografada por Wagner Paixão, em 18 abril de 2020) de Amigo Espírita
13 horas atrás
Amauri A. L. Silva curtiu a postagem no blog Não temos para onde fugir de Nilton Cardoso Moreira
13 horas atrás
os pae curtiu a postagem no blog Deus é um imenso “inexistir”? (Jorge Hessen) de os pae
15 horas atrás
Posts no blog por Nilton Cardoso Moreira

Não temos para onde fugir

            Neste momento de dificuldade que estamos todos passando e que o maior atingido na insegurança é o rico, pois que…Ver mais...
ontem
Amigo Espírita agora é amigo de WAGNER RICARDO FERNANDES, Val Sousa, Marlene Costa e Tania Maria Fonseca
ontem
Posts no blog por os pae

Deus é um imenso “inexistir”? (Jorge Hessen)

Jorge Hessenjorgehessen@gmail.comBrasília/DF Ora, quando refletimos sobre Deus e pensamos nele como “existente”, e ainda…Ver mais...
ontem
Ícone do perfilBRAZNER VICENTE, Luiz Carlos Maldonado de Carvalh e Antonio Julio Limpo Trigueiros entraram em RAE
ontem
Posts no blog por PATRIZIA GARDONA

Angústias De Um Dirigente Espírita

Orson Peter CarraraEu conheço várias dessas angústias. Minhas andanças pelo país e minha história de vida, também como dirigente no…Ver mais...
ontem
Maria Lucineide Sampaio comentou a postagem no blog Na Escola Terrestre - (Mensagem psicografada por Wagner Paixão, em 18 abril de 2020) de Amigo Espírita
"Muito profundo e oportuno.  Gratidāo!"
ontem
Maria Lucineide Sampaio curtiu a postagem no blog Na Escola Terrestre - (Mensagem psicografada por Wagner Paixão, em 18 abril de 2020) de Amigo Espírita
ontem
DÓRIS MARIANA SIQUEIRA ALVARENGA curtiram o perfil de DÓRIS MARIANA SIQUEIRA ALVARENGA
ontem
Luiz Carlos Maldonado de Carvalh curtiu a postagem no blog Na Escola Terrestre - (Mensagem psicografada por Wagner Paixão, em 18 abril de 2020) de Amigo Espírita
ontem

Regras de uso e de publicação

 

 

© 2020   Criado por Amigo Espírita.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço